Fazer uma graduação em Fisioterapia é seu sonho, mas não está sobrando grana para pagar o curso?

Calma, que isso tem jeito!

A melhor maneira de bancar os estudos de nível superior é conseguir uma bolsa de estudos. Há muitos tipos de bolsas disponíveis por aí. O pulo do gato é fazer uma boa pesquisa e ficar de olho nas oportunidades que melhor se encaixam em seus planos.

Quem estiver bem informado, portanto, já sai na frente. Pensando nisso, desenvolvemos este guia com as principais formas de obter bolsa e o caminho das pedras para você começar a se preparar. Vamos lá?

Como conseguir uma bolsa em Fisioterapia com a ajuda do ProUni

É bem possível que você já tenha ouvido falar do Programa Universidade para Todos (ProUni), uma iniciativa do governo federal.

O ProUni é o programa de bolsas de estudo mais abrangente do país e tem o propósito de facilitar o ingresso de estudantes de baixa renda no ensino superior privado.
Se você quer cursar Fisioterapia, temos uma boa notícia: o curso é contemplado pelo ProUni! Para se candidatar a uma bolsa, no entanto, é necessário atender a alguns critérios.

O primeiro deles diz respeito à renda familiar bruta mensal. Para obter uma bolsa integral, a renda máxima deve ser de até um salário mínimo e meio por pessoa. Para as bolsas parciais, deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Outro aspecto muito importante do ProUni é o bom desempenho na edição mais recente do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para se inscrever é obrigatório ter feito o Enem mais recente, com desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação.

No entanto, esse número é apenas uma referência: Fisioterapia é um curso concorrido e a nota de corte pode oscilar entre 450 e mais de 700 pontos, dependendo da faculdade, turno, campus e modalidade de concorrência.

Cumprir os requisitos de renda familiar e desempenho no Enem já é um bom começo para tentar bolsa do ProUni para estudar Fisioterapia. Veja agora se você se enquadra em uma das três exigências a seguir:

• Fez o ensino médio em escola pública ou em escola particular na condição de bolsista integral.
• É deficiente.
• É professor efetivo da rede pública concorrendo a uma bolsa de licenciatura (nesse caso, não precisa comprovar renda).
Marcou o “x” em ao menos uma delas? Então pode se candidatar ao ProUni! Não atende aos critérios? Não perca as esperanças. Continue aqui com a gente e descubra outras formas de conseguir uma bolsa para cursar Fisioterapia!

Como conseguir bolsa pela internet para fazer faculdade de Fisioterapia

Sabia que é possível conseguir uma bolsa de estudos pela internet? Com sites como o Quero Bolsa e o Educa Mais Brasil, dá para obter até 70% de desconto nas mensalidades de graduações e pós-graduações, sem burocracia!

Os dois sites são bem parecidos. Basta acessar um deles e fazer a pesquisa na ferramenta de busca da página inicial. Selecione a cidade, digite “Fisioterapia” no campo de cursos, escolha entre graduação e pós-graduação e, se já tiver alguma faculdade em mente, insira o nome dela no campo correspondente.

Na página de resultados, selecione aquele que mais lhe agradar e leia o contrato com bastante atenção. Então, basta pagar a taxa de pré-inscrição e levar até a faculdade para concluir o processo de matrícula.

O percentual de desconto vale até o final do curso.

Como conseguir uma bolsa em Fisioterapia bancada pela empresa onde você trabalha

Esta maneira de conseguir bolsa é mais fácil para quem já trabalha com alguma área relacionada à Saúde.

Muitas empresas, principalmente as de grande e médio porte, estimulam seus funcionários a buscarem formação de nível superior. Normalmente, o processo de pedir a bolsa passa pelo departamento de Recursos Humanos, que irá analisar se a formação pretendida coincide com o seu plano de carreira ou beneficia a empresa de alguma forma.

As regras variam de acordo com a empresa e normalmente exigem que o funcionário pague uma parte das mensalidades.

Como conseguir uma bolsa em Fisioterapia por associações ou sindicatos

Você já trabalha e faz parte de alguma entidade de classe? Sindicatos e associações oferecem muitas facilidades aos seus integrantes e uma delas é o convênio com instituições de ensino. É possível obter bolsas que custeiem mais da metade da mensalidade.

Como conseguir uma bolsa em Fisioterapia bancada pela faculdade

Muitas faculdades oferecem bolsas de estudo com base no mérito acadêmico. A coisa funciona de duas formas: a bolsa pode ser dada aos melhores colocados no vestibular, ou aos alunos que tiverem bom desempenho acadêmico durante o semestre, como forma de incentivo.

Outra maneira de conseguir bolsa na sua faculdade é comprovando que você não tem condições financeiras de bancar o curso. Para isso, informe-se qual é o procedimento da sua faculdade – geralmente eles pedem comprovantes de renda de todos os integrantes da sua família. O processo é mais simples do que parece, basta organizar bem os documentos e não perder os prazos.

Como conseguir descontos nas mensalidades de Fisioterapia

Se não conseguir uma bolsa, saiba que muitas faculdades trabalham com descontos nas mensalidades. O abatimento varia de acordo com a instituição, mas alguns são:
• Desconto para quem indicar novos alunos
• Desconto para integrantes da mesma família
• Desconto para a terceira idade
• Desconto para quem pagar as mensalidades em dia

Faculdades que oferecem o curso de Fisioterapia

Confira algumas instituições reconhecidas e bem avaliadas pelo Ministério da Educação (MEC) que oferecem o curso de Fisioterapia e participam de diversos programas de bolsas e descontos:
Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) 
Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 
Universidade de Franca (UNIFRAN) 
Universidade Norte do Paraná (UNOPAR) 
Faculdade Unime (UNIME) – na Bahia 
Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais

Veja também:
Veja tudo o que você precisa saber sobre o curso de Fisioterapia


Encontrou a bolsa que procurava para cursar Fisioterapia? Qual delas vai tentar? Conte para a gente aqui nos comentários!