Enterobiose ou Oxiuríase:

Parasita - Enterobius vermiculares

Sintomas - Prurido anal

Transmissão - alimentos contaminados e auto infestação

Filariose ou Elefantíase: (não tem cura)

Parasita - Wuchereria bancrofti

Sintomas - Hipertrofia das extremidades do corpo, como pernas, saco

escrotal, etc.

Transmissão - Mosquito Culex

OBS: Existe um derrame de plasma para o tecido e a volta do mesmo para os capilares, a fim de realizar as trocas metabólicas. O plasma que não é absorvido pelos capilares, é  absorvido pelo vaso linfático e passará a se chamar linfa. Nesta doença, a larva migra para os vasos linfáticos interrompendo a passagem da linfa, logo ocorre um acúmulo de líquido nos tecidos, causando edemas.

Amarelão ou Opilação ou Ancilostomose:

Parasita - Necator americanus; Ancylostoma duodenale

Sintomas - Ulcerações no delgado, hemorragia e conseqüente anemia.

Transmissão - Infestação ativa ou passiva, normalmente ocorre infestação

ativa, quando se pisa em solo contaminado, já a infestação passiva, é quando se come alimentos contaminados.

OBS: O homem é o único hospedeiro, e a infestação se dá da seguinte forma: a larva Filarióide entra no sangue e vai para a coração, seguindo para os pulmões, onde acontecem 2 mudas que têm como finalidade tornar as larvas mais resistentes contra o suco gástrico.

Depois de perfurarem os capilares pulmonares e a parede dos alvéolos, migram pelos  bronquíolos e chegam à faringe. Daí, descem pelo esôfago até o intestino delgado, onde completa a 4 muda tornando-se adulta, há a fecundação, formação de ovos que são expelidos pelas fezes, que logo após 24h se transformarão em larvas Rabditóides, que sofrerão a 1 muda dentro de 72h passando a larvas Filarióides, recomeçando o ciclo.

Ascaridose ou Ascaridíase:

Parasita -  Ascares lombricóides

Sintomas - Cólicas, náuseas, vômitos, oclusão intestinal (não consegue

defecar), quando em grande número.

Transmissão - Alimentos contaminados por ovos

OBS: O homem é o único hospedeiro, a infestação acontece quando se ingere alimentos contaminados por ovos, daí o verme segue o seguinte caminho: boca - estômago - delgado - pulmões - traquéia - laringe - glote - faringe - estômago - delgado, onde o verme se torna adulto e que por fecundação deposita seus ovos nas fezes, o que pode vir a recomeçar o ciclo.