Pensando em concorrer a uma das 100 mil vagas disponibilizadas pelo Fies anualmente? 

Esse programa do governo federal permite financiar uma graduação presencial sem juros ou com juros baixíssimos e longo prazo para pagamento. 

Em 2020, esse número de vagas/contratos pode aumentar.

Para lhe ajudar, detalhamos o cronograma do Fies 2020. Listamos os meses que as edições do Fies ocorrem e explicamos o que acontece em cada fase. Confira!

Cronograma Fies 2020: datas do 1o e do 2o semestre

O MEC (Ministério da Educação) ainda não divulgou os dias exatos das etapas do Fies 2020. 

Mas não se preocupe: podemos adiantar os meses de cada edição do Fies, quando e o que acontece em cada fase do processo seletivo. Confira:

  • Fies do 1o semestre: fevereiro e março
  • Fies do 2o semestre: de maio a julho

Durante cerca de três meses por semestre, acontecem os 6 estágios da seleção do Fies:

  1. Publicação do Edital
  2. Período de Inscrições
  3. Divulgação dos Resultados
  4. Complementação de Inscrição
  5. Inscrição na lista de espera
  6. Convocação da lista de espera

Veja, logo abaixo, os detalhes e a duração de cada uma dessas etapas.

Cronograma Fies 2020: Publicação do Edital

Em janeiro, o MEC publica o edital do Fies 2020 com todas as regras detalhadas para a seleção do 1o semestre. Já a liberação do edital do 2o semestre acontece em maio.

Esse documento é uma leitura obrigatória para você que pensa em se inscrever no Fies. Acesse o site oficial do programa (fies.mec.gov.br) para baixar o documento e ler todas as informações. 

Cronograma Fies 2020: Período de Inscrições

As inscrições acontecem durante 7 dias. No Fies do primeiro semestre, ocorrem no entre 5 e 12 de fevereiro. Já no Fies do 2o semestre, acontecem em junho/julho. 

Acesse o site do Fies dentro do prazo e faça sua inscrição, informando seus dados pessoais e do seu grupo familiar.

Para se inscrever, você deve ter participado de uma edição do Enem (a partir de 2010) e ter obtido nota igual ou superior a 450 pontos na média das provas objetivas e nota maior que zero na Redação.

Fora isso, você precisa atender ao critério de renda familiar bruta mensal para cada modalidade do programa:

  • Fies: até 3 salários mínimos por pessoa.
  • P-FIES: de 3 a 5 salários mínimos por pessoa.

Ao se inscrever, o sistema faz uma busca rápida e automática para descobrir se você tem a nota necessária para participar. 

Cronograma Fies 2020: Divulgação dos Resultados

No dia 26 de fevereiro (Fies do 1o semestre) e no início de julho (Fies do 2o semestre) cerca de duas semanas após o término das inscrições, o MEC libera as listagens com todos os inscritos pré-selecionados em cada modalidade:

  • Fies: lista de chamada única e lista de espera.
  • P-FIES: lista de chamada única.

Acesse o sistema no dia da liberação dos resultados para verificar se você foi classificado. Caso positivo, precisará adicionar mais informações à sua inscrição na próxima etapa. 

Cronograma Fies 2020: Complementação de Inscrição

Para conseguir contratar o financiamento, é necessário complementar informações do sistema do Fies. Essa fase acontece entre os dias 27 de fevereiro e 2março (Fies do 1o semestre) e em julho (Fies do 2o semestre).

Após fazer isso, você deve comparecer à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) em até 5 dias úteis para validar as informações.

Recebendo a validação do CPSA, você deve comparecer a um agente financeiro em até 10 dias úteis. Leve toda a documentação exigida para conseguir aprovação e formalizar o contrato de financiamento.

Cronograma Fies 2020: Convocação da lista de espera

Por fim, o MEC convoca os candidatos pré-selecionados na lista de espera. Isso acontece  entre os dias 28 de fevereiro e 31 de março (Fies do 1o semestre) e em agosto (Fies do 2o semestre).

Importante: a lista de espera não vale para a modalidade de financiamento P-FIEWS.

O candidato é responsável por verificar o sistema do Fies para descobrir se foi aprovado e realizar as atividades necessárias para formalizar o financiamento e a matrícula na faculdade. 

Onde estudar com desconto ou bolsa de estudo sem precisar do Fies

Não ponha todos os seus ovos em uma única cesta! Vale a pena conhecer outras opções de financiamento e de programas de bolsa de estudo para começar uma faculdade ainda em 2020 sem contar com o Fies.

Algumas alternativas para financiar uma graduação presencial ou EAD são o CREDUCSUL, o PEP e o PRAVALER. Esses programas permitem parcelar uma boa parte das mensalidades para pagamento após a formatura. 

Há também os programas de bolsa de estudo próprios de faculdades privadas, que disponibilizam um bom desconto na mensalidade até o final do curso. Usando a nota do Enem, é possível conseguir bolsa parcial (10% a 50%) ou integral (100%).

Interessado? Conheça algumas faculdades reconhecidas pelo MEC que permitem financiar uma graduação sem burocracia e concedem bolsas de estudos:

Veja também:

Entenda a diferença entre Sisu, ProUni e Fies

Pronto! Agora você está por dentro do cronograma do Fies 2020. Já decidiu qual faculdade fazer? Deixe o nome do curso nos comentários!