A nota do Enem não será mais utilizada como critério único para a

primeira fase do vestibular de julho deste ano da Universidade Federal

de Uberlândia (UFU).  Todos os candidatos deverão realizar as provas da

primeira e segunda fases. O estudante poderá optar pela utilização da

nota do Enem, que valerá 30% do total dos pontos. A decisão foi tomada

ontem pelo Conselho de Graduação da UFU e divulgada por meio de nota

oficial.

De acordo com Gilmar da Cunha Souza, diretor de Processos Seletivos

da UFU, a alteração foi feita porque o Ministério da Educação (MEC) não

vai realizar a prova do Enem no meio do ano. “Os candidatos que fizeram o

nosso vestibular no fim do ano, fizeram a prova do Enem como a nossa

primeira fase. Agora, resolvemos deixar o candidato optar por aproveitar

a nota do Enem na composição da primeira fase”, disse o diretor. Esta

decisão é válida somente para o vestibular de julho. Para a seleção do

fim do ano, o Conselho de Graduação se reunirá em data oportuna para

definir como será o processo seletivo.

O novo critério de seleção permite que o aluno escolha a melhor nota

para concorrer a uma vaga na federal. “Se o aluno foi bem no Enem, ele

pode optar por usar a nota na composição, mas, se ele foi mal, pode

optar por usar somente a nota da UFU. Foi pensando no candidato que nós

criamos essa opção”, disse.

As inscrições para o vestibular de julho estão previstas para iniciar

dia 12 de abril. As provas da primeira fase serão realizadas dias 26 e

27 de junho, nas cidades de Araguari, Araxá, Goiânia, Ituiutaba, Patos

de Minas, Ribeirão Preto, São Paulo e Uberlândia. A segunda fase será

nos dias 11 e 12 de julho em Uberlândia e Ituiutaba.

Universidades mineiras

Pelo menos 15 universidades mineiras não vão mais utilizar o

resultado do Enem de 2009 como critério para ingresso no meio do ano e

vão realizar processos seletivos próprios.  Em um documento encaminhado

essa semana à Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação

(MEC), as instituições avaliam que o Sistema de Seleção Unificada (Sisu)

está em “descrédito”. O texto, que tem o apoio das comissões de

universidades como a Federal de Minas Gerais (UFMG) e a Federal de

Alfenas, destaca a falta de clareza na prestação de informações aos

estudantes e a falta de articulação das políticas do MEC, como o

Programa Universidade Aberta do Brasil.

Veja íntegra da nota divulgada ontem

Todo candidato deverá realizar todas as provas da primeira e segunda

fases do Processo Seletivo 2010-2 da UFU

O candidato poderá optar pela utilização da nota do Enem 2009 no ato

da inscrição

A classificação do candidato que optar pela utilização da nota do

Enem 2009 para a segunda fase do Processo Seletivo dar-se-á

considerando-se o escore padronizado da primeira fase, sendo 30% da nota

das provas do Enem 2009 e 70% da nota das provas da primeira fase da

UFU

O candidato que não tenha realizado a prova do ENEM 2009 ou não optar

pela utilização dessa nota, concorrerá na sua totalidade com as notas

das provas da primeira fase do Processo Seletivo 2010-2 da UFU

Para a classificação final na segunda fase do Processo Seletivo

2010-2 da UFU serão considerados na composição da nota final 30% da

notas da Primeira Fase e 70% das notas da Segunda Fase

Data e local de realização das provas

1ª Fase - 26 e 27 de junho de 2010 - (Araguari,

Araxá, Goiânia, Ituiutaba, Patos de Minas, Ribeirão Preto, São Paulo e

Uberlândia)

2ª Fase - 11 e 12 de julho de 2010 -

(Ituiutaba e Uberlândia)