Fique por dentro das fases mais importantes do Enem 2020: veja o que acontece nessas etapas para não marcar bobeira e confira o cronograma completo do Enem 2020.

Datas do Enem 2020: publicação do edital

A primeira etapa inicia com a publicação do edital do Enem em março de 2020. Se você está decidido a se inscrever no Enem 2020, deve ler o edital com atenção.

Nesse documento oficial, você encontra:

  • Esclarecimentos sobre as regras, normas, leis e prazos que regem o Enem.
  • Os objetivos do Enem 2020.
  • As orientações para participantes treineiros.
  • A estrutura do exame e as orientações sobre a aplicação digital e em papel.
  • Orientações sobre a isenção, a inscrição, a justificativa de ausência, a taxa de inscrição, os atendimentos específicos e especializados e a identificação do participante.
  • Obrigações do participante e os comportamentos, ações e atitudes que eliminam o inscrito a qualquer momento.
  • Informações sobre a correção das provas e a divulgação dos resultados.
  • Lista com os municípios de aplicação do Enem 2020.

Datas do Enem 2020: pedido de isenção da taxa de inscrição

Você deve saber que a taxa do Enem não é barata. Para o Enem 2020, o valor será de R$ 85. 

Para garantir que mais pessoas tenham acesso ao exame, o MEC disponibiliza gratuidade para milhões de brasileiros interessados em fazer o Enem. Em 2020, não será diferente.

Recebendo a isenção, é um boleto a menos no seu mês! Você está dispensado do pagamento da taxa e poderá fazer o Enem 2020 de graça.

Portanto, se você atende um dos critérios abaixo, não marque bobeira! Solicite sua isenção no Enem em abril de 2020:

  • Ser estudante que cursa, em 2020, a última série do ensino médio em uma escola pública declarada ao Censo da Educação Básica. 
  • Ter feito o ensino médio completo em uma escola pública ou em escola privada como bolsista integral. A renda familiar por pessoa deve ser igual ou inferior a 1,5 salários mínimos.
  • Declarar estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda e estar inscrito no CadÚnico.

Datas do Enem 2020: período de inscrições 

Na primeira semana de maio, o Inep abre as inscrições para o Enem 2020. 

Todos os interessados em realizar a prova devem se inscrever — inclusive quem obteve isenção da taxa. A inscrição é realizada online, no Sistema Enem (enem.inep.gov.br/participante).

A novidade deste ano é o Enem Digital. Quem vive nas cidades selecionadas pelo MEC poderá escolher, durante a inscrição no Enem 2020, fazer a versão informatizada do Enem. 

Isto é: em vez da tradicional prova em papel, o participante realiza a prova diretamente em um computador. Veja as cidades onde o Enem Digital será aplicado:

  • Rio Branco (AC);
  • Arapiraca (AL);
  • Maceió (AL);
  • Manaus (AM);
  • Macapá (AP);
  • Feira de Santana (BA);
  • Salvador (BA);
  • Fortaleza (CE);
  • Quixadá (CE);
  • Sobral (CE);
  • Brasília (DF);
  • Cachoeiro do Itapemirim (ES);
  • Cariacica (ES);
  • Vila Velha (ES);
  • Vitória (ES);
  • Anápolis (GO);
  • Goiânia (GO);
  • Imperatriz (MA);
  • São Luís (MA);
  • Belo Horizonte (MG);
  • Betim (MG);
  • Contagem (MG);
  • Governador Valadares (MG);
  • Ipatinga (MG);
  • Juiz de Fora (MG);
  • Montes Claros (MG);
  • Passos (MG);
  • Patos de Minas (MG);
  • Poços de Caldas (MG);
  • Sete Lagoas (MG);
  • Uberlândia (MG);
  • Campo Grande (MS);
  • Dourados (MS);
  • Cuiabá (MT);
  • Rondonópolis (MT);
  • Várzea Grande (MT);
  • Belém (PA);
  • Santarém (PA);
  • Campina Grande (PB);
  • João Pessoa (PB);
  • Caruaru (PE);
  • Petrolina (PE);
  • Recife (PE);
  • Parnaíba (PI);
  • Teresina (PI);
  • Apucarana (PR);
  • Cascavel (PR);
  • Curitiba (PR);
  • Francisco Beltrão (PR);
  • Londrina (PR);
  • Maringá (PR);
  • Duque de Caxias (RJ);
  • Niterói (RJ);
  • Nova Iguaçu (RJ);
  • Petrópolis (RJ);
  • Rio de Janeiro (RJ);
  • São Gonçalo (RJ);
  • Volta Redonda (RJ);
  • Natal (RN);
  • Porto Velho (RO);
  • Boa Vista (RR);
  • Bento Gonçalves (RS);
  • Caxias do Sul (RS);
  • Pelotas (RS);
  • Porto Alegre (RS);
  • Santa Cruz do Sul (RS);
  • Santa Maria (RS);
  • Blumenau (SC);
  • Brusque (SC);
  • Chapecó (SC);
  • Criciúma (SC);
  • Florianópolis (SC);
  • Joinville (SC);
  • São José (SC);
  • Aracaju (SE);
  • Americana (SP);
  • Barueri (SP);
  • Bauru (SP);
  • Bebedouro (SP);
  • Campinas (SP);
  • Franca (SP);
  • Guarulhos (SP);
  • Indaiatuba (SP);
  • Jaguariúna (SP);
  • Jundiaí (SP);
  • Limeira (SP);
  • Osasco (SP);
  • Piracicaba (SP);
  • Ribeirão Preto (SP);
  • Rio Claro (SP);
  • Santo André (SP);
  • Santos (SP);
  • São Bernardo do Campo (SP);
  • São Caetano do Sul (SP);
  • São José do Rio Preto (SP);
  • São José dos Campos (SP)
  • São Paulo (SP);
  • Sorocaba (SP);
  • Palmas (TO).

