1. A cal (óxido de cálcio, CaO), cuja suspensão em água é muito usada como uma tinta de baixo custo, dá uma tonalidade branca aos troncos de árvores. Essa é uma prática muito comum em praças públicas e locais privados, geralmente usada para combater a proliferação de parasitas. Essa aplicação, também chamada de caiação, gera um problema: elimina microrganismos benéficos para a árvore.

Disponível em: http://super.abril.com.br. Acesso em: 1 abr. 2010 (adaptado).

A destruição do microambiente, no tronco de árvores pintadas com cal, é devida ao processo de:

Resposta: letra B. A suspensão aplicada ao tronco das árvores é hipertônica em relação a eles; assim, ocorre perda de água do microambiente para a cal, processo conhecido como osmose. Como a água é essencial à sobrevivência dos organismos, o ambiente torna-se inviável à existência de vida.
  • a) difusão, pois a cal se difunde nos corpos dos seres do microambiente e os intoxica.
  • b) osmose, pois a cal retira água do microambiente, tornando-o inviável ao desenvolvimento de microrganismos.
  • c) oxidação, pois a luz solar que incide sobre o tronco ativa fotoquimicamente a cal, que elimina os seres vivos do microambiente.
  • d) aquecimento, pois a luz do Sol incide sobre o tronco e aquece a cal, que mata os seres vivos do microambiente.
  • e) vaporização, pois a cal facilita a volatilização da água para a atmosfera, eliminando os seres vivos do microambiente.
2. No Japão, um movimento nacional para a promoção da luta contra o aquecimento global leva o slogan: 1 pessoa, 1 dia, 1 kg de CO2 a menos! A ideia é cada pessoa reduzir em 1 kg a quantidade de CO2 emitida todo dia, por meio de pequenos gestos ecológicos, como diminuir a queima de gás de cozinha.

Um hamburguer ecológico? É pra já! Disponível em: http://lqes.iqm.unicamp.br. Acesso em: 24 fev. 2012 (adaptado).

Considerando um processo de combustão completa de um gás de cozinha composto exclusivamente por butano (C4H10), a mínima quantidade desse gás que um japonês deve deixar de queimar para atender à meta diária, apenas com esse gesto, é de :

Dados: CO2 (44 g/mol); C4H10 (58 g/mol)

Resposta: letra B. O óxido de cálcio em água origina o hidróxido de cálcio, conhecido por água de cal ou leite de cal. O leite de cal é uma suspensão que é aplicada nos troncos das árvores, provocando alteração no pH dos microambientes, que irá provocar a morte dos microrganismos. Devido à osmose, como a concentração da solução é superior à concentração do microambiente, a água é retirada do mesmo, tornando-o inviável para o desenvolvimento dos microrganismos.
  • a) 0,25 kg.
  • b) 0,33 kg.
  • c) 1,0 kg.
  • d) 1,3 kg.
  • e) 3,0 kg.
3. A bile é produzida pelo fígado, armazenada na vesícula biliar e tem papel fundamental na digestão de lipídeos. Os sais biliares são esteroides sintetizados no fígado a partir do colesterol, e sua rota de síntese envolve várias etapas. Partindo do ácido cólico representado na figura, ocorre a formação dos ácidos glicocólico e taurocólico; o prefixo glico- significa a presença de um resíduo do aminoácido glicina e o prefixo tauro-, do aminoácido taurina.

A combinação entre o ácido cólico e a glicina ou taurina origina a função amida, formada pela reação entre o grupo amina desses aminoácidos e o grupo:

Resposta: letra A. A função amida pode ser obtida pela reação entre um ácido carboxílico e uma amina, como esquematizado abaixo:

Sendo assim, a função amida será obtida pela reação do grupo amino da glicina ou taurina com o grupo carboxila do ácido cólico.

  • a) carboxila do ácido cólico.
  • b) aldeído do ácido cólico.
  • c) hidroxila do ácido cólico.
  • d) cetona do ácido cólico.
  • e) éster do ácido cólico.
4. Para diminuir o acúmulo de lixo e o desperdício de materiais de valor econômico e, assim, reduzir a exploração de recursos naturais, adotou-se, em escala internacional, a política dos três erres: Redução, Reutilização e Reciclagem.

Um exemplo de reciclagem é a utilização de:

Resposta: letra B. A reciclagem é o termo geralmente utilizado para designar o reaproveitamento de materiais beneficiados como matéria-prima para um novo produto. O conceito de reciclagem serve apenas para os materiais que podem voltar ao estado original e ser transformado novamente em um produto igual em todas as suas características. A alternativa B cita a transformação das latas de alumínio em lingotes que poderão ser novamente transformadas em latas de alumínio com as mesmas características.
  • a) garrafas de vidro retornáveis para cerveja ou refrigerante.
  • b) latas de alumínio como material para fabricação de lingotes.
  • c) sacos plásticos de supermercado como acondicionantes de lixo caseiro.
  • d) embalagens plásticas vazias e limpas para acondicionar outros alimentos.
  • e) garrafas PET recortadas em tiras para fabricação de cerdas de vassouras.
5. A produção mundial de alimentos poderia se reduzir a 40% da atual sem a aplicação de controle sobre as pragas agrícolas. Por outro lado, o uso frequente dos agrotóxicos pode causar contaminação em solos, águas superficiais e subterrâneas, atmosfera e alimentos. Os biopesticidas, tais como a piretrina e a coronopilina, têm sido uma alternativa na diminuição dos prejuízos econômicos, sociais e ambientais gerados pelos agrotóxicos.

