NÃO adianta decorar resumos dos temas mais solicitados ou montar esquemas com técnicas e receitas prontas. Mantenha-se bem informado, lendo jornal diariamente e, mais importante, que escreva bastante. Lembre-se: só se aprende a escrever, escrevendo.

Em segundo lugar, comece a escrever sobre temas sugeridos. Embora não haja receitas, alguns procedimentos básicos podem ajudá-lo a se expressar melhor:

1 - Anote todas as idéias, frases, palavras, sensações que surgirem sobre o tema. Não se deixe "travar". Não censure nada, essa livre associação de idéias é bastante utilizada na redação dos jornais e nas propagandas. Comece a fazer isso e veja como funciona.

2 - Faça uma seleção das idéias que surgiram. O espírito crítico só entra em ação neste segundo momento.

3 - Pense num plano para o seu texto: escolha a introdução, o desenvolvimento e a conclusão.

4 - Redija o texto.

5 - Dê-lhe um título.

6 - Releia várias vezes, observando a coerência, a fluência da linguagem e a adequação do vocabulário.

7 - Faça a correção gramatical: principalmente ortografia, concordância e pontuação.

8 - Passe a limpo sua dissertação.