A inscrição para a versão digital e a versão em papel é a mesma, assim como o valor da taxa de inscrição.

Datas do Enem 2020: divulgação do local de prova

É hora de saber o bairro, o prédio e a sala exata onde fará as provas. Você descobre essa informação acessando o Cartão de Confirmação da Inscrição no Enem pela internet.

Tanto para o Enem Impresso quanto para o Enem Digital, o Inep libera acesso ao cartão no mês anterior à aplicação da prova.

Datas do Enem 2020: dias de prova do Enem Digital e do Enem Regular

Após muita indefinição, o Inep confirmou que as provas acontecerão em janeiro de 2021. Primeiro, acontece a aplicação do Enem Impresso:

  • 1º dia do Enem Impresso: 17 de janeiro de 2021.
  • 2º dia do Enem Impresso: 24 de janeiro de 2021.

Depois, é a vez da primeira edição do Enem Digital:

  • 1º dia do Enem Digital: 31 de janeiro de 2021.
  • 2º dia do Enem Digital: 07 de fevereiro de 2021. 

As avaliações são aplicadas seguindo a programação abaixo, no horário de Brasília:

  • 12h – abertura dos portões.
  • 13h – fechamento dos portões.
  • 13h a 13h30 – procedimentos de segurança na sala de prova.
  • 13h30 – início das provas.
  • 19h – término das provas no 1° dia.
  • 18h30 – término das provas no 2º dia.

Datas do Enem 2020: divulgação dos gabaritos oficiais e das notas individuais

Por fim, a tão esperada publicação dos resultados do Enem. Esse processo acontece em 4 etapas:

  • Postagem dos cadernos de prova e dos gabaritos online.
  • Acesso aos Resultados Individuais ← a tão esperada nota do Enem!
  • Acesso aos resultados dos treineiros.
  • Acesso ao espelho de redação.

Em 3 dias úteis após o último dia de provas, o Inep libera o gabarito oficial e os cadernos de questões para consulta online.

A postagem dos resultados individuais acontecerá no dia 29 de março de 2021 — quando o Inep libera o acesso ao Boletim Individual de Desempenho no Enem. Nesse documento, você confere as notas das provas objetivas e da redação.

Os treineiros precisam aguardar mais um tempo. O Inep disponibiliza o boletim com as notas desses participantes somente algumas semanas depois do resultado principal.

Na mesma época do resultado dos treineiros, o Inep libera o acesso ao espelho de redação. O espelho é uma cópia digitalizada da redação que o participante produziu no Enem 2020.

Visão geral do cronograma do Enem 2020

Para facilitar, listamos abaixo o cronograma com os dias já confirmados pelo MEC e pelo Inep e com meses previstos para as etapas antes, durante e depois das provas: 

Datas importantes antes das provas do Enem 2020

  • Publicação do edital: março/2020.
  • Pedido de isenção da taxa de inscrição: abril/2020.
  • Justificativa de ausência no Enem 2019: abril/2020.
  • Período de inscrição: maio/2020.
  • Pedido de atendimento especial ou específico: maio/2020.
  • Divulgação do cartão de confirmação: mês anterior às provas.

Datas confirmadas pelo MEC e Inep - os dias de provas

  • Aplicação das provas (Enem Impresso): 17 e 24 de janeiro de 2021. 
  • Aplicação das provas (Enem Digital): 31 de janeiro e 07 de fevereiro de 2021.

Datas importantes depois das provas do Enem 2020

  • Publicação dos gabaritos e dos cadernos de questões: cerca de 3 dias após as provas.
  • Divulgação dos resultados individuais: 29 de março de 2021.
  • Divulgação dos resultados dos treineiros: algumas semanas após os resultados individuais.
  • Liberação dos espelhos da redação: mesma época do resultado dos treineiros.

Onde estudar com a nota do Enem 2020 recebendo bolsa de até 100%

Você sabia que faculdades privadas também aceitam a nota do Enem? E o melhor: é uma forma de ingresso sem burocracia e que permite obter bolsa parcial ou integral, válida até a formatura.

A partir de 300 pontos na média do Enem, é possível ingressar direto em uma graduação presencial ou EaD e conseguir descontos. A Cruzeiro do Sul Virtual (a distância), por exemplo, disponibiliza as seguintes bolsas conforme a pontuação no Enem:

  • 300 até 449 pontos: até 55% de desconto válido no 1º semestre.
  • 450 até 549 pontos: até 58% de desconto válido até a formatura.
  • 550 até 599 pontos: até 60% de desconto válido até a formatura.
  • 600 até 699 pontos: até 65% de desconto válido até a formatura.
  • 700 até 899 pontos: até 75% de desconto válido até a formatura.
  • Acima de 900 pontos: 100% de desconto válido até a formatura.

Interessado? Confira algumas faculdades reconhecidas pelo MEC que aceitam a nota do Enem, concedem bolsas de estudos e permitem financiar o curso sem burocracia:

Veja também:

Descubra por quanto tempo vale o Enem

7 dicas rápidas para ganhar bolsas de estudos para graduação

Agora que você está por dentro das datas mais importantes do Enem 2020, qual curso pretende se inscrever na faculdade usando a nota do exame? Deixe seu comentário!