A seleção do segundo semestre do Fies finalmente chegou e com ela a sua chance de se matricular em uma faculdade ainda em 2021.

Por oferecer taxa zero de juros e longo prazo para começar a pagar pelo curso, o Fies 2021.2 pode ser uma ótima oportunidade para quem deseja estudar, mas ainda não tem como bancar as mensalidades do ensino superior em universidades privadas.

Se você se encontra nessa situação, continue lendo este artigo para não perder as datas de inscrição do processo seletivo.

O que é o Fies?

Também conhecido como Fundo de Financiamento Estudantil, o Fies é um programa desenvolvido pelo Ministério da Educação que concede crédito facilitado a alunos que desejam cursar o ensino superior em universidades particulares, mas não possuem condições de pagar pelo curso enquanto estudam.

Os estudantes que optam pelo Fies realizam uma espécie de empréstimo a longo prazo junto a uma instituição financeira credenciada pelo programa, e podem pagar pela dívida após a formatura, quando provavelmente já estarão inseridos no mercado de trabalhando.

Quem pode se inscrever no Fies 2021.2?

Apesar de ter como objetivo facilitar o acesso ao Ensino Superior, para participar do Fies é preciso atender a alguns pré-requisitos bem específicos. Só podem solicitar a inscrição no programa estudantes que fizeram o Enem entre 2010 e a última edição, obtiveram média igual ou superior a 450 pontos nas provas objetivas e nota da redação superior a zero.

Além disso, o estudante deve ter renda familiar mensal bruta de até três salários mínimos por pessoa para conseguir juros zero.

Quando começam as inscrições do Fies  2021.2?

As inscrições para o Fies 2021.2 começam no dia 27 de julho e vão até o dia 30 de julho, exclusivamente pelo site do processo seletivo (http://fies.mec.gov.br/). O processo é totalmente gratuito e leva poucos minutos para ser feito.

Durante o período de inscrições do Fies 2021.2 você pode alterar suas opções de curso quantas vezes quiser, caso a nota de corte esteja muito alta e você perceba que não conseguirá ser selecionado. 

Veja a seguir o cronograma detalhado:

Cronograma completo do Fies 2021.2

  • Período de inscrições: 27 a 30 de julho;
  • Resultado do Fies 2021.2: 03 de agosto;
  • Prazo para complementação da inscrição: 04 a 06 de agosto;
  • Período de convocação dos candidatos na Lista de espera: 04 a 31 de agosto;
  • Vagas remanescentes para candidatos matriculados e não matriculados: 8 a 10 de setembro;
  • Vagas remanescentes para candidatos matriculados: de 27 a 29 de outubro.

Passo a passo para se inscrever no Fies 2021.2

  1. Acesse o site oficial do Fies
  2. Clique em “Minha Inscrição” e em seguida escolha a opção “Entrar com gov.br”
  3. Faça o login com seu CPF e senha cadastrada no Enem
  4. Preencha seus dados cadastrais e em seguida responda todas as questões do questionário
  5. Em “Grupo Familiar” informe com atenção os dados da renda bruta familiar
  6. Em “Grupo de Preferência” selecione até três opções de curso por ordem de preferência
  7. Informe o Estado, Município, Curso, Instituição de ensino e turno desejados e em seguida clique em “Gravar”
  8. Confirme que as informações fornecidas são verdadeiras e para finalizar clique em “Concluir”

O que é o período de complementação de inscrição

Após a liberação do resultado do Fies, entramos no período de complementação de inscrição. Este período requer muita atenção, pois é esta etapa que decide se você poderá avançar para a matrícula ou não.

Quando seu nome é selecionado, seja na chamada única ou na lista de espera, você tem até três dias para complementar sua inscrição, em outras palavras, significa informar mais alguns dados ao Fies para que ele possa te encaminhar à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da faculdade escolhida.

