A

ACETILENO: também denominado ETINO (CH CH). Gás facilmente inflamável, usado em solda oxi-acetilenica.

ACETONA: nome oficial propanona. É um líquido incolor, muito volátil, menos denso que a água e solúvel em água e álcool.

ACIDIFICAR: o mesmo que acidular. Tornar ácido. Adicionar composto ácido, diminuindo o pH para valores inferiores a sete.

ÁCIDO LÁCTICO: é um ácido propanóico que foi substituído um hidrogênio por um grupo hidroxila do carbono secundário, é produzido em seus músculos quando você faz exercício físico. Este ácido está também presente no leite azedo.

ADSTRINGENTE: substânica que produz constrição, ou seja, que "amarra"a boca, como banana verde ou caju.

AEROSSOL: é um líquido ou sólido disperso num gás. Exemplos: neblina, nebulizador na terapia por umidificação e os frascos tipo "spray".

AGENTE DESIDRATANTE: remove a água de uma outra substância através de uma reação química chamada desidratação.

ÁGUA BRANDA: água predominantemente livre de íons cálcio (Ca +2 ) e íons magnésio (Mg +2 ).

ÁGUA DE HIDRATAÇÃO: água que é retida nos cristais de um composto.

ÁGUA DURA: água que contém os íons cálcio (Ca +2 ) e os íons magnésio (Mg +2 ).

ÁLCALI: Uma base solúvel em água, quando dissolvida produz íons OH - .

ALCANOS: compostos binários de carbono e hidrogênio de fórmula geral C n H 2n+2 , também denominados hidrocarbonetos saturados, por apresentar somente ligações simples entre seus átomos.

ALCENOS: Também denominados alquenos. Hidrocarbonetos insaturados por apresenta uma ligação dupla na molécula. Tem fórmula geral C n H 2n .

ALCINOS: Também denominados alquinos. Hidrocarbonetos insaturados por apresentar uma ligação tripla na molécula. Tem fórmula geral C n H 2n-2 .

ALCADIENOS: Hidrocarbonetos insaturados que apresenta duas ligações duplas na sua molécula. Tem fórmula geral C n H 2n-2 .

ÁLCOOL: composto orgânico que contém o grupo hidroxila ou oxidrila (OH - ) ligado a um carbono saturado.

ÁLCOOL 96 GRAUS GL: também chamado de álcool etílico hidratado, é uma mistura de 96% de etanol (álcool etílico) e 4% de água. Sendo uma mistura azeotrópica.

ÁLCOOL ISOPROPÍLICO: este álcool é usado em solução aquosa a 70% como desinfetante para a pele e em produtos após barba. Ele age como adstringente, fazendo com que o tecido se contraia, endurecendo a pele e limitando as secreções.

ALDEÍDO: composto com um grupo funcional carbonila e de fórmula geral RCHO, onde o R é um átomo de hidrogênio, um grupo alquila ou um grupo arila.

ALÓTROPOS: formas de um mesmo elemento com diferentes estruturas moleculares ou cristalinas. Diamante e grafite são alótropos do carbono.

AMIDAS: a família das amidas entre compostos nitrogenados se forma pela combinação de uma amina com um ácido carboxílico. O nitrogênio, da amina, perde um átomo de hidrogênio e o ácido perde o grupo hidroxila, originando água.

AMINAS: são compostos orgânicos derivados da substituição de um ou mais átomos de hidrogênio na amônia (NH 3 ) por grupos orgânicos alquilas ou arilas.

ANIDRO: descreve uma substância que perdeu sua água de cristalização.

ÂNION: íon com carga elétrica negativa.

ÂNODO: na eletroquímica corresponde ao eletrodo que sofre oxidação.

ANTIUMECTANTE: é a substância capaz de reduzir a absorção de umidade pelos alimentos.

AROMATIZANTE: tem como função realçar ou fornecer aroma e sabor aos alimentos.

B

BIOLUMINESCÊNCIA: é a emissão de luz (luminescência) produzida por um ser vivo (vaga-lume).

C

CARBOIDRATO: comosto orgânico, tal como o açúcar, que contém somente os elementos C. H e O.

CAFEÍNA: é uma molécula nitrogenada, um alcalóide,encontrada nos grãos de café e folhas de chá, é o estimulante do sistema nervoso central mais extensamente usado sem prescrição médica.

CALCÁRIO: é uma rocha sedimentar que é composta largamente por minerais de carbonato, especialmente carbonato de cálcio e magnésio.

CALCINAÇÃO: processo de aquecimento de corpos sólidos para provocar sua decomposição, mas sem oxidação pelo ar atmosférico. O calcário (carbonato de cálcio) ao ser calcinado transforma-se em cal viva (óxido de cálcio) e gás carbônico (dióxido de carbono).

CÁLCIO: símbolo Ca. Um elemento metálico cinzento e macio pertencente ao grupo 2. É usado como um absorvedor de gás, em sistemas aspiradores e como desoxidante na produção de ligas não ferrosas. Pode ser ainda utilizado como agente redutor na extração de metais como o tório, zircônio e urânio. O cálcio é um elemento essencial para os organismos vivos, sendo necessário para o seu crescimento e desenvolvimento.

CATALISADOR: uma substância que aumenta a rapidez de uma reação química, mas que aparece inalterada ao final da reação.

CÁTION: íon ou grupo com carga elétrica positiva.

CÁTODO: na eletroquímica corresponde ao eletrodo que sofre redução.

