Quem faz bonito no Enem tem mais chances de conquistar uma das tantas vagas oferecidas em universidades públicas e privadas por todo o Brasil.

A gente sabe que o Enem é uma prova bem difícil e que nem todo mundo consegue obter aquele notão que garante um lugar no pódio dos aprovados.

Mas isso não significa que as pessoas que não se saíram tão bem estejam automaticamente fora da disputa por uma bolsa.

Trazemos boas notícias: é possível, sim, obter bolsas de estudos com nota mais baixa no Enem.

Fique ligado e descubra como agora mesmo!

Como conseguir bolsas de estudo com nota baixa no Enem

A maneira mais conhecida de ganhar uma bolsa de estudo com a nota do Enem é pelo Programa Universidade para Todos (ProUni).

O ProUni distribui bolsas parciais integrais a estudantes que fizeram Enem mais recente e atendem aos critérios de renda e escolaridade determinados pelo Ministério da Educação (MEC).

Os beneficiados vão estudar em faculdades particulares bem avaliadas pelo MEC sem ter que pagar nada ou tendo que bancar apenas metade do valor das mensalidades.

Só que para concorrer a uma bolsa do ProUni é preciso alcançar determinada nota mínima no Enem, que atualmente é de 450 pontos na média das provas, sem ter zerado a redação. Abaixo desse desempenho, não é possível entrar na seleção.

O ProUni é um processo bastante concorrido e as bolsas vão para quem tem as maiores notas no Enem.

Mas isso não significa que os estudantes que entraram na seleção com a nota mínima vão ficar de fora: existe uma boa variedade de cursos em que dá para entrar com a pontuação mais baixa possível.

Entre as opções, encontramos alguns bacharelados, licenciaturas, tecnólogos e graduações a distância.

A gente separou alguns desses cursos para você conhecer.

Cursos que oferecem bolsas de estudos a quem tirou nota baixa no Enem

Aqui vai a relação com alguns cursos que, tradicionalmente, não exigem notas altíssimas no Enem.

Na lista, trouxemos cursos em que os candidatos puderam entrar com a nota mais baixa permitida no ProUni, que é de 450 pontos, indo até, no máximo, 500 pontos.

Tem, por exemplo, Administração, Direito e algumas engenharias – graduações super concorridas.

Por que isso acontece?

A pontuação mínima para conseguir bolsa do ProUni pode variar de acordo com o número de vagas que os cursos oferecem, a faculdade onde a vaga está disponível, a modalidade de ensino (se presencial ou a distância) e até mesmo a cidade onde a instituição está localizada.

Veja onde você pode tentar bolsa com uma nota baixa no Enem:

• Administração

• Análise e Desenvolvimento de Sistemas

• Arquitetura e Urbanismo

• Artes Visuais

• Ciência da Computação

• Ciências Econômicas

• Ciências Biológicas

• Ciências Contábeis

• Ciências Sociais

• Comércio Exterior

• Comunicação Social

• Design de Interiores

• Design Gráfico

• Direito

• Educação Física

• Enfermagem

• Engenharia Ambiental

• Engenharia Civil

• Engenharia de Produção

• Engenharia Elétrica

• Engenharia Química

• Estética e Cosmética

• Farmácia

• Fisioterapia

• Gastronomia

• Gestão de Recursos Humanos

• Logística

• Marketing

• Nutrição

• Pedagogia

• Processos Gerenciais

• Psicologia

• Publicidade e Propaganda

• Relações Internacionais

• Segurança no Trabalho

• Segurança Pública

• Serviço Social

• Turismo

E se não rolar bolsa de estudo com a nota baixa no Enem?

Se não rolar bolsa de estudo com a nota baixa no Enem, ainda existem outras alternativas de entrar na faculdade o quanto antes.

Tem, por exemplo, o FIES, o programa de financiamento estudantil a juros baixos do governo federal. Com ele, dá para conseguir um bom financiamento e só começar a pagar o a dívida depois da formatura, com prazo bem generoso.

Não é uma bolsa, mas pode ser uma saída interessante para quem não conseguir o ProUni.

Para participar também é necessário ter 450 pontos na média das provas de qualquer edição do Enem a partir de 2010. O candidato não pode ter zerado a redação e precisa apresentar renda familiar mensal bruta de até cinco salários mínimos por pessoa.

O FIES acontece duas vezes por ano e a seleção também é pela maior nota. No entanto, a exemplo do que acontece no ProUni, dá para conseguir o financiamento com a pontuação mínima em centenas de cursos.

Se você não tem interesse em financiar os estudos, pode tentar entrar direto em praticamente qualquer faculdade particular usando a nota do Enem. Para isso, basta acessar o site da instituição durante o processo seletivo, informar a pontuação obtida nas provas e torcer para conseguir entrar. Vale qualquer edição do exame a partir de 2010.

Geralmente essas notas são bem menores do que as mínimas exigidas pelo ProUni ou pelo FIES.

E o melhor: algumas faculdades, como a Cruzeiro do Sul e a Unifran, por exemplo, oferecem belos descontos a quem tirou a partir de 300 pontos no Enem.

Veja onde ingressar com nota baixa no Enem

Se você for participar do ProUni, do FIES ou tentar entrar direto na faculdade particular com a nota do Enem, vai se deparar com um numero expressivo de instituições que adotaram todos esses sistemas

Antes de partir para a seleção, é recomendável conhecer bem quais faculdades são essas, quais têm o curso que você quer e quais oferecem formação na modalidade desejada.

A gente se antecipou e trouxe algumas sugestões para você. São faculdades bem avaliadas pelo MEC que oferecem cursos em todas as áreas do conhecimento.

Conheça:

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)

Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 

Centro Universitário do Distrito Federal (UDF) – no Distrito Federal

Universidade de Franca (UNIFRAN)

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais

Veja também:

Que nota preciso tirar no Enem para passar no Sisu?

Tirou nota baixa no Enem? Vai participar de algum desses processos seletivos? Conte para a gente aqui nos comentários!