O curso de Engenharia Mecatrônica existe há cerca de 30 anos no Brasil. Ele foi criado para formar uma nova especialidade dentro da área, voltada ao uso de programas de computador que operam máquinas e sistemas de controle. Entre as diversas habilitações da Engenharia, a Mecatrônica é a que tem maior enfoque na aplicação de tecnologia de ponta em processos industriais.

Esta graduação combina conhecimentos de Mecânica, Eletrônica e Computação. O currículo é bastante técnico e exige empenho. É preciso gostar de calcular, projetar, experimentar e desenvolver novos sistemas para se sair bem neste curso. Mas o mercado de trabalho oferece boas recompensas aos que concluem a formação. O campo de atuação é vasto no Brasil e os salários são atraentes em todas as regiões.

Conheça melhor o curso de Engenharia Mecatrônica, onde estudar e as principais funções deste profissional focado no futuro!

O curso de Engenharia Mecatrônica

Como todas as Engenharias, a Mecatrônica é um curso puxado. São cinco anos de estudo com uma carga horária intensa, repleta de matérias das Ciências Exatas e atividades de laboratório.

Por outro lado, o fato de proporcionar conhecimentos bem específicos de Mecânica, Eletrônica e Computação torna a formação ainda mais interessante para quem se identifica com estas áreas.

Os alunos da Mecatrônica aprendem a projetar máquinas e desenvolver softwares para desempenhar uma função determinada. Uma impressora, por exemplo, é um tipo de equipamento que pode ser desenvolvido por um engenheiro mecatrônico. Mas ele também pode projetar mecanismos bem mais complexos, como robôs para a linha de produção da indústria automobilística.

Todo este conhecimento é formado em disciplinas como Matemática, Física e Robótica, além de muitas aulas práticas. Ao longo do curso os estudantes vão passar muito tempo em laboratórios, como os de Sistemas Hidráulicos e Pneumáticos, Tratamento Térmico de Materiais e Construções Motoras.

As matérias mais específicas da Mecatrônica aparecem lá pelo quarto semestre do curso. Ao final da formação, algumas instituições exigem estágio; outras apenas o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

O curso de Engenharia Mecatrônica é do tipo bacharelado e é oferecido em diversas universidades públicas e privadas. Você pode encontrar este curso com outras denominações, como a Engenharia Mecânica com Ênfase em Mecatrônica e Engenharia de Controle e Automação. Mas fique sempre atento ao reconhecimento do MEC: é isso que vai garantir a validade do seu diploma no mercado de trabalho.

Para quem quer trabalhar na área, mas não tem como dedicar cinco anos ao estudo da Engenharia Mecatrônica, existe a opção de curso tecnológico em Mecatrônica. Trata-se de uma graduação de nível superior, também reconhecida pelo MEC, porém mais focada nas necessidades do mercado de trabalho e com carga horária reduzida. A duração média do curso é de três anos e quem se forma recebe o título de Tecnólogo em Mecatrônica.

O que se estuda na Engenharia Mecatrônica

O enfoque dos cursos de Engenharia Mecatrônica varia de acordo com a instituição. Mas existe uma base comum de disciplinas. Conheça as principais:

  • Álgebra Linear
  • Cálculo Diferencial
  • Cálculo Numérico
  • Computação
  • Controle e Automação
  • Elementos de Robótica
  • Eletrônica Analógica
  • Física Geral e Experimental
  • Geometria Gráfica
  • Ciência dos Materiais
  • Engenharia Ambiental
  • Mecânica dos Sólidos
  • Laboratório de Física
  • Materiais para Sistemas Eletromecânicos
  • Mecânica de Precisão
  • Química Tecnológica Geral
  • Sistemas Computacionais
  • Teoria de Probabilidades em Inteligência Artificial e Robótica
  • Termodinâmica

O que faz um engenheiro mecatrônico

O trabalho do engenheiro mecatrônico é considerado fundamental para o desenvolvimento da indústria e da inovação tecnológica no país.

Este profissional é responsável por desenhar, operar e fazer a manutenção de equipamentos utilizados em linhas de produção. É ele quem programa máquinas e softwares para atender às necessidades de cada área, aumentando a eficiência e reduzindo os custos dos processos. Pode atuar também na pesquisa e desenvolvimento de novos produtos, projetos de controle de qualidade e desenvolvimento de softwares de gestão.

O mercado de trabalho no Brasil oferece diversos postos em diferentes setores da economia. Entre os maiores empregadores destes profissionais destacam-se:

  • Indústrias automobilísticas
  • Zona Franca de Manaus (um polo de 720 indústrias)
  • Petrobras
  • Grandes usinas hidrelétricas
  • Indústrias farmacêuticas
  • Siderúrgicas

Há também oportunidades de trabalho nas universidades e institutos de pesquisa na área de robótica, desenvolvimento de software e equipamentos.

Onde estudar

O curso de Engenharia Mecatrônica é oferecido em diversas universidades públicas e privadas de todo o país. Conheça as principais instituições reconhecidas pelo MEC que oferecem esta formação:

Privadas:

Públicas:

Veja também:

Os 7 cursos de Engenharia mais bem pagos

Ficou interessado em estudar Engenharia Mecatrônica? Conte para a gente nos comentários!