O Sisu 2019 tem como principal novidade as mudanças na lista de espera. Para ajudar os candidatos, preparamos um artigo completo explicando as novas regras, como participar e acompanhar as convocações.

Confira a seguir todas as informações sobre a lista de espera do Sisu 2019, tire suas dúvidas e aproveite para ver o calendário oficial com todas as datas importantes!

Como funciona a lista de espera do Sisu 2019

A lista de espera do Sisu 2019 só estará disponível aos candidatos que não forem selecionados na chamada regular para nenhuma das duas opções de curso escolhidas no ato da inscrição. O que isso significa?

Ao se inscrever no Sisu, o participante tem direito a escolher duas vagas para concorrer (a primeira e a segunda opção).

Por exemplo, um candidato pode colocar como primeira opção Engenharia Civil na universidade X e como segunda opção licenciatura em Matemática na instituição Y.

Caso não consiga passar em nenhuma das duas opções, essa pessoa terá direito a se inscrever na lista de espera do Sisu 2019.

O que mudou?

Em edições anteriores, o candidato podia se inscrever na lista de espera para continuar tentando a primeira opção mesmo que fosse aprovado na segunda.

Até se o estudante fizesse a matrícula na segunda opção e começasse o curso, podia permanecer na lista de espera.

Mas isso acabou! Então, é importante ficar de olho na hora da inscrição, tendo em vista as novas regras da lista de espera.

Como participar

De acordo com o edital, o candidato que queira participar da lista de espera precisa acessar o sistema do Sisu 2019 dentro do prazo estabelecido no cronograma, acessar seu boletim e clicar no botão que confirma o interesse.

O participante precisa informar se quer continuar concorrendo à primeira ou segunda opção de curso.

Como acompanhar os resultados da lista de espera

A convocação dos candidatos da lista de espera é de responsabilidade das faculdades. Os resultados não são divulgados no site do Sisu.

Então, é preciso entrar regularmente no site da instituição que ofereceu a vaga no Sisu e acompanhar as chamadas.

Cronograma Sisu 2019: confira todas as datas

Veja agora o prazo para se inscrever na lista de espera e demais datas importantes do Sisu 2019.

Calendário oficial (Sisu 1/2019)

Inscrições: de 22 a 25 de janeiro de 2019

Resultado da chamada regular: 28 de janeiro

Prazo para se inscrever na lista de espera: de 28 de janeiro a 04 de fevereiro

Matrícula da chamada regular: de 30 de janeiro a 04 de fevereiro

Convocação dos candidatos da lista de espera: a partir de 07 de fevereiro

Sisu 2/2019

No segundo semestre de 2019 ocorrerá a segunda edição do Sisu. Porém, o MEC ainda não divulgou nenhuma data. Assim que o edital sair, atualizaremos o artigo!

Opções para quem não passar no Sisu

Quem não conseguir uma vaga pelo Sisu tem opções para começar a faculdade ainda em 2019.

ProUni e FIES

Uma das alternativas é tentar o ProUni, programa do governo federal que oferece bolsas integrais e parciais a estudantes sem diploma do ensino superior.

Existe ainda o FIES, outro programa do governo que permite financiar as mensalidades da faculdade a juros baixos e começar a quitar a dívida só depois da formatura.

Todas as instituições que participam desses programas são reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC, como a Universidade Cruzeiro do Sul e a Universidade Cidade de São Paulo.

Só que, para concorrer no ProUni ou FIES, é preciso enfrentar bastante burocracia, pois ambos têm pré-requisitos e o candidato precisa comprovar as informações para garantir a bolsa ou financiamento.

Ingresso direto com a nota do Enem

Para quem quer entrar logo na faculdade, o jeito mais simples é usar a nota do Enem para estudar em uma instituição particular sem ter que passar pelo vestibular.

Além de se matricular sem enfrentar burocracia, boa parte das instituições ainda oferece bolsas de estudo de acordo com a pontuação obtida no Enem. Alguns exemplos são a Anhanguera, a UNIFRAN, a Pitágoras e a Faculdade das Américas.

Dependendo do percentual da bolsa e do curso escolhido, o valor da mensalidade fica muito reduzido!

Além disso, na rede privada existe grande oferta de cursos a distância, que oferecem maior flexibilidade de horários, mensalidades mais em conta e um diploma igual ao de uma graduação presencial.

Onde estudar

Conheça agora 6 faculdades bem avaliadas pelo MEC que aceitam a nota do Enem para ingresso direto, além de oferecerem bolsas de estudo, descontos variados e condições especiais de pagamento das mensalidades.

Clique nos links para mais informações:

Veja também:

As 10 faculdades mais baratas

Os cursos que são e os que não são oferecidos a distância

Depois de saber tudo sobre a lista de espera do Sisu 2019, é hora contar para a gente: quais suas opções de curso no Sisu? Deixe um comentário!