CÉLULA ELETROQUÍMICA: sistema que consiste em um eletrólito, dois eletrodos (cátodo e ânodo) e um circuito elétrico.

CERA: uma substância sólida ou semi-sólida. Existem dois tipos principais. As ceras minerais são misturas de hidrocarbonetos com pesos moleculares elevados. A cera de parafina, obtida do petróleo, é um exemplo. As ceras segregadas por plantas ou animais são principalmente ésteres de ácidos gordos e geralmente têm funções de proteção.

CETONA: compostos orgânicos que contêm o grupo fucional carbonila — CO — e fórmula geral R C O R', sendo R e R' grupos alquila ou arila.

CFC: abreviatura para clorofluorcarboneto, destroem a camada de ozônio.

CHAMA: uma mistura quente e luminosa de gases que estão queimando. A reação química numa chama são principalmente reações em cadeia de radicais livres e a luz provém da fluorescência de moléculas excitadas ou de íons ou ainda da incandescência de pequenas partículas (carbono).

CHUMBO TETRAETILA: um líquido incolor, Pb(C 2 H 5 ) 4 , insolúvel em água, solúvel em benzeno, etanol, éter e petróleo. É usado em combustíveis para motores de combustão interna para aumentar o número de octanas e reduzir o ruído do motor. O uso do chumbo tetraetila em gasolina resulta na emissão de compostos de chumbo perigosos para a atmosfera.

CIMENTO: é qualquer das substâncias usadas para ligar ou fixar materiais duros. O cimento Portland é uma mistura de silicatos de cálcio e aluminatos produzido pelo aquecimento de calcário com argila num forno.

CNTP: abreviatura de Condições Normais de Temperatura e Pressão ( 0 o C e 1 atm).

COLÓIDE: são sistemas no qual há duas ou mais fases, com uma (a fase dispersa) distribuída na outra (a fase dispersante). As partículas coloidais são maiores que aquelas encontradas em soluções, mas menores que as encontradas em suspensão.

COMBURENTE: nome dado à substância que é REDUZIDA em uma reação de combustão. No senso comum, é o oxigênio do ar atmosférico. O oxigênio é o principal comburente, porém temos casos isolados de combustões em que o comburente é o CLORO, o BROMO ou o ENXOFRE.

COMBUSTÍVEL: nome dado à substância que é OXIDADA em uma reação de combustão.No senso comum, é a substância que sofre queima quando em presença de oxigênio do ar. Exemplos: madeira, álcool, papel, derivados do petróleo, etc.

COMBUSTÃO: é uma reação química de oxidação-redução onde necessariamente temos a presença de um combustível e de um comburente, geralmente o oxigênio. Esta reação sempre libera energia calorífica e luminosa no espectro visível ou não.

COMBUSTÃO TOTAL: também chamada combustão completa, ocorre quando temos oxigênio em quantidade suficiente para reagir todo o combustível e liberar o máximo de energia possível.

COMBUSTÃO PARCIAL: também chamada combustão incompleta, ocorre quando a quantidade de oxigênio necessária não esta sendo utilizada, ou seja uma quantidade insuficiente e os produtos formados serão outros.

COMPOSTO BINÁRIO: composto formado somente por dois elementos.

COMPOSTO COVALENTE: sólido cristalino formado somente por ligações covalentes.São substâncias duras de altos pontos de fusão.

COMPOSTO IÔNICO: qualquer composto neutro formado por cátions e ânions que formam uma estrutura cristalina, chamada de reticulo cristalino.

COMPOSTO METÁLICO: qualquer composto formado por um tipo de metal ou por vários tipos de metais,unidos por ligações metálicas e formando um sólido cristalino.

COMPOSTO MOLECULAR: são compostos que só apresentam ligações covalentes entre seus átomos,intramoleculares , mas não entre moléculas, intermoleculares.

COMPOSTO NÃO POLAR: um composto que tem moléculas covalentes sem momento dipolar permanente. O metano e o benzeno são exemplos de compostos não polares.

COMPOSTOS ORGÂNICOS: compostos que contém carbono, geralmente combinado com hidrogênio, nitrogênio e enxôfre.

COMPOSTO POLAR: um composto que é iônico(NaCl) ou que tem moléculas com um elevado momento dipolar (H 2 O).

CONSERVANTE: significa qualquer substância capaz de retardar ou impedir o processo de fermentação, acidificação ou outra decomposição do alimento ou de mascarar qualquer evidência desses processos ou de neutralizar os ácidos gerados por quaisquer desses processos.

CORANTE: substâncias usadas para dar cor a tecidos, couro, alimentos, papel, etc. Os compostos usados para tingir são geralmente compostos orgâncios contendo ligações duplas conjugadas.

CORROSÃO: deterioração dos metais por um processo eletroquímico.

CORROSIVO: que corrói, danifica.

CRAQUEAMENTO: é o processo de produzir compostos orgânicos de cadeias menores partindo-se de cadeias maiores, pelo calor.

CRISTAL: Um sólido com formas poliédricas regulares. Todos os cristais de uma mesma substância desenvolvem-se de modo a terem os mesmos ângulos entre suas faces. No entanto, poderão não ter a mesma aparência exterior porque faces diferentes podem desenvolver-se a velocidades diferentes, dependendo das condições. Refere-se a forma externa de um cristal como a forma do cristal. Os átomos, íons e moléculas que formam o cristal tem uma disposição regular e esta é a estrutura do cristal.