O curso de Letras dura entre 3 e 4 anos. Pode ser cursado como licenciatura, que forma professores, ou bacharelado, que forma pesquisadores, tradutores, etc. É possível estudar tanto na modalidade presencial quanto a distância (EAD).

O curso oferece habilitações em diferentes línguas. Em geral, a escolha é feita na hora de se inscrever no processo seletivo. As opções mais frequentes são em idiomas modernos: Português, Inglês, Francês, Espanhol, Italiano, Alemão etc. Alguns cursos abrangem mais de uma língua, como Português e Espanhol.

Há também graduações em línguas clássicas, como Latim e Grego, e cursos dedicados a quem busca se qualificar em campos específicos, como por exemplo:

• Libras (Língua Brasileira de Sinais)

• Tradução

• Estudos Literários

• Língua Estrangeira Aplicada à Negociação Internacional

• Redação e Revisão de Textos

Confira agora as principais matérias do curso de Letras e uma lista com universidades autorizadas pelo Ministério da Educação (MEC) a oferecer esta graduação!

Grade curricular de Letras

A grade curricular de Letras varia bastante. O conteúdo de Letras Português, por exemplo,  pode trazer muitas matérias diferentes do curso de Letras Libras. A variação ocorre também se o curso é presencial ou a distância, bacharelado ou licenciatura.

Por isso, a principal característica do curso de Letras é a estrutura flexível do currículo. Essa é uma recomendação do próprio MEC, nas diretrizes curriculares que devem ser atendidas pelas universidades. A estrutura recomendada deve abranger:

Conteúdos básicos de estudos linguísticos e literários: referem-se ao estudo da língua portuguesa ou de uma língua estrangeira nas formas oral e escrita. O estudante também aprende a relação da língua e seus aspectos psicológicos, sociais, históricos e culturais.

Conteúdos de formação: são as atividades que preparam para o exercício da profissão, como práticas profissionalizantes, estudos complementares, estágios e seminários.

Para as licenciaturas, o currículo deve abordar conteúdos que serão ensinados nas salas de aula do ensino fundamental e médio, além do estágio obrigatório.

Mesmo com uma grade curricular tão flexível, é possível ter uma noção do que se estuda no curso de Letras. Para isso, listamos algumas das matérias mais comuns ao longo do curso. Confira:

Grade curricular do primeiro ano de Letras

No primeiro ano de curso, a grade curricular de Letras traz matérias específicas como:

• Estudos Linguísticos

• Fonética e Fonologia da Língua Portuguesa

• Língua Portuguesa

• Oficina Literária

• Teoria da Literatura

Para quem quer fazer licenciatura em Letras, este começo da formação apresenta muitos conteúdos ligados ao ensino, como:

• Aspectos Antropológicos e Sociológicos da Educação

• Educação Inclusiva

• Filosofia Geral e da Educação

• Organização do Trabalho Pedagógico

• Psicologia da Educação e da Aprendizagem

Grade curricular do segundo ano de Letras

No segundo ano, a grade curricular de Letras tem um enfoque maior nos conteúdos específicos. Veja alguns exemplos de matérias desta etapa:

• Linguística

• Literatura Brasileira

• Literatura Comparada

• Literatura Estrangeira

• Literatura Regional

• Morfologia da Língua Portuguesa

• Sintaxe

• Teoria da Literatura

Na parte de teorias e conhecimentos gerais, algumas faculdades trazem conteúdos como:

• Cultura Brasileira

• Linguagens da Arte e Regionalidades

• Metodologia Científica

• Didática e Metodologias de Ensino (disciplinas estudadas nos cursos de licenciatura).

Grade curricular do terceiro ano de Letras

A novidade no terceiro ano de Letras são as atividades práticas, na forma de estágios supervisionados. As matérias específicas continuam a ocupar boa parte da grade curricular. Veja alguns exemplos:

• Aspectos Semiológicos do Discurso

• Formação da Língua Portuguesa

• Língua Latina

• Literatura Brasileira e Modernismo

• Literatura Estrangeira

• Sintaxe do Português

Entre as matérias gerais, a grade curricular pode trazer tópicos como Teorias do Discurso e Metodologia de Pesquisa. Quem está se preparando para atuar como professor pode encontrar matérias como:

• Aquisição da Língua Escrita

• Ensino e Aprendizagem de Línguas e Literatura

• Linguística Aplicada ao Ensino de Línguas

• Políticas Públicas e Educação Básica

• Novas Tecnologias em Educação

• Tecnologias no Ensino da Língua Portuguesa

Grade curricular do quarto ano de Letras

Nos cursos que enfocam uma língua estrangeira, o último ano apresenta várias matérias que exploram este conteúdo, como por exemplo:

• Leitura e Redação em Língua Estrangeira

• Língua Estrangeira - Estrutura Sintática

• Língua Estrangeira - Estrutura Básica

• Língua Estrangeira - Fonética e Fonologia

• Língua Estrangeira - Relações Discursivas

• Prática Oral em Língua Estrangeira

• Tópicos Avançados em Literatura Estrangeira

O estudante tem oportunidade de colocar em prática o novo idioma através dos estágios supervisionados. Na parte de licenciatura, podem surgir matérias como:

• Linguística Aplicada ao Ensino de Língua Estrangeira

• Práticas Pedagógicas (Educação Ambiental, Letramento etc.)

• Políticas Públicas da Educação

Esta etapa final de curso de Letras é o momento também de preparar e executar o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), requisito para a formatura.

Onde estudar Letras

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Letras:

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)

Universidade Cidade de São Paulo (UNICID)

Universidade de Franca (UNIFRAN)

Centro Universitário do Distrito Federal (UDF) - no Distrito Federal

Veja também:

Faculdade de Letras

E então, você se identificou com a grade curricular de Letras? Conte para a gente nos comentários!