O Educa Mais Brasil está entre os maiores programas de bolsas de estudos parciais do Brasil.

Há quinze anos no mercado, já atendeu a milhares de pessoas em todos os cantos do país.

Com uma bolsa, fica muito mais fácil encarar o investimento em um curso superior em faculdade privada de qualidade.

Por mais que tudo indique que sim, será que o Educa Mais Brasil é uma opção confiável para quem quer uma bolsa?

Descubra a seguir!

Educa Mais Brasil é confiável?

O Educa Mais Brasil oferece bolsas de até 80% de desconto para quem quer fazer um curso superior, aprender um novo idioma, entrar numa pós-graduação ou se aventurar por cursos técnicos.

O programa tem parceria com mais de 30 mil instituições pelo país, entre faculdades, colégios, escolas de idiomas, escolas técnicas, cursinhos e várias outras.

Até agora o programa já contabilizou mais de 900 mil estudantes beneficiados.

Os números impressionam, mas se você precisa de mais detalhes para tomar uma decisão, se liga nas informações a seguir!

Como funciona o Educa Mais Brasil

Você já viu que o Educa Mais distribui bolsas em diferentes tipos de curso.

Aqui, vamos focar nas bolsas de graduação, que, afinal, são as mais buscadas pelos participantes do programa.

O Educa Mais Brasil é aberto a qualquer pessoa que esteja apta a entrar no ensino superior – ou seja, ter concluído ou estar em vias de concluir o ensino médio.

O valor do desconto varia de acordo com o curso e a faculdade participante, mas geralmente vai de 30% a 80%.

Ganhar uma bolsa é bastante simples: o candidato precisa acessar o site do Educa Mais Brasil, fazer uma pesquisa pelo curso ou faculdade desejados e escolher o benefício que melhor se encaixa em seus objetivos.

Na sequência, é só seguir os passos indicados no site: fazer um cadastro simples (CPF, nome, número de telefone e e-mail) e, depois disso, garantir o direito à pré-matrícula.

Depois de solicitar a bolsa, o candidato vai precisar fazer o vestibular da faculdade desejada. Para conseguir a bolsa, é imprescindível ser aprovado no processo seletivo – que, na maioria das faculdades, pode ser feito em datas agendadas e é bastante simples.

Caso seja aprovado, o aluno segue alguns procedimentos simples junto à secretaria da faculdade e aciona a bolsa do Educa Mais Brasil.

O benefício vale até o final do curso – exceto em casos de trancamento de matrícula ou transferência de faculdade.

O bolsista do Educa Mais Brasil tem de fazer o pagamento da taxa de adesão, no ato da matrícula, e da taxa administrativa, a cada seis meses.

Ainda assim, dependendo da graduação a economia oferecida pelo programa ao final do curso pode ser superior a R$ 30 mil!

Cursos que estão no Educa Mais Brasil

Há centenas de graduações disponíveis no Educa Mais Brasil.

Lá você encontra cursos de bacharelado, licenciatura e superiores de tecnologia nas melhores faculdades. Tem opção para quem gosta de estudar presencialmente ou a distância.

Dê uma olhada em algumas das bolsas mais procuradas:

  • Administração
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Ciências Atuariais
  • Ciências Contábeis
  • Ciências da Computação
  • Ciências Sociais
  • Direito
  • Engenharia Civil
  • Engenharia de Petróleo
  • Engenharia de Produção
  • Engenharia de Software
  • Estatística
  • Fonoaudiologia
  • Fotografia
  • Gestão das Organizações do Terceiro Setor
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Gestão Financeira
  • Internet das Coisas
  • Jornalismo
  • Letras
  • Pedagogia
  • Produção Audiovisual
  • Produção Multimídia
  • Psicologia
  • Publicidade e Propaganda
  • Rádio e TV
  • Secretariado Executivo
  • Segurança no Trabalho
  • Segurança Privada
  • Sistemas de Informação

Como conseguir uma bolsa de estudos integral (100%)

Além do Educa Mais Brasil, existem diversos outros programas similares. Uma rápida pesquisa e você encontra alternativas com grande facilidade.

Mas vale lembrar que as bolsas distribuídas por todos eles são parciais.

Quem precisa estudar com uma bolsa integral, que cobre 100% do valor do curso, pode tentar o Programa Universidade para Todos (ProUni).

O ProUni distribui todos os semestres milhares de bolsas de estudos por todo o Brasil. É o maior do país, disparado.

Além do diferencial de oferecer bolsas integrais, o programa também tem vaga em cursos como Medicina – que não se encontra no Educa Mais nem em iniciativas similares.

Para participar do ProUni é necessário ter feito o Enem mais recente, obtido uma boa nota nas provas (sem ter tirado zero na redação), ter renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa para disputar bolsa integral e de até três salários mínimos por pessoa para tentar a bolsa parcial.

A seleção ocorre duas vezes ao ano, no início de cada semestre.

Faculdades que você encontra no Educa Mais Brasil

Há centenas de faculdades no Educa Mais Brasil. Nossa recomendação é que você procure bolsa somente nas melhores, as que têm bom conceito junto ao mercado de trabalho.

Para isso, faça uma pesquisa antecipada sobre a qualidade da instituição desejada. Se o curso e a faculdade forem bem avaliados pelo Ministério da Educação, pode ir sem medo.

A gente selecionou algumas excelentes faculdades que você encontra no Educa Mais Brasil. Todas elas também participam do ProUni e contam com outras facilidades, como bolsas e financiamento sem burocracia.

Clique e conheça:

Veja também:

Descubra como entrar no ProUni com a nota do Enem

Vai tentar bolsa pelo Educa Mais Brasil? Conte para a gente qual curso você gostaria de fazer!