Olá Linda.

Eu estou prestando vestibular para direito, estou no segundo ano de cursinho. Estava indo super bem, estudando bastante, estava confiante e tendo um bom desempenho nos simulados. Vou prestar Fuvest no final do ano.

Meu namorado esta semana terminou o namoro, disse que quer um tempo para pensar e que é bom não nos vermos por algum tempo. EU não estava esperando por isso, principalmente agora que estou estudando para o vestibular.

Já faz uma semana que mal consigo pegar nas apostilas. EU até tento estudar, mas não consigo. O que eu faço?

Janaína - São Paulo. 


Linda responde:
Olá Janaína.
 

Ih... Terminar o namoro sempre é difícil, principalmente em época de vestibular. Não sei por que, mas muitos namoros terminam nesta época. Deve ser alguma maldição. De qualquer forma, não vou ficar aqui dizendo para você esquecer seu namorado e voltar aos estudos, sei que não é tão simples assim.

Acredite ou não recebi vários e-mails de pessoas que estão passando pelo mesmo problema que você, portanto, resolvi através da resposta ao seu e-mail, responder a dúvida de todos.

Perder o namorado é muito chato. Antes vocês eram dois, agora parece que só sobrou você. Você pensa que ele está se divertindo, rindo com os amigos, saindo à noite enquanto você não faz nada da vida a não ser se lastimar e comer chocolate.

Ao contrário dos filmes de Hollyood, geralmente o casal separado não termina junto no final, na vida real, na maioria das vezes, quando acaba, acaba mesmo.

Então você, se dando conta disso, compra uma revista adolescente que lhe dá dicas do que fazer quando levar um fora. “Saia com suas amigas e vá às compras”, “Passe um final de semana em Paris”. Que ótimo, pena que você vive no mundo real e não na Disneylândia e você sabe que isso nunca irá acontecer.

Às vezes leva semanas, meses – e acredite – até anos, para superar a perda da pessoa amada (que brega esta frase!).Não há um tempo certo para superar a dor, mas existem etapas que podem ser realizadas.

5 etapas para superar a perda do(a) namorado(a)

1 - Curando-se do desastre

O fator medo é enorme nesta hora. Você não consegue aceitar o término do namoro, pensa que ainda é possível a volta e fica pensando como convencê-lo a voltar aos seus braços. Não guarde suas emoções. Chore se tiver que chorar, fique triste, se tranque dentro do armário.

Não há problema nenhum nisso. Só não tome medidas drásticas como enviar e-mails desesperados, telefonar dizendo que vai pular da janela (mesmo que você more em casa).

Não se preocupe. Todos ficam tristes um dia. Não será a primeira nem a última vez. Coma a caixa inteira de chocolates, e assista tv. Depois escreva uma carta para o seu ex (já posso chamá-lo de ex ou você ainda tem esperanças?). Coloque todos os seus sentimentos naquele pedaço de papel. Chore sobre a carta e coloque aquela foto de vocês dois juntos ao por do sol. Escreva esta carta no seguinte site: http://www.futureme.org/ e envie para você mesmo daqui a dois meses.

Dicas para esta fase:
- Compre um travesseiro macio para abraçar a noite

- Remova o número dele e as fotos do celular

- Faça uma lista de todos seus amigos com quem você pode sair no final de semana

Pronto, você já superou a primeira etapa

2 – Saia do sofá . A vida continua.

Os americanos tem uma expressão que muito usam: “Life goes on” , ou seja, “A vida continua”. È... Ele terminou com você, tudo bem, mas o mundo não parou por causa disso.

Para mostrar para si mesma que sua vida mudou, faça algo que nunca fez na vida (espero que não seja estudar). Faça algo diferente. Vá à um karaokê com suas amigas, deixe o cachorro (não seu namorado, o cachorro de verdade) comer à mesa com você, vá tomar sol de biquíni no parque, pratique Tai Boxing... Faça algo novo.

Procure saber de histórias de garotas que enfrentaram o mesmo que você e superaram a situação.

3 – Meu ex-namorado está fazendo a vida dele

Chega um ponto que você percebe que seu ex-namorado seguiu em frente e que o namoro de vocês não tem mais volta. Não fique deprimida. É natural se sentir insegura após um rompimento. Você pode ainda está triste, mas lembre as razões pelas quais não deu certo (você era uma maluca possessiva – brincadeirinha).

Lembre-se da carta que você escreveu para seu ex e veja como as coisas já mudaram desde então.

Dicas:
- Saia para jantar fora e coma algo que você gosta muito

- Leia um bom livro

- Comece a reparar nos garotos bonitos da escola, cursinho, trabalho...

4 – O idiota era uma total perda de tempo.

É fácil se sentir culpada por tudo. Seu namorado deve ter lhe dado milhões de motivos por que não está mais com você. Não assuma a culpa toda, o idiota era ele.Lembre-se de como ele não levantava a tampa da privada, de que ele beijava a boca do cachorro e que ele tomava cerveja.. ARGH! Que bom que você não precisa mais deste “loser”. Siga em frente. Está na hora de começar a flertar

Dicas:

- Paquere alguém

- Fique feliz pela sua vida

- Procure aquela amiga que você não falava mais

5 – Uma mulher independente.

Uau... você sobreviveu ao fim do seu namoro. E pensar que você queria voltar com ele. Você viu que ele não é o único homem no mundo e muito menos é o melhor (o melhor é o meu).

Agora você pode retornar a sua rotina de estudos e continuar firme na disputa pela vaga no vestibular (afinal, isto é muito mais importante).

Depois de dois meses você vai receber aquela carta que escreveu para seu ex e perceber o quão boba você foi.Sobreviver ao final do namoro é difícil, mas você descobrirá o quão forte você é.

Boa sorte!