A faculdade tecnológica em Radiologia dura entre 2 e 3 anos e é possível cursá-la nas modalidades presencial e a distância.

O tecnólogo em Radiologia é o profissional responsável por operar equipamentos de diagnóstico por imagem que produzem exames como  radiografia, tomografia e ressonância magnética, entre outros.

Além da área médica, os equipamentos radiológicos também são utilizados na área industrial e na engenharia, onde são utilizados para, por exemplo, rastrear estruturas metálicas e tubulações escondidas sob o concreto.

Descubra mais sobre a faculdade de Radiologia, o que se estuda, onde cursar esta graduação e como está o mercado de trabalho para um tecnólogo em Radiologia.

Sobre a faculdade de Radiologia

O objetivo da faculdade de Radiologia é formar profissionais capacitados a executarem exames de diagnóstico por imagem, aplicar técnicas de terapia usando fontes controladas de radiação, assim como atuarem nos setores industrial e de medicina nuclear.

A faculdade apresenta, em sua grade curricular, disciplinas sobre Anatomia, Biologia e Física aplicadas à prática de Radiologia.

Além das disciplinas generalistas, o estudante aprende sobre técnicas radiológicas e radioterápicas, como realizar exames contrastados, mamografias e tomografias, entre outros.

Normas de biossegurança e legislação, proteção e higiene radiológicas também fazem parte da formação do tecnólogo em Radiologia.

Durante a faculdade o estudante terá muitas atividades desenvolvidas em laboratórios, onde  aprenderá a operar equipamentos de obtenção de imagens.

Ao final do curso, o aluno deverá realizar um estágio supervisionado na área. Algumas faculdades optam pela elaboração de um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) ao invés do estágio.

Onde estudar Radiologia

Existem pouco mais de 100 instituições de ensino, credenciadas pelo MEC e em atividade, que possuem a faculdade tecnológica de Radiologia.
Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Radiologia:

Universidades Privadas:


Universidades Públicas:


Você pode consultar todas as faculdades de Radiologia reconhecidas pelo MEC no portal e-MEC.

Perfil do profissional formado em Radiologia

Quem deseja seguir carreira como tecnólogo em Radiologia deve ter interesse nas áreas de Ciências Biológicas e também de Ciências Exatas.

O profissional em radiologia deve ser humanista, uma vez que lida com muitos pacientes em situação de fragilidade, e também deve respeitar os princípios éticos e bioéticos da profissão.

Precisa ter alguma afinidade com tecnologia e estar em constante atualização sobre novas técnicas e equipamentos utilizados para a obtenção de imagens.

Para ter sucesso em sua profissão, o tecnólogo deve ainda ser cuidadoso e ter boa capacidade de observação para fazer análises das imagens.

Grade curricular da faculdade de Radiologia

A matriz curricular da faculdade de Radiologia depende da instituição de ensino que oferece esta graduação.
De modo geral, encontramos as seguintes disciplinas na faculdade de Radiologia:
  • Anatomia Funcional
  • Anatomia Radiológica Veterinária
  • Anatomia Seccional
  • Bioestatística
  • Biologia e Histologia
  • Bioquímica
  • Biossegurança
  • Controle de Equipamentos
  • Epidemiologia
  • Exames Contrastados
  • Exames Radiológicos Especiais
  • Farmacologia e Meios de Contraste
  • Física das Radiações
  • Fisiologia Humana
  • Fundamentos da Física
  • Hemodinâmica
  • Legislação Radiológica
  • Mamografia e Densitometria Óssea
  • Medicina Nuclear
  • Microbiologia, Imunologia e Parasitologia
  • Patologia Aplicada a Imagem
  • Princípios da Ultrassonografia
  • Proteção Radiológica
  • Radiologia Convencional
  • Radiologia Industrial
  • Radiologia Integrada
  • Radioterapia
  • Ressonância Magnética
  • Técnicas de Enfermagem em Radiologia
  • Tomografia Computadorizada

Mercado de trabalho para quem faz Radiologia

A demanda por profissionais especializados em Radiologia tem crescido bastante devido a uma recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa),  que prevê a contratação destes profissionais em hospitais, clínicas e laboratórios.

Contratando profissionais especializados em radiologia, os estabelecimentos de saúde garantem a qualidade dos serviços de diagnóstico por imagem e também da segurança dos pacientes e de quem opera as máquinas.

O tecnólogo em Radiologia encontra ofertas de emprego em locais como:

  • Hospitais públicos e privados
  • Clínicas de diagnóstico por imagem
  • Clínicas de radiologia
  • Laboratórios de análise clínica
  • Ambulatórios e unidades básicas de saúde
  • Clínicas de radiologia veterinária
  • Indústrias de equipamentos radiológicos
  • Indústrias em geral
  • Centros de pesquisa
  • Aeroportos (trabalha com a equipe de segurança, com equipamentos de raio-x)

Dentre as atividades que este profissional desempenha, citamos algumas:
  • Preparar a máquina e o paciente para o exame.
  • Programar e operar os equipamentos de obtenção de imagem.
  • Obter a imagem, verificar a qualidade e, se necessário, ajustar a máquina e repetir o exame para obter uma imagem mais nítida.
  • Realizar a análise da imagem.
  • Preparar relatório descritivo da imagem.
  • Gerenciar os serviços de diagnóstico por imagem.
  • Supervisionar a radioproteção.
  • Realizar exames como mamografia, ressonância magnética, tomografia, etc.
  • Atuar na radiologia industrial, na irradiação de alimentos e também na esterilização de materiais.

Além destas atividades, o tecnólogo em Radiologia pode ainda seguir a carreira acadêmica, ministrando aulas para faculdades ou realizando pesquisas nesta área.

Veja também:
Tecnólogo é curso superior?

Você ficou interessado por esta área? Gostaria de cursar uma faculdade de Radiologia? Conte para a gente aqui nos comentários!