Você pretende fazer faculdade de Fisioterapia mas tem uma rotina agitada e acha que não tem tempo de realizar uma graduação presencial? Trazemos uma ótima notícia: Fisioterapia está disponível na modalidade a distância!

Só existe um porém: o curso possui uma carga horária muito grande de matérias práticas. Por isso, é preciso comparecer ao polo de apoio ou campus da faculdade com frequência, algumas vezes por semana – o que faz Fisioterapia a distância ser, na realidade, um curso semipresencial.

Apesar de estar disponível nessa modalidade, nem sempre as faculdades abrem novas turmas. Além disso, é importantíssimo verificar se a faculdade em questão tem a autorização do Ministério da Educação (MEC) para oferecer o curso. Vamos ensiná-lo a fazer isso a seguir.

Onde tem curso de Fisioterapia a distância

O Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) é uma das faculdades autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Fisioterapia a distância.
Se você encontrar o curso de Fisioterapia a distância em outra faculdade e quiser verificar se ela a autorização do MEC, basta seguir o passo a passo:
1. Acesse o site e-MEC.
2. Clique na aba “Consulta Avançada”.
3. Selecione a opção “Curso de Graduação”.
4. No campo “Curso”, digite “Fisioterapia” em “Curso”.
5. Em “Modalidade”, selecione a opção “A Distância”.
6. Em “Situação”, escolha “Em Atividade”.
7. Digite o código de verificação conforme solicitado e clique em “Pesquisar”.

Como funciona o curso de Fisioterapia a Distância

O curso de Fisioterapia EAD tem duração de 5 anos e carga horária mínima de 4 mil horas. Como se trata de uma graduação semipresencial, o aluno assiste às aulas teóricas, faz tarefas e trabalhos por meio da plataforma de ensino virtual da faculdade. Algumas vezes por semana, deve comparecer ao polo de apoio para as aulas práticas (como laboratórios) e provas.

Por determinação do Ministério da Educação, o estágio supervisionado é obrigatório, com carga horária equivalente a 20% do total do curso. Como estagiário, o aluno pode atuar em hospitais, clínicas, ambulatórios, centros comunitários, unidades básicas de saúde, etc.

Outra obrigatoriedade da graduação de Fisioterapia EAD é a apresentação de um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), orientado por um professor da faculdade.

Com o diploma em mãos, o formando estará apto a se cadastrar como fisioterapeuta no Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito) de seu estado para exercer a profissão legalmente.

O que se estuda no curso de Fisioterapia EAD

O MEC determina que tanto as graduações presenciais quanto EAD devem abordar as seguintes áreas do conhecimento:

• Conhecimentos Fisioterapêuticos: é a parte mais específica do curso, tratando das práticas fisioterapêuticas e do exercício da profissão.
• Conhecimentos Biotecnológicos: abrange os conhecimentos relacionados aos avanços da biotecnologia que auxiliam as práticas fisioterapêuticas.
• Ciências Biológicas e da Saúde: aulas teóricas e práticas sobre a estrutura e função dos tecidos, órgãos, sistemas e aparelhos.
• Ciências Sociais e Humanas: inclui os aspectos sociais da área de Fisioterapia, junto com fundamentos antropológicos e filosóficos da área de saúde, além dos princípios éticos da profissão.
Para ilustrar melhor, separamos algumas matérias que normalmente fazem parte do curso (elas podem variar de faculdade para faculdade). Confira:
• Anatomia
• Anatomia do Aparelho Locomotor
• Anatomia Palpatória
• Biologia Celular
• Bioquímica
• Cinesiologia e Biomecânica
• Eletrotermofototerapia
• Estudos de Exames por Imagem
• Ética na Saúde
• Farmacologia
• Fisiologia do Exercício
• Fisioterapia Aquática
• Fisioterapia Cardiovascular
• Fisioterapia em Dor
• Fisioterapia em Ortopedia e Traumatologia
• Fisioterapia em UTI
• Fisioterapia Esportiva
• Fisioterapia na Saúde da Criança
• Fisioterapia na Saúde da Família
• Fisioterapia na Saúde do Idoso
• Fisioterapia Neurofuncional
• Fisioterapia Respiratória
• Fundamentos Sócio Antropológicos da Saúde
• Genética
• Histologia e Embriologia
• História e Fundamentos da Fisioterapia
• Imunologia Básica
• Neurofisiologia
• Órteses e Próteses
• Patologia
• Psicomotricidade
• Recursos Terapêuticos Manuais

O diploma de Fisioterapia EAD é válido?

Sim! O diploma de Fisioterapia obtido em um curso EAD reconhecido pelo MEC vale tanto quanto o presencial.

Faculdades que oferecem o curso presencial de Fisioterapia

Para algumas pessoas, só o fato de não ter que ir à faculdade todos os dias já representa uma economia enorme de tempo. Para outras, não faz tanta diferença assistir às aulas presenciais uma, duas ou cinco vezes por semana. Por isso, há quem prefira estudar Fisioterapia da forma presencial tradicional.
Confira a seguir uma lista com faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo Ministério da Educação que oferecem o curso de Fisioterapia presencial:
Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) 
Universidade Estácio de Sá (UNESA) 
Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) 
Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 
Universidade de Franca (UNIFRAN) 
Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais 
Todas elas participam do ProUni e do FIES, além de oferecerem descontos, parcelamentos e convênios que facilitam o pagamento das mensalidades. Saiba mais a seguir.

Dá para fazer Fisioterapia pagando menos?

Se o seu sonho e é fazer Fisioterapia mas a grana anda curta, saiba que é possível obter descontos, bolsas de estudo e financiamentos na própria faculdade. A maneira mais comum de conseguir um abatimento na mensalidade é pagar o boleto em dia.

Outra facilidade cada vez mais comum é o parcelamento privado, que permite pagar mensalidades mais suaves para o bolso e quitar o resto da dívida após a formatura. Informe-se na faculdade de seu interesse sobre as possibilidades.

Há vagas em Fisioterapia também em iniciativas do governo federal, como o Programa Universidade para Todos (ProUni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES).

O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em cursos presenciais e a distância. Para se candidatar, é necessário se encaixar em requisitos de renda familiar, escolaridade e desempenho no Enem mais recente.
Já o FIES vale apenas para cursos presenciais. O governo paga uma parte das mensalidades e a dívida só começa a ser quitada depois da formatura. O processo seletivo também tem critérios de renda familiar e desempenho no Enem.

Veja também:
Carreira de Fisioterapia

O que achou do curso de Fisioterapia a distância? Vai optar pela modalidade EAD ou presencial? Conte para a gente nos comentários!