Se você fizer uma pesquisa entre os estudantes do Administração, vai ver que a versatilidade do curso é um dos fatores mais apreciados entre os 770 mil futuros administradores por todo o País.

Quem se forma nessa graduação pode trabalhar em praticamente todo tipo de empresa, em qualquer atividade, ou ainda abrir um negócio próprio e enveredar pelo caminho do empreendedorismo.

Não é à toa que Administração só perde para Direito na lista de cursos com a maior quantidade de alunos matriculados.

Todos os anos há mais de meio milhão de novas vagas para quem quiser ser administrador. A imensa maioria está nas faculdades privadas. Nas públicas, é preciso superar, em média, 20 candidatos para conquistar um lugar ao sol.

Quem pensa em usar a nota do Enem para entrar em Administração terá um amplo cardápio de processos seletivos à disposição. Tem vaga em universidades públicas e particulares, bolsas de estudos e a possibilidade de financiar os estudos a juros baixos.

Veja a seguir quantos pontos é preciso tirar no Enem para entrar em Administração nos diferentes processos seletivos que usam a nota do Exame!

Processos seletivos que aceitam a nota do Enem

Existem pelo menos quatro grandes processos seletivos que usam a nota do Enem como critério de ingresso de novos alunos.

Dois deles exigem a nota do Exame mais recente, enquanto os demais aceitam a pontuação de edições anteriores.

Veja quais são:

  • Ingresso direto: há um número cada vez maior de faculdades privadas que aceitam a nota do Enem como critério para selecionar novos alunos. É uma mão na roda para quem quer entrar em um curso superior sem ter que fazer vestibular. Aqui, só é preciso apresentar o boletim de desempenho e fazer a matrícula, caso tenha alcançado a pontuação exigida. Diferentemente dos outros processos, no ingresso direto cada instituição define seus próprios critérios de uso da nota do Enem. O ideal é se informar no local onde você quer estudar.
  • Sisu: O Sistema de Seleção Unificada permite ao candidato que fez o Enem mais recente disputar vagas em universidades públicas de todo o Brasil. O único critério é não ter zerado na redação. Garante lugar quem chegar à disputa com as maiores notas. O Sisu acontece duas vezes ao ano, em janeiro e em junho.
  • ProUni: o Programa Universidade para Todos permite que candidatos de baixa renda consigam uma bolsa de estudos parcial ou integral para cursar faculdade particular. Aqui a corrida por uma vaga também é bastante puxada. Quem quiser participar precisa apresentar desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação do Enem mais recente, além de atender aos critérios de escolaridade e renda definidos pelo MEC. O ProUni tem duas edições por ano.
  • FIES: o Fundo de Financiamento Estudantil ajuda a pagar a faculdade e o aluno só começa a quitar a dívida depois da formatura, com prazo longo e juros abaixo dos praticados no mercado. Quem quiser concorrer ao benefício precisa apresentar desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação de qualquer edição do Enem a partir de 2010. O candidato também deve atender a critérios de renda. O FIES acontece duas vezes por ano, no início de cada semestre.

Que nota preciso tirar no Enem para passar em Administração por ingresso direto?

O ingresso direto é um processo bem simples. Geralmente basta informar o desempenho e o sistema já verifica automaticamente se o candidato atende às exigências e se há vagas disponíveis.

Selecionamos algumas instituições reconhecidas pelo MEC que aceitam ingresso direto no curso de Administração, além de participarem de programas como ProUni e FIES e trabalharem com descontos, bolsas e financiamentos sem burocracia. Confira:

Que nota preciso tirar no Enem para passar em Administração pelo Sisu?

Quem quiser investir no Enem para entrar em universidade pública terá que apresentar um desempenho médio de 640 pontos no Enem.

Em algumas instituições, é preciso suar a camisa: a menor nota para conseguir vaga se aproxima de 800 pontos.

Em outras, dá para entrar com cerca de 540 pontos.

A pontuação necessária para passar em Administração pode variar de uma edição para a outra. É preciso entrar no Sisu e verificar as notas de corte durante o período de seleção. Você pode mudar de universidade, turno e curso sempre que quiser, até o último minuto antes do encerramento do processo.

Que nota preciso tirar no Enem para passar em Administração pelo ProUni?

No ProUni, a nota para passar em Administração é só um pouco menor que a do Sisu: 590 pontos no Enem, em média.

As máximas podem chegar a 770. Já as menores podem ficar próximas ao mínimo exigido pelo ProUni, que é de 450 pontos.

Pelo ProUni o candidato também pode concorrer a bolsas em cursos de Administração a distância!

Que nota preciso tirar no Enem para passar em Administração pelo FIES?

Conseguir o financiamento facilitado do FIES vai exigir do candidato uma média de 570 pontos no Enem.

Em edições recentes, as faculdades particulares mais prestigiadas atingiram nota próxima aos 700 pontos!

As menos disputadas ficaram na casa dos 450 pontos – o mínimo exigido para concorrer ao benefício.

Como passar em Administração com a nota do Enem?

Como você já viu pelas notas acima, Administração é um curso bastante concorrido e exige uma dose extra de estudos e dedicação.

Quem quiser garantir vaga em qualquer processo seletivo vai precisar chegar à disputa com uma nota de fazer inveja.

Para isso, recomendamos uma pontuação aproximada de 750. Com esse desempenho você pode passar para Administração em praticamente qualquer universidade brasileira participante do Sisu, por exemplo.

Só que chegar lá tem um preço. O ideal é que você tenha o seguinte índice de acertos em cada uma das provas do Enem:

• 35 em Linguagens, Códigos e suas Tecnologias

• 30 ou mais em Ciências Humanas e suas Tecnologias

• 35 em Matemática e suas Tecnologias

• 30 ou mais em Ciências da Natureza e suas Tecnologias

Recomendamos que você estude para fazer bonito na redação. Seu alvo deve ser 800 pontos.

Lembre-se de que o modelo de correção do Enem não é a simples soma de acertos. É necessário apresentar domínio coerente dos temas para atingir uma boa pontuação. O sistema consegue identificar “chutes” e atribui pontuação menor às questões acertadas ao acaso.

Veja também:

Quanto custa estudar Administração?

Vai usar a nota do Enem para entrar em Administração? Conte para a gente em qual faculdade gostaria de estudar!