COMO ESCOLHO MINHA FUTURA PROFISSÃO?

Decidir que carreira seguir pode ser uma tarefa um pouco complicada. Há tantas profissões a escolher, e você não quer correr o risco de fazer algo que não gosta. A boa notícia é que você não é obrigado a fazer apenas uma coisa pelo resto de sua vida. É provável que você troque de carreira ou profissão de 7 a 10 vezes durante toda sua vida!

Mas você não pode desistir. É importante começar pensando o que você gosta de fazer para começar a escolher as possíveis carreiras a explorar. Então, você poderá começar a adquirir as habilidades que  precisa para sua futura profissão e planejar seu futuro. O guia abaixo lhe ajudará a começar a decidir sobre a escolha de sua carreira.

 A Incerteza

Quando perguntam que faculdade você irá prestar sua a resposta mais freqüente é: 'Eu não sei, ainda estou com dúvida'.  Então você pensa: Por que é assim, eu poderia ser como muitos amigos meus que já sabiam o que iriam ser desde os 12 anos de idade.

Afinal você é o maior interessado em descobrir o que irá fazer, alias muito mais interessado do que seu pai, sua mãe, sua tia e sua vizinha que não param de lhe perguntar sobre sua futura carreira.

Geralmente há muitas razões para a resposta: 'Eu não sei'.

- Algumas pessoas têm medo da decisão por que acham que ela terá que durar para sempre.
- Alguns temem de compromisso por imaturidade ou medo.

Outros acham que não vão conseguir. Um exemplo disso é a carreira de medicina. Por acharem que terão de estudar muito, muitos desistem antes mesmo de tentar. Ou então a carreira de músico, por achar que nunca irão fazer sucesso, muitos desistem de seus melhores dons e vão procurar algo mais “viável”.

- Algumas pessoas se sentem inseguras em expressar o que querem.
- Outros querem fazer 3 carreiras ao mesmo tempo. Sonham muito, mas percebem que podem realizar pouco de seus sonhos megalomaníacos.
- Uma minoria acredita que o trabalho só serve para conseguir sustento, então, qualquer trabalho serve. 

O MERCADO DE TRABALHO ATUAL

Antigamente era comum uma pessoa escolher uma determinada profissão e permanecer nela pelo resto de sua vida. Muitas vezes não mudavam nem de emprego, chegando a se aposentar na empresa onde começaram a trabalhar.

Hoje não é mais assim, cada profissional não sabe mais se estará na mesma empres, função ou até mesmo na mesma carreira no mês seguinte. Hoje em dia é comum ver profissionais de engenharia trabalhando com administração e economia. Médicos migrando para a área da informática e jornalistas largam trabalhos em jornais e revistas para montar seus próprios negócios.

MAS ENTÃO, DE QUE VALE A PROFISSÃO.

Vale muito. Todo conhecimento adquirido em sua carreira poderá ser bastante útil na sua profissão, mesmo que ela não tenha nada a ver com a carreira em que você se formou. André Lisboa é um exemplo disso. Após dois anos e meio na faculdade de engenharia, André resolveu largar tudo e cursar psicologia.

“No começo fiquei preocupado. Achei que havia perdido dois anos e meio da minha vida estudando engenharia. Hoje, o que aprendi na faculdade de engeharia, se tornou muito importante para minha profissão. Até a parte organizacional se tornou muito mais simples.”

Vale lembrar que muitos outros profissionais se formaram em uma carreira e seguiram outras profissões. Washinton Olivetto da agência de propaganda W/Brasil, é psicólogo e não publicitário. 

NOVOS CONCEITOS PROFISSIONAIS

Não se preocupe. Você não estará escolhendo uma carreira para o resto de sua vida. Acredite ou não, cerca de 60% das pessoas mudam de profissão ao longo da vida e mais de 80% mudam de atividade.

Escolha algo que você goste agora. Avalie o mercado de trabalho. Compare suas prioridades atuais na escolha de sua profissão.