1. CONCEITUAÇÃO:
Substantivo é a classe de palavra que:

a)- do ponto de vista semântico, designa todo tipo de ser: pessoas, coisas, divindades, etc.;

b)- do ponto de vista mórfico, assume as categorias de gênero (masculino/feminino), e número (singular/plural);

c)- do ponto de vista sintático, funciona sempre como suporte ao qual se associam palavras modificadoras.

2. DEFINIÇÃO:
Substantivo é a palavra ou termo (grupo de palavras ou oração) com que, em geral, nomeamos as coisas ou seres.

3. CLASSIFICAÇÃO:

a)- Comuns: Envolvem um conjunto de propriedades básicas e se aplicam comumente a muitos seres ou coisas de uma só espécie, Ex: homem, cachorro, caderno, lápis...

b)- Próprios: Designam um ser ou uma coisa entre seres e coisas da mesma espécie e a este ser ou a esta coisa somente se refira, Ex: Brasil, João, Guanabara, Rex...

c)- Concretos: Designam seres ou coisa cuja existência real conhecemos ou supomos que existam.
Concretos reais: Seres que existem por si: Deus, homem, casa, alma, José, demônio, anjo...
Concretos fictícios: Apresentam-se em nossa imaginação como se existissem: saci, fada, bruxa..

d)- Abstratos: Designam qualidades, estados ou ações que só existem quando abstraídos de seres que possuem ou executam estas qualidades: viuvez, beleza, feiura, amizade, amor...

e)- Coletivos: Designam a pluralidade como se fosse uma unidade: cardume, enxame, vara, manada..

4. FORMAÇÃO:
f )- Primitivo: É aquele que não resulta de outro: pedra, livro, dente, flor, café...

g)- Derivado: É aquele que deriva de outra palavra: pedreiro, livraria, dentista, floricultura...

h)- Simples: É aquele que só tem que um radical: espada, peixe, jóia, guarda, mar, vidro...

i )- Composto: É aquele que tem mais de um radical: peixe-espada, pé-de-moleque, passatempo...

5. FLEXÃO:
a)- Gênero: - Masculino: homem, aluno, gato...
- Feminino: mulher, aluna, gata...
Quanto à formação do feminino, os substantivos podem ser:

A)- Epicenos: Têm apenas um gênero: o tigre, a cobra. Para designar o sexo usam-se as palavras (macho/fêmea)

B)- Comum de dois: Têm uma única forma para ambos os gêneros, distinguidos pelo artigo: artista, mártir, regente, pianista...

C)- Sobrecomuns: Têm apenas um gênero, designando ambos os sexos: a testemunha, o cônjuge, a criança, a vítima...

D)- Heterônimos:Apresentam palavras diferentes para o masculino e o feminino:bode/cabra, boi/vaca cão/cadela, homem/mulher...

E)- Gênero duvidoso: A gramática ainda não se definiu sobre o gênero: laringe, faringe, hélice, tapa..

b)- Número: Singular: livro, mesa. homem...
Plural: livros, mesas, homens...

c)- Grau: I- Normal: casa, mesa, livro...
II- Aumentativo: Analítico: casa grande, mesa grande, livro grande...
Sintético: casarão, mesona, livrão...

III- Diminutivo: Analítico: casa pequena, mesa pequena, livro pequeno...
Sintético: casinha, mesinha, livrinho...

Obs: Podem indicar noção de afetividade ou de desprezo: amigão, livreco, casebre, mulherzinha...