Saber como somar a nota do Enem é  fundamental para aproveitar o resultado do exame em programas de acesso ao ensino superior, como ProUni, Sisu, FIES e Ingresso Direto.

Porém, muita gente fica em dúvida sobre como fazer esse cálculo e é isso que vamos explicar neste artigo.

Como calcular a nota do Enem

O Enem é composto por quatro provas objetivas e uma prova de Redação. Na correção das provas objetivas é utilizado um sistema complexo, chamado Teoria de Resposta ao Item (TRI).

Esse modelo não leva em consideração apenas o número de acertos, mas também o nível de dificuldade das questões e a coerência das respostas.

Por isso, fica impossível saber a nota exata de cada prova antes da divulgação dos resultados individuais do Enem, mesmo após ter os gabaritos disponíveis.

Já na prova de Redação é possível fazer até 1.000 pontos e o critério de correção é mais fácil de entender. São avaliadas 5 competência do candidato no desenvolvimento do texto, cada uma valendo 200 pontos.

A nota final é a soma dos pontos obtidos em cada competência, que incluem domínio da Língua Portuguesa escrita e capacidade argumentativa do candidato.

Média do Enem

Com os resultados das provas em mãos, após a divulgação pelo Inep, é hora de calcular a média do Enem. É essa média que as faculdades levam em consideração na hora de selecionar os candidatos por meio da nota do Enem.

A maioria das instituições, públicas e privadas, utiliza a média simples aritmética, calculada da seguinte forma:

  • Primeiro, soma-se a nota de cada uma das 5 provas que compõem o Exame.

  • Depois, divide-se o resultado por 5, obtendo assim a nota média.

Porém, algumas faculdades atribuem pesos diferenciados às notas em cada curso, para obter a chamada média ponderada.

Nesse caso, para um curso da área de Exatas, por exemplo, as notas de Ciências da Natureza e Matemática teriam um peso maior.

Veja um exemplo fictício de como somar a nota do Enem para obter a média ponderada:

Redação - tem peso 1 e o candidato tirou 625 (625 x 1=625)

Linguagens, Códigos e suas tecnologias - tem peso 2 e o candidato tirou 650 (650 x 2 = 1300)

Ciências Humanas e suas tecnologias - tem peso 1 e o candidato tirou 725 (725 x 1= 725)

Matemática e suas tecnologias - tem peso 3 e o candidato tirou 750 (750 x 3 = 2250)

Ciências na Natureza e suas tecnologias - tem peso 3 e o candidato tirou 700 (700 x 3 = 2100)

Então, soma-se 625+1300+725+2250+2100, que é igual a 7000. Depois, divide-se esse resultado por 10 (soma dos pesos), chegando à média ponderada 700.

Faculdades que aceitam o resultado do Enem

Faculdades públicas

As faculdades públicas aceitam a nota do Enem por meio do Sisu, um sistema informatizado gerenciado pelo MEC (Ministério da Educação).

Para concorrer a uma vaga pelo Sisu é preciso ter feito a última edição do Enem, com nota acima de zero na prova de Redação.

Seguem algumas instituições que oferecem vagas pelo Sisu:

  • Universidade de Brasília (UnB)

  • Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT)

  • Universidade Federal do Ceará (UFC)

  • Universidade de Pernambuco (UPE)

  • Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

  • Universidade Federal do Pará (UFPA)

  • Universidade Federal Fluminense (UFF)

  • Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG)

  • Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

  • Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

Faculdades particulares que aceitam a nota do Enem

As faculdades particulares que aceitam a nota do Enem o fazem por meio dos programas ProUni e FIES ou Ingresso Direto.

O ProUni oferece bolsas de estudos parciais e integrais a estudantes que se enquadram nos critérios socioeconômicos do programa.

Para se inscrever, é preciso ter feito a última edição do Enem, com média igual ou maior que 450 e nota acima de zero na Redação.

Conheça algumas instituições que costumam participar do ProUni:

Já o FIES permite que o estudante financie a faculdade a juros baixos e comece a quitar a dívida somente após a formatura.

Para se inscrever, é preciso ter feito o Enem a partir de 2010 e obtido média mínima de 450, além de não ter zerado a Redação.

Veja algumas faculdades que participam do FIES:

Ingresso Direto

O Ingresso Direto é o jeito mais simples de entrar em uma faculdade privada com a nota do Enem, pois todo o processo é feito direto com a instituição de ensino, sem a burocracia e o longo tempo de espera dos programas do governo.

Além disso, muitas faculdades que aceitam a nota do Enem para Ingresso Direto oferecem a seus alunos facilidades como bolsas de estudos, descontos especiais e crédito educativo sem burocracia.

Confira a seguir, as 5 instituições bem avaliadas pelo MEC, que aceitam a nota do Enem, oferecendo todas essas facilidades a quem quer estudar pagando pouco:

Veja também:

Entenda a diferença entre Sisu, ProUni e FIES

Descubra o que é a nota de corte do Enem

 

Depois de descobrir como somar a nota do Enem e conhecer as faculdades que aceitam sua nota, responda nos comentários: qual curso você quer fazer?