O Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) está presente em Jundiaí há bastante tempo. Desde 2001, a faculdade oferece cursos de graduação e pós-graduação com o reconhecimento do Ministério da Educação (MEC).

Jundiaí está entre as cidades mais prósperas do estado de São Paulo. Além da tradicional vocação agrícola, o município também tem um forte polo de produção tecnológica e indústrias nas áreas de alimentos, cerâmica, metalurgia, autopeças e química.
Para se dar bem em um mercado cada vez mais competitivo, ter uma boa formação é fundamental. Por isso é imprescindível investir em uma faculdade que renda um diploma bem-conceituado no mercado jundiaiense.
A Anhanguera tem opções de sobra para você. Confira!

Onde encontrar a Anhanguera em Jundiaí

A Anhanguera conta com uma bela unidade em Jundiaí. Fica na Rua do Retiro, 3.000, no bairro do Jardim das Hortências, às margens da Rodovia Anhanguera.

Lá você encontra cursos de bacharelado, licenciatura e de tecnólogo, nos formatos presencial e a distância.
A unidade é equipadíssima. Além de salas de aula, oferece biblioteca, dois anfiteatros, cantina e mais de 15 tipos diferentes de laboratórios, como os de circuitos elétricos, controle e automação, enfermagem, física, fisioterapia, fotografia, materiais de construção, microscopia, eletrônica digital, morfofuncional, de informática e tantos outros.
A Anhanguera de Jundiaí também conta com uma oferta gigantesca de cursos de pós-graduação – uma boa pedida para quem quer entrar no mercado com mais um diferencial no currículo.

Cursos oferecidos pela Anhanguera em Jundiaí

Veja os cursos de graduação que a Anhanguera de Jundiaí oferece:

• Administração

• Análise e Desenvolvimento de Sistemas

• Artes Visuais

• Biomedicina

• Ciência da Computação

• Ciências Contábeis

• Direito

• Educação Física

• Educação Física

• Engenharia Civil

• Engenharia da Computação

• Engenharia de Controle e Automação

• Engenharia de Produção

• Engenharia Elétrica

• Engenharia Mecânica

• Eventos

• Geografia

• Gestão da Produção Industrial

• Gestão de Recursos Humanos

• Gestão de Segurança Privada

• Gestão Financeira

• História

• Letras - Português e Inglês

• Logística

• Marketing

• Marketing Digital

• Matemática

• Nutrição

• Pedagogia

• Psicologia

• Publicidade e Propaganda

• Redes de Computadores

Como estudar na Anhanguera Jundiaí

Existem diversas maneiras de conseguir uma vaga na Anhanguera de Jundiaí.
A mais comum é pelo vestibular da faculdade, que acontece várias vezes ao longo do ano.
Nesse processo, o candidato precisa encarar uma prova objetiva com 40 questões e uma redação.
As disciplinas abordadas são as básicas do ensino médio: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Literatura, História, Geografia, Física, Química, Biologia e Matemática.
As provas são aplicadas pouco antes do início de cada semestre letivo.
Outra opção interessante são os processos seletivos agendados. Sempre que sobram vagas do vestibular tradicional, os estudantes podem tentar a sorte mais uma vez.
Aqui o processo é bem mais simples, dado que a prova é composta apenas de uma redação.
Mas se o candidato quiser ainda mais simplicidade, pode optar pelo ingresso direto com a nota do Enem. Nesse modelo, ele só tem que apresentar as notas obtidas no exame para conseguir a vaga desejada.
A Anhanguera faz uma média com as notas obtidas nas provas de Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens, Códigos, Matemática e Redação e informa, na hora, se o candidato conseguiu a vaga ou não.
Dá para usar as notas do Enem a partir de 2010.

Estude na Anhanguera Jundiaí com desconto (ou sem pagar nada)

A Anhanguera de Jundiaí conta com diversos programas de bolsas de estudos e de crédito estudantil.
Tem ProUni, tem FIES, tem PEP e diversos convênios.
Vamos entender como funciona cada um deles.
O ProUni é o maior programa de bolsas de estudos do país. Para quem fez o Enem mais recente, é a chance de conseguir uma bolsa parcial ou integral em faculdades da rede privada.
Tem bolsa em curso presencial e a distância, você escolhe.
Para participar, é necessário atender a certas exigências do MEC, que incluem ter feito todo o ensino médio em escola da rede pública (ou na particular como bolsista integral) e ter renda familiar mensal bruta de até 3 salários mínimos por pessoa. O desempenho mínimo obtido no Enem deve ser de 450 pontos na média das provas, sem ter zerado a redação.
O ProUni é bastante concorrido. Por isso, quanto maior a nota do candidato, melhor.
Outra alternativa para quem fez o Enem é o FIES, o Fundo de Financiamento Estudantil.
Com ele dá para financiar um curso superior na Anhanguera a juros baixos e pagar a dívida com um prazo super longo. Para tentar o benefício é preciso encarar um processo seletivo similar ao do ProUni. As exigências para participar são: ter feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, apresentar 450 pontos (ou mais) na média das provas, sem ter zerado a redação, e comprovar renda familiar mensal bruta de até 5 salários mínimos por pessoa.
Por enquanto, o FIES só pode ser usado para financiar cursos presenciais.
Se você não fez o Enem ou não consegue atender a tantos requisitos burocráticos, pode optar pelo PEP Anhanguera, o Parcelamento Estudantil Privado. Com ele, dependendo do curso, dá para parcelar até 70% do valor do curso, com parcelas que só começam a ser cobradas depois da formatura. Para solicitar o seu, basta estar matriculado.
Por fim, a faculdade conta com uma série de convênios que podem render belos descontos no fim do mês. Tem para empresas conveniadas, para militares e para servidores públicos. Informe-se na secretaria para conhecer todas as opções.

Veja também:

Cruzeiro do Sul em Sorocaba

E aí, vai de Anhanguera? Conte para a gente qual curso você quer fazer!