A primeira edição do FIES 2017 aconteceu entre os dias 7 e 10 de fevereiro. Milhares de estudantes se inscreveram na esperança de conseguir um dos 148 mil financiamentos estudantis disponibilizados em faculdades particulares de todo o País.

No dia 13 de fevereiro o resultado foi ao ar. Quem conseguiu o financiamento logo de cara precisa correr para dar conta de todos os procedimentos de contratação do financiamento.

Já para quem ficou na lista de espera e vai disputar uma das vagas remanescentes, é hora de cruzar os dedos e trabalhar: a qualquer momento pode vir o convite tão aguardado.

Se o seu nome está na lista, fique ligado: vamos revelar tudo sobre a disputa por uma vaga remanescente do FIES 2017. Confira!


Como funcionam as vagas remanescentes do FIES 2017?

As vagas remanescentes são as que sobram quando candidatos aprovados em primeira chamada não concluem os procedimentos de cadastro, comprovação de documentos e assinatura do contrato. Os motivos variam bastante: às vezes não conseguem reunir a documentação necessária, não efetuam os procedimentos corretamente, têm algum impedimento legal, encontram vaga em outros cursos, etc.

É impossível dizer quantas vagas sobrarão nesta edição do FIES. Como o número geral de financiamentos diminuiu (são 148 mil neste semestre), talvez fique mais difícil conseguir – mas é preciso manter a esperança viva até o final.


Período para disputar uma vaga remanescente do FIES 2017

A relação dos candidatos aprovados em primeira chamada e a lista de espera foram divulgadas no dia 13 de fevereiro. A partir do dia 14 de fevereiro e até o dia 3 de março, quem ficou em lista deve redobrar a atenção: a convocação para formalizar o financiamento pode vir a qualquer minuto.

Como o MEC não envia qualquer tipo de comunicado ao candidato selecionado, é preciso ficar grudado no sistema de seleção. Todos os dias, quem estiver com nome em lista deve acessar o FIES Seleção e verificar se foi chamado.


Procedimentos para quem conseguir uma vaga remanescente do FIES 2017

Caso o candidato tenha a sorte de ser chamado para ocupar uma vaga remanescente, precisa agir depressa. Ele só terá cinco dias corridos (veja bem: corridos!) para fazer um cadastro detalhado no SisFIES  – o sistema de inscrições dos pré-aprovados.

Depois do cadastro, são dados apenas 10 dias corridos para validar a documentação solicitada pelo MEC junto à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da faculdade onde o candidato conseguiu a bolsa.

Após a validação, o participante terá 10 dias para ir até uma agência do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal e efetivar o financiamento.

É bastante puxado e a gente sabe que o MEC é implacável com prazos e documentações. Quem perder as datas, ou não apresentar o que é pedido, perde o financiamento.


E quem não conseguir uma vaga remanescente do FIES 2017?

Se você ficou de fora do FIES, não precisa se desesperar. Há algumas alternativas interessantes no mercado que podem ser bem úteis para quem pretende começar 2017 dentro de uma sala de aula!

Os mais comuns são:

  • Financiamentos privados em bancos ou nas próprias instituições – muitas oferecem programas de parcelamento facilitado, sem juros e sem burocracia.
  • Bolsas de descontos em sites como o Quero Bolsa  e o Educa Mais Brasil
  • Tentar um curso a distância (se houver disponibilidade para a graduação que você quer fazer) – que geralmente custa bem mais barato que o presencial e tem horários flexíveis.
  • Ver quais são as políticas de descontos e convênios nas faculdades – que às vezes tornam a mensalidade bem mais acessível.

Se não houver pressa de entrar já na faculdade, dá para esperar a segunda edição do Sisu (vagas em faculdades públicas), do ProUni (bolsas de estudos em faculdades particulares) e do próprio FIES, que devem acontecer entre junho e agosto de 2017. Basta observar se você se encaixa nos requisitos exigidos para se inscrever em cada um deles.


Faculdades que aceitam o FIES e oferecem benefícios

A seguir listamos algumas faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC que oferecem vagas pelo FIES e também facilitam a vida de quem quer fazer um curso superior mas está com o bolso apertado.

Conheça:

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais 
Faculdade Unime (UNIME) – na Bahia 
Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) 
Centro Universitário do Distrito Federal (UDF)
Centro Universitário UNISEB (UNISEB-Estácio)
Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 
Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) 
Universidade de Franca (UNIFRAN) 
Universidade Estácio de Sá (UNESA) 
Universidade Norte do Paraná (UNOPAR


    Veja também:

    Cursos oferecidos FIES 2017


    Ficou na lista de espera do FIES? Conte para a gente!