Ao contrário do que muitos pensam, a prova de redação do Enem é de extrema importância para obter uma boa nota no exame.

Nela, o estudante é avaliado de forma particular, com uma nota individual e específica, na qual é possível tirar a nota máxima independente do desempenho dos outros inscritos. Por isso, o seu peso é de extrema relevância para média final.

A boa capacidade para produzir o texto, pode fazer a diferença na aprovação de algumas instituições que utilizam a nota do Enem como processo seletivo.

O candidato que tirar a nota zero na redação não pode participar do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Programa Universidade para Todos (Prouni) e do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies). Eis um ótimo motivo para dar uma atenção especial a ela, não é verdade?

Além disso, em algumas instituições (tanto públicas quanto privadas), a nota da redação do Enem também pode ser utilizada como critério de desempate para definir a colocação de cada candidato em processos seletivos.

Com toda essa relevância, é necessário se preparar para desenvolver um bom texto e conseguir bons resultados.  Neste artigo vamos dar dicas para você produzir uma excelente redação no Enem, fique ligado!

Como a redação deve ser feita?

Para a redação ser avaliada pelos professores da banca examinadora do Enem, o texto precisa seguir algumas regras básicas. Para te ajudar a ficar mais seguro, vamos te lembrar, quais são elas:

Número de linhas – De acordo com o edital, a quantidade de linhas na redação do Enem não pode ultrapassar o limite mínimo de 7 linhas e o máximo de 30.

Tipo de texto - A redação precisa seguir a estrutura dissertativo-argumentativa sobre um tema proposto de ordem social, científica, cultural ou política.

Proposta de intervenção – O candidato precisa elaborar uma proposta de intervenção social para o problema apresentado no desenvolvimento do texto que respeite os direitos humanos.

Coerência e coesão – O texto precisa ter começo, meio e fim estruturados, formando uma unidade textual.

Quais critérios são avaliados na redação?

A redação do Enem serve para avaliar as capacidades dos candidatos que não ficam tão explícitas nas questões de múltipla escolha, veja a seguir quais são as competências analisadas:

  • Domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa.

  • Compreensão da proposta da redação.

  • Seleção das informações.

  • Construção da argumentação.

  • Proposta de intervenção.

Dicas para não zerar na redação

Segundo o manual de redação do Enem, o texto poderá receber a nota zero quando apresentar uma das características a seguir:

  • Fugir do tema proposto.

  • Desobedecer a estrutura dissertativo-argumentativa.

  • Não atingir o número mínimo de linhas.

  • Copiar integralmente o texto de apoio apresentado na proposta de redação da prova.

  • Escrever impropérios, desenhos, números ou sinais gráficos fora do texto.

  • Colocar assinatura, nome, apelido ou rubrica, fora do local devidamente designado na prova.

  • Produzir um texto predominantemente em língua estrangeira.

  • Deixar a folha de redação em branco, mesmo que haja texto escrito na folha de rascunho.

Como fazer uma boa redação para o Enem

Para desenvolver um excelente texto no Enem é necessário ficar atento a alguns detalhes e se preparar bastante! Veja a seguir algumas dicas práticas para não se desesperar no dia, confira:

Fique atento com a gramática

Evite gírias, provérbios e palavras rebuscadas. A grafia correta das palavras e uma caligrafia legível são fundamentais para obter uma boa nota. Separe um tempo para revisar o texto antes de entregar a prova.

Estilo

A redação do Enem precisa ser redigida em terceira pessoa do plural, por este motivo, evite chavões como: “na minha opinião”, “eu acho que”, “eu considero que”, dentre outros. Procure utilizar a voz ativa no texto, dessa forma ele torna-se mais conciso e de fácil compreensão.

Temas atuais

Se mantenha informado, a avaliação cobra um conhecimento dos temas atuais (mais comentados na mídia e na sociedade) em diversas áreas, como por exemplo: política, economia, situação internacional, cidadania, meio ambiente, entre outros. Dessa forma, é muito importante manter-se ligado no que está acontecendo no Brasil e no mundo, se informando através da leitura de jornais, revistas e sites.

Pratique

Elaborando diversos textos, você consegue perceber quais são os principais erros que precisam de atenção e define uma estratégia. Peça para algum professor corrigir a sua redação. Desta forma, você consegue avaliar melhor quais são as dificuldades e aprimorar o que já está dando certo.

A importância dos rascunhos

Faça rascunhos com os principais acontecimentos da atualidade, destacando fatos, características e nomes. Esta atitude ajudará na construção da argumentação do tema proposto.

Fique atento com a introdução

O primeiro parágrafo da sua redação deve servir como uma introdução da linha de pensamento que você irá seguir. Procure se esforçar nessa apresentação do assunto.

Utilize a tecnologia a seu favor

Se você não tem acesso fácil a um professor de português para corrigir o seu texto e dar dicas para melhorar a sua escrita, utilize a tecnologia a seu favor. Atualmente, existem diversos sites e aplicativos que apresentam simulados de redação com correção. Há opções pagas e gratuitas.

Conheça algumas universidades particulares que aceitam o Enem como forma de ingresso

Está procurando uma universidade que aceita o Enem como forma de ingresso?

Veja a seguir algumas instituições reconhecidas pelo MEC com excelentes avaliações. Nelas, é possível fazer um curso na modalidade presencial ou distância, confira:

Veja também:

Como estudar para o Enem?

Dicas para obter um bom desempenho no ENEM

E então, gostou das nossas dicas? Tem alguma informação interessante sobre a redação do Enem que gostaria de compartilhar conosco? Deixe seu comentário aqui e participe da conversa!