O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é uma iniciativa do Governo Federal que usa a nota do Enem para preencher vagas em universidades públicas de todo o Brasil.

Na segunda edição de 2016, o Sisu oferece 56.422 vagas em 65 instituições.

Se você pretende ingressar em uma faculdade gratuita sem precisar fazer o vestibular, fique de olho nas regras do programa!

Regras do Sisu em 2016

Em 2016, as regras do Sisu permanecem as mesmas. Vamos conferir as principais!

Inscrição do Sisu 2016

As inscrições para o Sisu 2016 são gratuitas e devem ser feitas via internet, no site do Sisu.

Os interessados devem se cadastrar no sistema usando seu número de inscrição e senha do Enem 2015. Caso não lembre sua senha, você poderá recuperá-la seguindo as instruções da tela.

Na segunda edição do processo seletivo, que classifica estudantes para ingresso no segundo semestre, as inscrições começam no dia 30 de maio e vão até as 23h59 do dia 2 de junho de 2016.

Quem pode fazer o Sisu 2016

Qualquer pessoa pode fazer o Sisu 2016, desde que tenha participado do Enem 2015 e não tenha zerado na redação.

O Sisu não tem limite de idade e não especifica uma renda máxima para participar.

Como funciona o Sisu 2016

Ao se inscrever no Sisu usando o número de inscrição e senha do Enem, o sistema recupera automaticamente as notas do Exame.

Em seguida, o candidato já pode pesquisar as vagas disponíveis e deve escolher até duas opções de curso.

As universidades podem exigir uma pontuação mínima para concorrer a determinadas vagas. Quando isso acontece, o sistema do Sisu apresenta essa informação na tela. Caso o candidato não tenha obtido a nota solicitada, deverá escolher  outra opção de curso.

Durante todo o período de inscrições, o Sisu mostra a nota de corte – nota mínima para passar naquele curso, turno, universidade e modalidade de concorrência. Com isso, os candidatos que não atingirem a nota de corte para o curso escolhido podem alterar suas opções e assim aumentar suas chances de passar.

Ao terminar o período de inscrições, o sistema faz a seleção final, preenchendo as vagas com aqueles candidatos que tiveram melhor desempenho no Enem. Vale ressaltar que a concorrência é para uma mesma vaga. Ou seja, ao se inscrever no Sisu, você não concorre apenas com quem também escolheu o mesmo curso, universidade, turno e modalidade de concorrência (cotas ou não) que você.

Como funciona o desempate no Sisu 2016

Caso dois participantes apresentem pontuação igual do Enem para concorrer a uma mesma vaga, o sistema do Sisu aplica os seguintes critérios de desempate:

  1. Nota obtida na prova de Redação.
  2. Nota obtida na prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.
  3. Nota obtida na prova de Matemática e suas Tecnologias.
  4. Nota obtida na prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias.
  5. Nota obtida na prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias.
Se ainda assim os candidatos ficarem empatados, disputando as últimas vagas de um mesmo curso, turno e modalidade de concorrência, eles serão convocados à universidade e o desempate ocorrerá no momento da matrícula. Ficará com a vaga aquele que tiver menor renda.

Cotas do Sisu 2016

O Sisu tem duas modalidades de concorrência: ações afirmativas e ampla concorrência.

A modalidade de ações afirmativas corresponde às vagas reservadas para diversos tipos de cota: negros, indígenas, pessoas portadoras de deficiência, etc. Cada universidade tem suas próprias políticas de ações afirmativas. A quantidade de vagas, os critérios de participação e a documentação que será exigida na matrícula aparecem para o candidato no momento da inscrição.

É importante ressaltar que cabe ao candidato garantir que cumpre todos os requisitos para participar das cotas.

Resultado do Sisu 2016

O resultado da primeira edição do Sisu 2016 sai no dia 6 de junho de 2016. A convocação dos selecionados é divulgada na página do programa, na internet.

Se você for selecionado, precisa ficar atento ao período de matrículas para não perder sua vaga.

Matrícula do Sisu 2016

O candidato selecionado pelo Sisu tem um prazo para efetuar sua matrícula na universidade para a qual foi classificado: 10 a 14 de junho de 2016.

Quem não fizer a matrícula no período determinado perde a vaga.

Lista de Espera do Sisu 2016

Se você não passar na primeira chamada do Sisu, pode ainda tentar uma vaga na lista de espera. Funciona assim: no período de 6 a 17 de junho de 2016, os candidatos devem manifestar seu interesse em participar da lista de espera pela internet, na página do Sisu.

Mas atenção:

  • Só pode participar da lista de espera quem se inscreveu naquela edição do Sisu e não foi selecionado para a primeira opção de curso.
  • O candidato só pode se cadastrar na lista de espera para o curso correspondente à sua primeira opção.
A partir do dia 23 de junho, as instituições começam a convocar os candidatos que passaram em lista de espera.

 

Veja também:

Tenho chance de passar no Sisu?

Vai participar do Sisu em 2016? Conte para a gente aqui nos comentários!