Engenharia é uma carreira-sensação no Brasil, figurando entre as profissões com maiores salários. Além disso, pesquisas indicam que faltam engenheiros qualificados no mercado.

Tem Engenharia para tudo quanto é gosto – mecânica, elétrica, civil, florestal, ambiental, de produção, aeronáutica, química... É ou não é uma bela oportunidade?

Hoje, as engenharias mais populares no Brasil são, por ordem:

•1. Engenharia Civil

2. Engenharia de Produção

3. Engenharia Elétrica

4. Engenharia Mecânica

5. Engenharia de Computação

6. Engenharia Química

7. Engenharia de Controle e Automação

8. Engenharia Ambiental

9. Engenharia de Alimentos

10. Engenharia Florestal

Mas nem tudo são flores. Para se formar em Engenharia é preciso muita, muita dedicação – e esse empenho começa bem antes do curso, já no preparatório para o Enem.

É que a Engenharia está entre os cursos mais difíceis de entrar, devido à grande procura e ao alto desempenho dos candidatos que disputam a mesma vaga.

Se você vai entrar nessa corrida, além de estudar bastante é preciso chegar bem informado à seleção. Para isso, conheça a nota que é preciso tirar no Enem para passar em Engenharia nos processos seletivos que classificam os candidatos usando a nota do Exame!

Processos seletivos que usam a nota do Enem

Temos pelo menos quatro processos seletivos que usam a nota do Enem como critério de classificação. Três deles são do Governo Federal e acontecem duas vezes ao ano. Ou seja, são seis chances de entrar em Engenharia na universidade pública, conseguir bolsas de estudos em faculdades particulares ou financiar os estudos.

Também é possível entrar no curso de Engenharia em faculdade privada sem ter que fazer vestibular, apenas apresentando a nota do Enem.

Veja agora como funciona cada processo seletivo e a nota necessária para passar em cada um deles:

Nota que você precisa tirar no Enem para passar em Engenharia em universidade pública

Com a nota do Enem dá para concorrer a vagas em universidades públicas pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Para isso basta ter feito a edição mais recente do Exame e não ter zerado na redação. Aqui a concorrência é altíssima. Garante vaga quem tiver as notas mais altas. O Sisu abre inscrições duas vezes ao ano e oferece ingresso em diferentes engenharias.

A média geral para conseguir entrar em Engenharia pelo Sisu é de mais ou menos 680 pontos no Enem.

Em algumas instituições a nota chega a ultrapassar os 800 pontos, chegando a 830. Nas engenharias menos procuradas a nota de corte pode até dar uma aliviada, mas raramente é menor que 600 pontos.

Engenharia Civil é uma das mais difíceis de passar, com nota média no valor de 700 pontos. Veja como é o cenário em outras habilitações:

• Engenharia Mecânica: 690 pontos

• Engenharia Elétrica: 680 pontos

• Engenharia da Computação: 670 pontos

• Engenharia de Produção: 670 pontos

• Engenharia Sanitária: 650 pontos

Nota que você precisa tirar no Enem para conseguir bolsa de estudos em Engenharia

Com o ProUni é possível conseguir bolsa integral ou parcial para estudar Engenharia em faculdade particular. Para concorrer ao benefício é preciso atender aos requisitos de renda e escolaridade estipulados pelo MEC, além de ter feito o Enem mais recente. O desempenho exigido para se inscrever é de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação. O ProUni também acontece duas vezes por ano, no início de cada semestre letivo.

Aqui também é preciso chegar preparado se quiser garantir a bolsa. As notas médias e máximas se aproximam bastante das do Sisu. Veja:

• Nota média no Enem para passar em Engenharia pelo ProUni: 640 pontos.

• Nota de corte mais alta: acima de 800 pontos

• Menor nota de corte: 450 pontos

Nota que você precisa tirar no Enem para financiar o curso de Engenharia pelo FIES

Com a nota do Enem dá para conseguir um financiamento que ajuda a pagar o curso de Engenharia. Mas não é um financiamento qualquer. O FIES tem muitas facilidades que o diferem de outras opções disponíveis no mercado: taxa de juros mais baixa, prazo longo para pagamento e a vantagem de só começar a quitar a dívida depois da formatura.

O benefício é direcionado a alunos de baixa renda que tenham feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, com desempenho de pelo menos 450 pontos nas provas e nota acima de zero na redação. O FIES acontece duas vezes por ano.

Aqui a disputa também é grande, embora exija notas mais tranquilas que no Sisu ou no ProUni. Veja o panorama atual:

• Nota média no Enem para conseguir o FIES: 550 pontos

• Nota mais alta: 700 pontos ou mais

• Nota mais baixa: 450 pontos (o mínimo exigido)

Nota que você precisa tirar no Enem para passar em Engenharia por ingresso direto

O ingresso direto é um sistema cada vez mais adotado pelas faculdades particulares. Basta informar as notas do Enem (muitas aceitam de edições anteriores) e, caso cumpra o requisito mínimo de pontuação, você já pode fazer a matrícula. Simples, rápido e sem burocracia.

No geral, não existe uma nota mínima para essa forma de ingresso. Cada faculdade adota sua própria sistemática. Informe-se das condições no local onde você quer estudar.

Conheça algumas instituições de ensino bem avaliadas pelo MEC que têm curso de Engenharia e aceitam a nota do Enem como critério de seleção (ProUni, FIES e ingresso direto):

Universidade de Franca (UNIFRAN)  

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) 

• Universidade Estácio de Sá (UNESA) 

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) 

Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 

Centro Universitário do Distrito Federal (UDF) - no Distrito Federal

Qual nota do Enem garante vaga em Engenharia?

Quem quer mesmo passar em Engenharia não pode se guiar pelas notas mais baixas ou médias apresentadas aqui. Pelo contrário, tem que tentar superar as mais altas! Só isso irá garantir uma vaga na universidade dos seus sonhos, seja ela pública ou privada.

Para isso é preciso estabelecer uma meta ousada – 800 pontos, por exemplo, garantem entrada na maioria das instituições. Se você quer chegar aos processos seletivos sem ter grandes dores de cabeça por medo da concorrência, essa é a nota que você deve tirar no Enem.

Atingir uma média dessas vai exigir bastante dedicação. Veja quantas questões é preciso acertar em cada prova para passar com tranquilidade em Engenharia:

• 35 ou mais em Matemática e suas Tecnologias (invista bastante aqui!)

• 35 ou mais em Linguagens, Códigos e suas Tecnologias

• 35 ou mais em Ciências da Natureza e suas Tecnologias

• 40 acertos ou mais em Ciências Humanas e suas Tecnologias

• Redação com aproximadamente 800 pontos

Além disso, para render uma nota legal os acertos precisam ser coerentes, ou seja, seguir uma lógica linear simples que inclua acertar todas as questões fáceis, a maioria das médias e algumas difíceis. O aluno que foge desse modelo pode ter alguns acertos interpretados como “chute” pelo sistema de correção do Enem e, com isso, obter uma pontuação menor.

A gente sabe que é difícil, mas nada impossível! Basta começar a estudar o quanto antes!

Veja também:

Engenharia Civil

Vai usar a nota do Enem para entrar em Engenharia? Conte para a gente em qual especialidade você tem interesse!