Os custos de uma faculdade tem aumentado drasticamente na última década e financiar a educação universitária tornou-se um dos maiores desafios para quem pretende obter uma graduação. Os custos do ensino superior fazem com que muitos interessados não tenham como pagar a faculdade.

Como Pagar a Faculdade - Financiamento Estudantil e Bolsas

Você escolheu qual carreira pretende seguir, prestou o vestibular, foi aprovado, mas e agora, como irá pagar a matrícula e os custos do ensino superior? Pagar a faculdade nem sempre é fácil, mas existem opções para financiar seus estudos e conseguir o sonhado diploma. Veja abaixo quais são as melhores opções para pagar sua faculdade:

FIES

O Programa de Financiamento Estudantil (FIES) é destinado a financiar, prioritariamente, a graduação no Ensino Superior de estudantes que não têm condições de arcar com os custos de sua formação e estejam regularmente matriculados em instituições não gratuitas, cadastradas no Programa e com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo Ministério da Educação (MEC).

Para participar do FIES o estudante precisa passar pelo Processo Seletivo de candidatos ao financiamento e estar regularmente matriculado em instituições de ensino privadas cadastradas no programa. Os critérios de seleção levam em consideração o perfil socioeconômico dos candidatos. As inscrições para o FIES são feitas pela internet, no site do FIES.

As inscrições para o FIES

No site do FIES são disponibilizadas todas as informações para que a inscrição seja efetuada de forma correta. O candidato pode verificar como a inscrição é realizada passo a passo, consultar as instituições participantes e os cursos oferecidos e fazer sua inscrição.

Sobre o FIES

  • Taxas de juros de 3,4% ao ano, para todos os cursos.
  • O financiamento pode ser solicitado em qualquer período do ensino superior.
  • Pode ser financiado de 50 a 100% do curso.
  • O aluno começa a pagar apenas após a formatura, pagando durante o período do curso apenas uma trimestralidade de até R$ 50,00. Essa trimestralidade permanece nos 18 meses após a conclusão do curso de graduação
  • O pagamento pode ser feito em até 3 vezes o tempo em que utilizou o FIES mais 12 meses, o que pode chegar a até 13 anos.

Saiba mais em: Fies

ProUni

O Programa Universidade para Todos (ProUni) provê bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação em universidades e faculdades privadas brasileiras a estudantes de baixa renda.

Para inscrever-se no ProUni é necessário não ter um diploma de curso superior, ter realizado o último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ter alcançado o mínimo de 400 pontos na média das cinco competências do exame (Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Matemática e suas Tecnologias e Redação) e nota superior a zero na redação.

Apenas estudantes com renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa podem concorrer a bolsas integrais do ProUni. Para as bolsas parciais (50%) a renda familiar deve ser de até três salários mínimos por pessoa e satisfazer pelo menos uma das condições abaixo:

  • Ter cursado todo o ensino médio em escola pública ou em escola particular com bolsa integral;
  • Ter cursado parte do ensino médio em escola pública e parte em escola particular, desde que com bolsa integral;
  • Possuir alguma deficiência;
  • Ser professor atuante na rede pública de ensino básico, que integre o quadro profissional constante da instituição pública. Além disso, os candidatos devem concorrer a bolsas nos cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia.

Saiba mais em: ProUni

Inscrições do ProUni

As inscrições para o ProUni são feitas exclusivamente pela internet, através do site onde o candidato poderá escolher até duas opções de curso e instituição. No site do ProUni você encontra a lista de universidades e cursos que participam do programa.

Financiamento Universitário

O financiamento privado para faculdade pode ser a escolha certa para estudantes que não preenchem os requisitos do FIES ou ProUni.  Atualmente existem muitas opções e instituições financeiras que financiam a universidade.

O crédito estudantil PRAVALER, da Ideal Invest, financia parte do custo de sua graduação, permitindo assim abrandar o valor da mensalidade da universidade e possibilitando que você continue seus estudos. Neste modelo, as mensalidades são pagas todo mês durante o curso, até o dobro da duração da graduação. Este modelo de crédito pode ser usado tanto por alunos já matriculados em cursos de graduação como por estudantes que ainda estão ingressando na universidade. Atualmente mais de 260 faculdades e universidades de todo Brasil participam do programa com mais de 12.500 cursos cadastrados. Os juros do PRAVALER variam de 0% a 1,99% ao mês dependendo da faculdade e do curso.  Alunos já matriculados em faculdades e universidades que possuem mensalidades atrasadas na faculdade também podem participar do programa, com juros de 1,99% a 3,49% ao mês. Dados referentes até o primeiro semestre de 2012.

Além disso, os candidatos que foram beneficiados com o FIES, desde que não tenham conseguido financiamento de 100%, podem financiar o restante com o PRAVALER.

Bons estudos!