Identifique as funções orgânicas presentes simultaneamente nas estruturas dos dois biopesticidas apresentados:

Resposta: letra B. Na piretrina e na coronopilina temos as seguintes funções orgânicas:

As funções orgânicas presentes simultaneamente nas estruturas dos dois biopesticidas apresentados são cetona e éster.

  • a) Éter e éster.
  • b) Cetona e éster.
  • c) Álcool e cetona.
  • d) aldeído e cetona.
  • e) Éter e ácido carboxílico.
6. Os biocombustíveis de primeira geração são derivados da soja, milho e cana-de-açúcar e sua produção ocorre através da fermentação. Biocombustíveis derivados de material celulósico ou biocombustíveis de segunda geração — coloquialmente chamados de “gasolina de capim” — são aqueles produzidos a partir de resíduos de madeira (serragem, por exemplo), talos de milho, palha de trigo ou capim de crescimento rápido e se apresentam como uma alternativa para os problemas enfrentados pelos de primeira geração, já que as matérias-primas são baratas e abundantes.

DALE, B. E.; HUBER, G. W. Gasolina de capim e outros vegetais.

O texto mostra um dos pontos de vista a respeito do uso dos biocombustíveis na atualidade, os quais :

Resposta: letra A. O texto destaca aspectos da produção de biocombustíveis de 1a e 2a geração como matrizes energéticas que não só poluem menos, como ainda podem propiciar a geração de novos empregos. Porém, o bom resultado dos biocombustíveis de 2a geração depende do uso de tecnologia adequada, de maneira a evitar a produção de substâncias que possam provocar impactos socioeconômicos e ambientais.
  • a) são matrizes energéticas com menor carga de poluição para o ambiente e podem propiciar a geração de novos empregos, entretanto, para serem oferecidos com baixo custo, a tecnologia da degradação da celulose nos biocombustíveis de segunda geração deve ser extremamente eficiente.
  • b) Oferecem múltiplas dificuldades, pois a produção é de de alto custo, sua implantação não gera empregos, e deve-se ter cuidado com o risco ambiental, pois eles oferecerem os mesmos riscos que o uso de combustíveis fósseis.
  • c) sendo de segunda geração, são produzidos por uma tecnologia que acarreta problemas sociais, sobretudo decorrente do fato de a matéria-prima ser abundante e facilmente encontrada, o que impede a geração de novos empregos.
  • d) sendo de primeira e segunda geração, são produzidos por tecnologias que devem passar por uma avaliação criteriosa quanto ao uso, pois uma enfrenta o problema da falta de espaço para plantio da matéria-prima e a outra impede a geração de novas fontes de emprego.
  • e) podem acarretar sérios problemas econômicos e sociais, pois a substituição do uso de petróleo afeta negativamente toda uma cadeia produtiva na medida em que exclui diversas fontes de emprego nas refinarias, postos de gasolina e no transporte de petróleo e gasolina.
7. Há milhares de anos o homem faz uso da biotecnologia para a produção de alimentos como pães, cervejas e vinhos. Na fabricação de pães, por exemplo, são usados fungos unicelulares, chamados de leveduras, que são comercializados como fermento biológico. Eles são usados para promover o crescimento da massa, deixando-a leve e macia. O crescimento da massa do pão pelo processo citado é resultante da:
Resposta: letra A. Na fermentação alcoólica, a glicose é metabolizada pela levedura, liberando energia (convertida em ATP), além de gás carbônico e etanol. Sendo um gás, o CO2 produzido leva ao crescimento da massa.
  • a) liberação de gás carbônico.
  • b) formação de ácido lático.
  • c) formação de água.
  • d) produção de ATP.
  • e) liberação de calor.
8. Plantas terrestres que ainda estão em fase de crescimento fixam grandes quantidades de CO2, utilizando-o para formar novas moléculas orgânicas, e liberam grande quantidade de O2. No entanto, em florestas maduras, cujas árvores já atingiram o equilíbrio, o consumo de O2 pela respiração tende a igualar sua produção pela fotossíntese. A morte natural de árvores nessas florestas afeta temporariamente a concentração de O2 e de CO2 próximo à superfície do solo onde elas caíram. A concentração de O2 próximo ao solo, no local da queda, será:
Resposta: letra A. No local da queda da árvore, a diminuição do O2, próximo ao solo, poderia ser explicada pela decomposição aeróbica da matéria orgânica do vegetal morto.
  • a) menor, pois haverá consumo de O2 durante a decomposição dessas árvores.
  • b) maior, pois haverá economia de O2 pela ausência das árvores mortas.
  • c) maior, pois haverá liberação de O2 durante a fotossíntese das árvores jovens.
  • d) igual, pois haverá consumo e produção de O2 pelas árvores maduras restantes.
  • e) menor, pois haverá redução de O2 pela falta da fotossíntese realizada pelas árvores mortas.