Ter uma boa profissão é o desejo da maioria das pessoas, porém grande parte das empresas e dos concursos públicos exigem que os candidatos às suas vagas tenham pelo menos o ensino médio completo.

Sendo assim, aqueles que ainda não concluíram a escola, mas já passaram dos 17 ou 18 anos, sempre se deparam com dificuldades na hora de encontrar um bom emprego.

Muitas pessoas pensam em voltar a estudar, porém não sabem por onde começar. Por isso, abaixo vamos mostrar as melhores opções para quem quer voltar para a escola, concluir os estudos e conseguir o certificado de conclusão do ensino médio. Confira!

Como obter o certificado de conclusão do ensino médio?

Para conseguir concluir os estudos, existem algumas opções, como fazer supletivo ou EJA. Mas você já ouviu falar do Encceja? Este é um exame que pode conferir o diploma que você tanto precisa.

A seguir vamos explicar melhor cada uma dessas opções.

Supletivo: uma série a cada 6 meses

Algumas instituições oferecem ensino básico para aqueles que não finalizaram a escola no período habitual. Durante o curso, são ministradas aulas das disciplinas do ensino médio, porém em um tempo menor, cerca de 6 meses por série.

O curso pode ser realizado presencialmente ou a distância, de modo que se você não tem muito tempo para dedicar aos estudos, a modalidade EAD pode te ajudar bastante.

Os supletivos são normalmente oferecidos por instituições privadas, mas existem também algumas opções gratuitas, como os cursos do Senai e do Sesi.

EJA: complete os estudos de forma gratuita

A modalidade de ensino EJA também permite que cada série seja finalizada em 6 meses. Mas, diferente do supletivo, o EJA é oferecido nas escolas públicas, e portanto é totalmente gratuito.

O EJA também pode ser feito a distância, porém exige que algumas atividades sejam realizadas em escolas públicas.

Para realizar o EJA, basta ir até uma escola pública do município e se informar.

CEEJA oferece horário flexível

O Centro  Estadual de Educação para Jovens e Adultos (CEEJA) possui cerca de 31 unidades, é público e oferece ensino aos alunos que não concluíram o ensino médio. Mas, diferente do EJA, o aluno não precisa frequentar as aulas diariamente.

Assim que o aluno faz a matricula, recebe o material e orientações para a criação de um plano de estudos. É necessário comparecer na escola apenas para as atividades presenciais e para tirar dúvidas relacionadas às disciplinas.

Para saber se a sua cidade conta com uma unidade do CEEJA, basta entrar em contato com a Secretária de Educação do município.

Encceja é a forma mais prática de concluir o ensino médio

Diferente do supletivo, do EJA e do CEEJA, o Encceja (Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos) não é um curso, mas sim uma prova.

Este exame é destinado àqueles que desejam obter o certificado de conclusão do ensino fundamental ou médio e decidiram estudar por conta própria.

O Encceja é composto por 30 questões, distribuídas entre as seguintes disciplinas: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação, Matemática e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

Apesar de ser uma forma mais prática de concluir o ensino básico, quem opta pelo Encceja deve se dedicar bastante aos estudos, afinal não é nada fácil estudar sozinho.

Mas para ajudar o participante, o INEP, órgão que aplica o Encceja, disponibiliza em seu site apostilas com o conteúdo para estudo.

O que fazer com o certificado de conclusão do ensino médio?

Após obter o certificado de conclusão do ensino médio é hora de pensar em continuar investindo no futuro profissional. Com o diploma em mãos, é possível realizar, por exemplo, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), prova essencial para quem quer entrar na faculdade.

Com a nota do Enem, o candidato pode conquistar uma vaga na universidade pública por meio do Sisu ou estudar em uma faculdade particular com uma bolsa de até 100%, se for aprovado no ProUni.

Para quem vai estudar em uma faculdade privada, o financiamento estudantil (FIES) também é uma excelente opção. Mas atenção: assim como no Sisu e ProUni, só pode se candidatar ao FIES quem fez o Enem.

Agora, a forma mais simples de entrar na faculdade é mesmo por meio do ingresso direto. Neste caso, basta ir a uma instituição que aceita esse tipo de ingresso e informar a nota obtida no Enem. Caso a pontuação esteja dentro das exigências da faculdade, o candidato poderá fazer a matrícula imediatamente.  

Faculdades que aceitam o ingresso direto

A seguir, vamos apresentar algumas opções que aceitam o ingresso direto. Assim, depois de concluir o ensino médio e realizar o Enem, entre em contato com uma delas para informar a sua nota no exame e fazer sua matrícula.

Vale ressaltar que todas as opções que vamos apresentar são instituições que foram bem avaliadas pelo MEC. Além disso, elas possuem mensalidades acessíveis e oferecem programas próprios de bolsas e descontos. Confira!

Veja também:

Saiba tudo sobre a prova do Encceja e veja onde estudar

O que é Enem?

Agora que você já sabe como conseguir o certificado de conclusão do ensino médio, deve estar animado para começar uma faculdade, não é mesmo? Então comente abaixo onde pretende estudar quando tiver concluído o ensino básico!