Administração é um dos cursos mais dinâmicos do Brasil. Com uma formação ampla, o profissional pode atuar em diferentes tipos de empresas ou ainda gerenciar seu próprio negócio. O mercado de trabalho está sempre à procura de bons administradores e os salários podem ser bem interessantes.

Com tantos pontos a favor, tornou-se uma das graduações favoritas dos brasileiros. O curso ocupa o segundo lugar na lista dos que têm mais estudantes, com 801 mil matriculados em todo o Brasil. Perde somente para Direito, que tem 813 mil.

Mas quanto será que custa fazer um curso tão disputado como Administração? Você tem alguma ideia? O preço da graduação a distância é o mesmo da presencial? Dá para se formar nessa área em menos tempo? Tem alternativa para os valores das mensalidades?

A resposta para todas essas perguntas você vê agora!

Quanto custa estudar Administração Presencial

Como Administração é uma graduação muito procurada, existem centenas de instituições de ensino no Brasil que oferecem esse curso.

Com isso, é possível encontrar todo tipo de mensalidade. De R$ 700 a até mais de R$ 3.000, tem opção para o bolso mais apertado e para o mais folgado.
A média das mensalidades no modelo presencial tradicional fica por volta de R$ 1.000. É o que cobra a Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL), por exemplo. Mas esse valor pode variar de acordo com o turno e a unidade.

O ideal é checar o preço na instituição de seu interesse.

Quanto custa estudar Administração Semipresencial

O modelo semipresencial é aquele que equilibra aulas a distância com presenciais. No geral, o aluno só precisa comparecer à faculdade poucas vezes por mês. No Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA), por exemplo, a mensalidade sai por menos de R$ 500.

Quanto custa estudar Administração a distância

O curso de Administração é também oferecido na modalidade a distância – e essa opção pode ser uma boa saída para quem quer economizar ainda mais com mensalidades, deslocamentos e todos os demais custos extras associados às graduações presenciais.

Na maioria dos casos, as mensalidades de Administração EAD custam, em média, R$ 250. Mas dá para encontrar instituições que cobram desde R$ 150 até R$ 500. O valor muda até de uma unidade para a outra, na mesma faculdade.

O ideal é consultar o valor do curso na universidade do seu interesse ou no polo de apoio mais próximo da sua casa.

Veja algumas instituições que oferecem o curso de Administração a distância e têm mensalidades entre R$ 150 e R$ 500.

Mensalidade dos cursos de tecnólogo na área de Administração

Administração oferece muitas opções de cursos superiores de tecnologia – aqueles que você faz em dois anos, em média, e sai expert em um ramo bem específico.

Tem curso de tecnólogo nos principais campos de conhecimento na área, por exemplo:

  • Gestão de Recursos Humanos
  • Gestão Empresarial
  • Gestão Financeira
  • Gestão Pública
  • Gestão da Qualidade
  • Gestão de Cooperativas
  • Marketing
  • Processos Gerenciais

Os cursos de tecnólogo são oferecidos tanto na modalidade presencial quanto a distância. As mensalidades ficam entre R$ 150 e R$ 400 para os cursos a distância e entre R$ 200 e R$ 800 para os presenciais.

Bolsas e financiamento para o curso de Administração

Se a mensalidade de Administração ainda está fora do seu alcance, você pode tentar entrar em alguns dos programas de incentivo à formação superior do Governo Federal. Eles são destinados a pessoas de baixa renda. Conheça:

ProUni – O Programa Universidade para Todos (ProUni) oferece bolsas parciais e integrais em faculdades privadas.

FIES – É um financiamento estudantil a juros baixos. O estudante só começa a pagar a dívida depois de formado, em várias prestações mensais e prazo a perder de vista.

Para participar de qualquer um desses programas é preciso atender a requisitos de renda e ter um bom desempenho no Enem, com o mínimo de 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação.

Nas faculdades a seguir, além de ProUni e FIES, você vai encontrar várias outras facilidades para cursar Administração (bolsas, descontos, convênios e financiamentos sem burocracia):

Veja também:

Tem FIES para Administração?

Está a fim de estudar Administração? Conte para a gente nos comentários!