Assim como os profissionais de Medicina, os de Medicina Veterinária também cuidam da saúde. A diferença é que enquanto os médicos estão aptos a curar e tratar doenças das pessoas, os veterinários são destinados a cuidar dos animais.

Há veterinários especializados em animais de pequeno porte, como cães, gatos, coelhos, e outros especializados no tratamento de animais maiores. E o mercado de trabalho é mais amplo. O profissional pode trabalhar com vigilância sanitária, perícia judicial, consultoria, pesquisa e produção de alimentos de origem animal.

Veja a seguir como é o curso de Medicina Veterinária, o que se estuda e onde encontrar boas faculdades reconhecidas pelo MEC!

Como é o curso de Medicina Veterinária

O curso de Medicina Veterinária tem duração média de cinco anos e, ao concluir a graduação, o aluno terá o título de Clínico e Cirurgião Geral. Assim como na Medicina, o médico veterinário deve realizar uma residência ou pós-graduação para obter o título de especialista em determinada área.

A grade curricular da graduação em Veterinária é extensa, com atividades em campo, aulas teóricas, práticas de laboratório e, mais para o fim do curso, estágios. Para dar conta de todo esse conteúdo, a imensa maioria das faculdades exige dedicação integral.

O que se estuda no curso de Medicina Veterinária

Os primeiros anos de curso são destinados às disciplinas básicas. A partir do terceiro ano, começam a aparecer as matérias mais especializadas.

O currículo programático de Medicina Veterinária pode variar de acordo com a faculdade. Veja alguns exemplos do que você poderá encontrar no curso:

• Avicultura

• Biotecnologia

• Bovinocultura de Corte e Leite

• Caprinocultura e Ovinocultura

• Clínica Cirúrgica

• Clínica Médica de Grandes Animais

• Clínica Médica de Pequenos Animais

• Diagnóstico por Imagem

• Enfermidades Parasitárias

• Farmacologia e Toxicologia

• Inspeção de Produtos de Origem Animal

• Manejo e Clínica de Animais Silvestres

• Medicina Veterinária Preventiva e Controle de Zoonoses

• Melhoramento Genético

• Microbiologia e Imunologia

• Moléstias Infecciosas e Ornitopatologia

• Nutrição Animal

• Obstetrícia

• Parasitologia

• Semiologia e Patologia Clínica

• Suinocultura

• Técnica Cirúrgica e Anestesiologia

• Tecnologia de Produtos de Origem Animal

As práticas em Medicina Veterinária podem ser realizadas em áreas como:

• Anestesiologia

• Clínica Cirúrgica

• Obstetrícia

• Hospitalar

• Laboratórios

• Saúde Pública

• Clínica médica de animais de pequeno e grande porte

• Produção Animal

• Reprodução Animal

• Inspeção Sanitária

Para se formar é preciso cumprir estágios supervisionados.

Mercado de Trabalho

A relação entre o homem e o animal está ficando cada vez mais estreita. Com o passar dos anos, mais e mais pessoas estão se preocupando com a saúde e o bem estar dos seus animais de estimação e, com isso, as indústrias que direcionam seus produtos para essa população estão lucrando cada vez mais.

Além disso, o médico veterinário vem sendo cada vez mais requisitado. Um profissional que segue essa área não fica somente preso à consultas em hospitais ou clínicas para animais.

Todas as empresas que desenvolvam algum produto para animais, desde alimentação, que deve ser balanceada e com componentes saudáveis, até a fabricação de remédios, devem possuir um médico veterinário para dar as coordenadas do que é ou não permitido.

Indústrias de beneficiamento de produtos animais também precisam de um médico veterinário para seguir as normas sanitárias.

De acordo com o Sindicato dos Médicos Veterinários do Estado de São Paulo (SINDIMVET SÃO PAULO), o piso salarial para um veterinário que trabalhe 180 horas por mês ou 6 horas por dia deve ser de seis salários mínimos. Já para o veterinário que trabalhar 220 horas por mês, ou 8 horas por dia, deve ser de oito salários mínimos e meio.

Onde estudar Medicina Veterinária

Para exercer a profissão legalmente, todo médico veterinário precisa obter o registro no Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV) do estado onde atua. O registro exige, entre outros documentos, um diploma de Medicina Veterinária reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Medicina Veterinária:

• Universidade Estácio de Sá (UNESA)

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)

Universidade de Franca (UNIFRAN)

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais

Universidade Norte do Paraná (UNOPAR)

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)

Nelas você vai encontrar facilidades como: FIES, ProUni, convênios, descontos, bolsas e financiamentos facilitados.

Veja também:

Qual o salário de um veterinário?

O que achou do curso de Medicina Veterinária? Sonha em seguir essa profissão? Conte para a gente aqui nos comentários!