O Fies não avisa ao estudante se ele foi selecionado ou não, portanto se você está concorrendo a uma vaga, acesse a página do Fies diariamente para saber se seu nome foi selecionado, pois caso a complementação de inscrição não seja concluída no prazo correto, a vaga é cedida a outro aluno imediatamente. Tome cuidado para não deixar esta chance passar.

Como funciona a lista de espera do Fies 2021.2

Assim que a chamada única do Fies termina, a lista de espera entra em vigor. Todos os candidatos inscritos que não foram pré-selecionados na chamada única serão automaticamente inscritos na lista de espera, portanto, se você não foi chamado de primeira, não perca as esperanças.

estudantes-conversando-sobre-inscricoes-fies-2021.2

Assim como na chamada única, o Fies não entra em contato caso você consiga a vaga, então toda atenção é necessária. Acesse o site diariamente, pois à medida que outros candidatos desistem, perdem o prazo ou não conseguem comprovar seu perfil socioeconômico no tempo requerido o Fies chama os nomes seguintes da lista de aprovados e esta pode ser a sua chance. 

Quais são os próximos passos do Fies?

Após a complementação de inscrição, o aluno precisa comparecer ao CPSA da universidade escolhida. Esta sigla nada mais é que a Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento da faculdade, o setor responsável por verificar se os dados que você informou no SisFies batem com a documentação do seu grupo familiar.

Se todos os seus dados estiverem corretos, você receberá a documentação necessária para apresentar na instituição financeira. Neste momento você precisa apresentar mais uma série de documentos para só então fechar o contrato e dar prosseguimento à matrícula. Confira a seguir a documentação solicitada pelo banco:

  • Documento de Regularidade de Inscrição (DRI) emitido pelo CPSA da universidade
  • RG
  • CPF (caso seja menor de 18 anos de idade e não emancipado, CPF do representante legal)
  • Termo de concessão ou de atualização do usufruto de bolsa parcial do ProUni, quando for o caso
  • Certidão de casamento, CPF e RG do cônjuge, se for o caso
  • Comprovante de residência

Documentos do fiador em caso fiança convencional ou fiança solidária:

  • RG
  • CPF
  • Certidão de casamento
  • CPF e documento de identificação do cônjuge, se for o caso
  • Comprovante de residência
  • Comprovante de rendimentos, salvo no caso de fiança solidária

Como são as taxas de juros do Fies?

Um grande benefício do Fies, é que apesar de ser um financiamento, o programa oferece taxa de juros zero para todos os estudantes matriculados. O objetivo desta facilidade é evitar o endividamento dos estudantes no longo prazo.

O valor financiado começa a ser pago mensalmente após a formatura, portanto caso o aluno esteja empregado, o valor passará a ser descontado na folha de pagamento até a quitação.

Caso o aluno não esteja empregado no momento do término do curso e não tenha condições de pagar o valor acordado no início do curso, ele pode optar por pagar apenas o valor mínimo estipulado pelo contrato.

Onde estudar com a nota do Enem caso não passe no Fies?

Caso não seja selecionado no Fies, uma opção aos programas governamentais é o “Ingresso Direto”. Atualmente muitas universidades particulares já adotam esta modalidade e em alguns casos oferecem desconto de até 100% do valor da mensalidade sem precisar passar pelo processo seletivo ou fazer outro vestibular. Não é ótimo?

Este modelo varia bastante de uma universidade para outra, portanto vale a pena consultar o site ou a secretaria das universidades desejadas para saber mais. Caso a universidade aceite a modalidade e haja vaga no curso que você deseja, basta apresentar sua nota para dar início ao processo de matrícula. 

Gostou desta opção? Então que tal começar agora mesmo a procurar uma universidade certificada pelo MEC para começar a estudar? Separamos algumas na lista abaixo para você dar uma olhada:

Leia também: Bolsa de Estudo: Tudo o que você precisa saber para conseguir uma

Agora que você está por dentro do cronograma do Fies 2021.2, conte aqui nos comentários qual o curso dos seus sonhos!