O fisioterapeuta é o profissional que se dedica à  recuperação e prevenção de lesões dos indivíduos, podendo tratar da manutenção e melhoria do desempenho de atletas, promover a saúde em pacientes com problemas cardíacos, respiratórios, etc. E evitar lesões em profissionais que exercem atividades repetitivas, por exemplo. Para tratar destes pacientes, um fisioterapeuta utiliza técnicas de massagens, ginástica e exercícios na água, por exemplo.

Entenda como funciona a faculdade de Fisioterapia, como está o mercado de trabalho para este profissional e onde é possível cursar esta graduação.

Faculdade de Fisioterapia

A Fisioterapia tem como objeto de estudo os movimentos humanos. A graduação em Fisioterapia dura em média de 4 anos e a formação é baseada em Ciências Biológicas e da Saúde. O curso possui disciplinas como: Anatomia, Fisiologia, Patologia, Biologia, Neurologia e Ortopedia, entre outras.

Além das disciplinas teóricas, o curso de Fisioterapia possui aulas em laboratórios e atividades práticas em clínicas.

A faculdade de Fisioterapia prepara o profissional para elaborar um diagnóstico físico e funcional do paciente. Para isso, ele aprende a interpretar exames clínicos e estabelecer relações entre o peso, a altura e a massa muscular do paciente.

A partir deste diagnóstico, o fisioterapeuta irá planejar quais procedimentos serão utilizados no tratamento deste paciente. O aluno aprenderá técnicas de massagens, ginástica, aplicações de frio e calor, exercícios na água, etc.

Um estudante de Fisioterapia deve ter interesse pela área de Biologia, gostar de contato direto com as pessoas, ser paciente e compreensivo.

A faculdade de Fisioterapia apresenta apenas a habilitação Bacharelado e é oferecida nas modalidades presencial e a distância.

Mercado de Trabalho para quem faz Fisioterapia

Para profissionais recém-formados em Fisioterapia, o mercado é mais competitivo nas grandes cidades, principalmente nas áreas de Ortopedia e Traumatologia.

Porém, existem outras áreas de atendimento da Fisioterapia que vêm crescendo bastante e apresentam boas oportunidades de emprego. É o caso da Fisioterapia Desportiva, que trata de atletas, e também da Fisioterapia Intensiva, que trata de pacientes internados em unidades de terapia intensiva.

Conheça algumas áreas da Fisioterapia e a atuação do fisioterapeuta em cada uma delas:

  • Cardiologia e Pneumonia – Previne e trata doenças cardíacas e respiratórias, cuida de pacientes nas etapas pré e pós-operatória, prescreve e aplica exercícios ligados aos aparelhos respiratórios e circulatórios.
  • Dermatologia – Aplica técnicas de massagens, raios infravermelhos, ultravioletas e laser para a recuperação de queimaduras ou cicatrizes.
  • Fisioterapia Desportiva – Previne lesões e reabilita atletas, acompanha equipes esportivas em competições.
  • Fisioterapia do Trabalho – Previne lesões que podem ser causadas pelo esforço repetitivo do trabalho ou má postura. Define e aplica um programa de ginástica laboral.
  • Indústria de Equipamentos – Desenvolve e testa equipamentos que podem ser usados na reabilitação de pacientes.
  • Neurologia – Trata pacientes com algum distúrbio neurológico, que tiveram derrame cerebral ou paralisia, por exemplo.
  • Ortopedia e Traumatologia – Atua na recuperação dos movimentos e alívio da dor em pacientes com fraturas, traumas ou luxações.
Um fisioterapeuta pode trabalhar em consultórios de Fisioterapia, clínicas, hospitais, centros de reabilitação, clubes esportivos ou asilos.

Também pode trabalhar em empresas privadas, atuando na área de Fisioterapia do Trabalho.

Além disso, o fisioterapeuta pode realizar atendimento domiciliar. Neste caso, o profissional vai até a casa do paciente para realizar o tratamento. Este atendimento é mais comum no caso de pacientes com dificuldade de locomoção.

Onde Estudar Fisioterapia

Existem, no Brasil, centenas de instituições de ensino, credenciadas pelo MEC e em atividade, que oferecem o curso de Fisioterapia.

Confira algumas:

Grade Curricular

A grade curricular da faculdade de Fisioterapia dependerá da instituição de ensino que oferece o curso. De maneira geral, encontramos as seguintes disciplinas na graduação em Fisioterapia:

  • Anatomia Palpatória
  • Biofísica
  • Bioquímica
  • Biomecânica Funcional
  • Cinesiologia Clínica
  • Controle Motor
  • Controle Postural e Avaliação de Postura
  • Desenvolvimento Motor
  • Disfunções Cardiovasculares
  • Disfunções Neurofuncionais
  • Eletroterapia Neuromuscular
  • Eletrotermoterapia
  • Estética Facial e Corporal
  • Fisioterapia Aplicada à Saúde do Trabalhador
  • Fisioterapia Aplicada ao Paciente Queimado
  • Fisioterapia Aplicada aos Traumas e Disfunções Ortofuncionais
  • Fisioterapia Aquática
  • Fisioterapia Desportiva
  • Função Muscular, Trofismo e Tônus
  • Hereditariedade
  • Histologia Animal
  • Manutenção do Corpo
  • Morfofisiologia Celular
  • Prescrição de Exercícios em Situações Especiais
  • Princípios Farmacológicos
  • Radiografia e Tomografia
  • Ressonância Magnética em Membros e Coluna Vertebral
  • Sistema Linfático e Drenagem Linfática
  • Suporte e Movimento
  • Terapia Manual
  • Ultrassonografia Musculoesquelética
Ficou interessado em fazer uma faculdade de Fisioterapia? Conte para a gente aqui nos comentários.