Você é um dos milhões de inscritos, mas não sabe que horas sai o resultado do Sisu 2020? Fique tranquilo! 

Continue lendo para descobrir quando o resultado será liberado, onde e como acessar o boletim do Sisu. Além disso, daremos algumas dicas de o que fazer caso não seja classificado de primeira.

Quando sairá o resultado do Sisu 2020

O resultado do Sisu será liberado na terça-feira de manhã, após o término do prazo de inscrição. Isso vale para o Sisu do primeiro e do segundo semestres.

O Ministério da Educação (MEC) não estipula um horário específico, mas o resultado do Sisu geralmente sai por volta das 9h e 11h da manhã. 

No primeiro semestre, as inscrições ficam abertas entre os dias 21 e 24 de janeiro. O resultado sai no dia 28 de janeiro.

Onde ver e como acessar o resultado do Sisu 2020

Os participantes do Sisu podem consultar o resultado em 3 canais:

  1. No sistema do Sisu (sisualuno.mec.gov.br), informando o seu número de inscrição e senha do Enem 2019. 
  2. Na Central de Atendimento do MEC (0800-616161), informando os dados solicitados pelo atendente.
  3. No site da faculdade que o participante escolheu como primeira e segunda opções. Neste caso, busque a listagem com os aprovados na primeira chamada do Sisu.

O que fazer se você não for aprovado no Sisu 2020

Não foi classificado em nenhuma das opções do Sisu? Você ainda pode:

Manifestar interesse na lista de espera do Sisu, escolhendo a primeira ou segunda opção de curso. Diversas universidades públicas realizam chamadas extras para preencher todas as vagas do semestre. A UFRJ, por exemplo, realiza entre 5 e 9 convocações de lista de espera por semestre.

Participar do Sisu do segundo semestre, para tentar novamente uma vaga nos cursos desejados. Fique de olho no cronograma do Sisu 2020 para não perder prazos. 

Participar do ProUni, caso não possua diploma de nível superior e tenha renda familiar bruta mensal de até 3 salários mínimos por pessoa. 

O Prouni concede bolsa de estudo integral ou parcial aos aprovados no processo seletivo (participantes que cursaram o ensino médio em escola pública ou como bolsista integral em escola privada).

Participar do FIES, caso sua renda familiar bruta mensal seja de até 5 salários mínimos por pessoa. O FIES permite financiar uma graduação presencial em uma faculdade privada a juros zero ou juros baixíssimos, com longo prazo para pagamento. 

Usar a nota do Enem para ingressar direto em uma faculdade privada. Neste caso, você é liberado de uma nova prova de vestibular e ainda pode conseguir bolsa de estudos de até 100%.

Boas faculdades que aceitam a nota do Enem e concedem bolsas de estudo

Não adie sua entrada no ensino superior esperando mais 1 ano para fazer Enem e tentar o Sisu novamente. 

Diversas faculdades privadas reconhecidas pelo MEC aceitam a nota do Enem 2019 e concedem bolsas de estudo segundo o seu desempenho nas provas.

Esse é o caso da Cruzeiro do Sul Virtual (a distância), que permite ao vestibulando usar a nota do Enem como forma de ingresso e ainda disponibiliza bolsas de estudo conforme a pontuação: 

  • Bolsa de 10%: de 450 até 549 pontos
  • Bolsa de 20%: de 550 até 599 pontos
  • Bolsa de 30%: de 600 até 699 pontos
  • Bolsa de 50%: de 700 até 899 pontos
  • Bolsa de 100%: acima de 900 pontos

Interessado? Conheça mais faculdades onde é possível usar a nota do Enem para começar uma graduação com descontos especiais ou financiando os estudos sem burocracia:

Veja também:

7 dicas rápidas para ganhar bolsa de estudo para graduação

Pronto! Agora você sabe que horas sai o resultado do Sisu 2020 do primeiro e do segundo semestres. Compartilhe sua escolha conosco: comente o nome da graduação que pretende cursar!