O exame mais esperado pelos estudantes brasileiros chega à sua edição de 2018.

Nesse período, um pouco de nervosismo é normal, e a primeira providência pra diminuir a ansiedade é informar-se bem sobre as provas que vêm por aí.

A importância do Enem é enorme, já que um bom desempenho garante acesso a universidades e a programas de benefícios financeiros. Por isso, o negócio é caprichar nas provas, pois elas podem ser decisivas para o seu futuro.

Além disso, o candidato tem que conferir direitinho as datas dos exames, o que cai em cada dia, o que é preciso levar, quando saem os resultados e o que dá para fazer com sua nota.

Sabendo disso tudo, você já sai na frente!

Então, confira agora mesmo o resumo que preparamos. Aqui tem tudo o que você tem que saber sobre o edital do Enem 2018!

Quais são os dias de prova do Enem 2018?

O Enem 2018 é aplicado em dois domingos seguidos, nos dias 4 e 11 de novembro.

Os portões para a entrada dos candidatos serão abertos às 12h e fechados às 13h. Ou seja, você tem uma hora para entrar.

No dia 22 de outubro foram divulgados os locais da prova com o cartão de confirmação, que você deve ter bem guardadinho aí.

Se possível, faça o trajeto uns dias antes para estimar o tempo gasto. É melhor se programar para chegar às 12h ou até um pouco antes.

A prova começa às 13h30. No dia 4, ela termina às 19h. No dia 11, acaba um pouco antes, às 18h30. Todos os horários seguem a hora de Brasília.

Atenção a um dado importante: justamente no dia 4 de novembro, data da primeira prova, entra em vigor o horário de verão.

O pedido feito pelo Ministério da Educação (MEC), de adiar do horário de verão para o dia 18 de novembro, acabou não sendo aprovado.

Então, dependendo do estado onde você vai prestar o Enem, será preciso fazer as contas para saber certinho os horários de abertura dos portões e início das provas.

A imprensa local deve divulgar amplamente essa informação. Fique ligado!

Como serão as provas do Enem 2018?

As provas do Enem 2018 estão divididas da seguinte maneira:

• Dia 4 de novembro: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Redação; Ciências Humanas e suas Tecnologias.

• Dia 11 de novembro: Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Matemática e suas Tecnologias.

Tirando a Redação, as outras provas são de questões objetivas, com 45 perguntas de múltipla escolha em cada tema.

No primeiro dia, portanto, você tem que responder a 90 questões e fazer a Redação. No segundo dia, são outras 90 questões.

Os conteúdos solicitados são aqueles que foram estudados no ensino médio. Cada um dos temas engloba as seguintes matérias:

• Linguagens, Códigos e suas Tecnologias: Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física e Tecnologia da Informação e da Comunicação.

• Ciências Humanas e suas Tecnologias: História, Geografia, Filosofia e Sociologia.

• Ciências da Natureza e suas Tecnologias: Química, Física e Biologia.

• Matemática e suas Tecnologias: Matemática.

A Redação costuma abordar um assunto da atualidade brasileira, no campo político, econômico, social, cultural ou outros. Você deve escrever uma dissertação de no máximo 30 linhas apresentando argumentos e uma visão crítica do tema, que é surpresa – só vai ser revelado na hora em que você abrir a prova.

O que é importante levar no dia das provas do Enem 2018?

No dia da prova, é preciso levar um documento original com foto. Pode ser o seu RG, o RNE (no caso de candidatos estrangeiros), Carteira de Trabalho, Certificado de Reservista, Passaporte, Carteira Nacional de Habilitação (com foto), entre outros.

Você pode conferir a lista completa de documentos aceitos na página oficial do Enem. (enem.inep.gov.br)

É obrigatório também levar uma caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente (a prova só pode ser feita com ela, não é permitido usar nenhum outro tipo de material).

Também é bom ter em mãos o Cartão de Confirmação de Inscrição.

Quando sai o resultado do Enem 2018?

A divulgação do gabarito oficial está prevista para o dia 14 de novembro, três dias úteis depois da última prova.

Em janeiro de 2019, em data ainda a ser confirmada, saem os resultados individuais e, em março, os espelhos da Redação. O espelho é o texto do candidato corrigido, com as observações dos corretores, e pode ser consultado online.

O que posso fazer com as notas do Enem 2018?

Inicialmente, o Enem foi criado para avaliar a qualidade do ensino médio e, assim, direcionar ações educacionais do governo.

Com o passar do tempo, porém, as notas do Enem começaram a ser cada vez mais utilizadas pelas faculdades como critério de seleção de novos alunos.

Algumas delas dispensam o candidato do vestibular, caso ele tenha obtido um bom desempenho no Enem. Outras utilizam as notas do Enem como complemento ao desempenho no vestibular.

A pontuação exigida para entrar no ensino superior com a nota do Enem varia bastante, de acordo com fatores como a faculdade, o curso e a concorrência pelas vagas. As instituições podem estabelecer, por exemplo, um mínimo de 300 ou 450 pontos no Enem para que o candidato concorra a determinado curso.

E não acaba por aí.

Outro uso das notas do Enem é para concorrer a bolsas de estudo e financiamentos. Duas das mais famosas iniciativas nesse campo são governamentais: o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) e o Programa Universidade para Todos (ProUni).

O FIES financia as mensalidades. O aluno adquire uma dívida que só precisará ser quitada depois do término da faculdade.

Já o ProUni distribui bolsas de estudo.

Ambos os programas exigem nota mínima de 450 pontos no Enem e mais do que zero na Redação. Eles trabalham também com critérios socioeconômicos, procurando beneficiar estudantes que não têm condições de arcar com os custos do ensino superior.

Além disso, as faculdades privadas costumam manter programas próprios de benefícios financeiros que consideram o desempenho no Enem.

Esse é o caso, por exemplo, das universidades do grupo Cruzeiro do Sul Educacional, como a Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) e a Universidade de Franca (UNIFRAN).

Que faculdades aceitam as notas do Enem 2018 como forma de ingresso?

Centenas de faculdades de todo o Brasil aceitam as notas do Enem como critério de seleção de alunos. Anote algumas sugestões:

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)

Universidade Cidade de São Paulo (UNICID)

Universidade de Franca (UNIFRAN) 

Centro Universitário do Distrito Federal (UDF) – no Distrito Federal

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais

Todas elas também participam do ProUni e do FIES, além de trabalharem com outros programas de bolsas, financiamento facilitado e descontos nas mensalidades.

Veja também:

Confira algumas boas dicas para a redação do Enem

Já está preparado para o Enem? Estudou muito durante o ano todo? Deixe seus comentários aqui para a gente!