Ao solicitar o financiamento pelo Fundo de Financiamento do Estudante do Ensino Superior (Fies), é obrigatório ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de qualquer edição a partir de 2010, com aproveitamento de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota maior do que zero na redação.

O FIES é destinado aos estudantes que mais precisam de ajuda para pagar a faculdade. Por isso, para ter direito a concorrer a uma vaga é preciso comprovar renda familiar bruta mensal de no máximo três salários mínimos por pessoa.

Quem já tem um diploma de nível superior e se encaixa nos requisitos também pode concorrer. No entanto, a disputa é mais acirrada. O MEC prioriza quem ainda não se formou na faculdade.

A nova regra também define a utilização do ProUni e do Fies ao mesmo tempo. O bolsista parcial do ProUni pode pedir o FIES para complementar a mensalidade, desde que seja para o mesmo curso e mesma instituição onde tem bolsa do ProUni e que a soma dos dois benefícios não ultrapasse o valor dos encargos educacionais com desconto.

As inscrições para o FIES são gratuitas e acontecem duas vezes por ano: no primeiro e no segundo semestre.

Universidades que aceitam o FIES

A cada edição do FIES, muda a lista de vagas disponíveis e faculdades participantes.  Confira algumas das principais instituições de ensino que costumam participar do FIES:
Para saber exatamente quais os cursos e instituições com vagas abertas, consulte o site do FIES durante o período de inscrições.

Veja também:
Como usar o FIES para pagar a faculdade

Você se encaixa nos requisitos para pedir o FIES? Vai tentar uma vaga? Conte para a gente nos comentários!