O geógrafo é o profissional que estuda o sistema terrestre e os impactos das ações humanas na Terra. Eles podem criar mapas, realizar o planejamento urbano, rural e de transportes, bem como pesquisar e monitorar o solo, a vegetação, os recursos hídricos, o clima e a densidade populacional.

As principais áreas de atuação dos geógrafos são: Geoprocessamento, Sensoriamento Remoto, Planejamento Rural, Urbano e Agrícola, Cartografia Digital, Geografia dos Transportes, Geopolítica e Ecoturismo. Além disso, os licenciados em Geografia ainda podem lecionar a disciplina no Ensino Básico.

Como é o curso de Geografia?

O curso de Geografia existe nos níveis bacharelado e licenciatura. Enquanto o bacharelado forma profissionais para atuarem como geógrafos, a licenciatura é para os que almejam ser professores na área. Ambos curso tem duração média de 4 anos e são ofertados nas modalidades presencial e a distância.

De acordo com a Diretrizes Curriculares da graduação em Geografia, durante o curso, os estudantes se habilitam a analisar o espaço geográfico e sua integração com as variáveis sociais e ambientais, compreender os elementos e processos relativos ao meio natural e ao construído e dominar e aprimorar as abordagens científicas pertinentes ao processo de produção e aplicação do conhecimento geográfico.

Quantos pontos são necessários para passar em Geografia?

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é a principal forma de concorrer a vagas em diversas instituições públicas e privadas do país. Isso porque várias dessas instituições aceitam a nota do Enem em seu processo seletivo.

Seja pelos programas federais de acesso ao Ensino Superior ou diretamente na universidade privada, as instituições estabelecem parâmetros para classificar seus candidatos pela nota do Enem.

Por isso, os estudantes devem ficar atentos à nota mínima e à nota de corte do curso desejado. A nota mínima é a menor nota que o estudante deve ter tirado no Enem para se candidatar à vaga. Já a nota de corte se refere à nota do último colocado do curso.

A nota de corte varia anualmente, pois depende das notas dos estudantes daquele ano, mas é uma boa referência para se descobrir quantos pontos é precisa tirar no Enem para ser aprovado na faculdade de interesse. Nos próximos tópicos, confira  as notas de corte para Geografia do último ano.

Nota de corte para o curso de Geografia no Sisu

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é um programa federal de ingresso no Ensino Superior público por meio da nota do Enem. Para se inscrever, o candidato só precisa ter feito o último Enem, sem ter zerado a redação. 

De acordo com os dados do Sisu de 2019, a nota de corte média para o curso de Geografia é de 616.67. A maior nota de corte registrada no ano passado foi de 747.86 e a menor, 528.74. Algumas universidades também cobram nota mínima para a inscrição. 

Nota de corte para o curso de Geografia no Prouni

Enquanto o Sisu dá acesso às faculdades públicas, o Programa Universidade Para Todos (Prouni) é destinado aos que desejam estudar em instituições particulares com bolsa de estudo de 50% ou 100% .

Para se inscrever no programa federal, é necessário ter obtido, ao menos, 450 pontos no último Enem, não ter zerado a redação e se encaixar nos pré-requisitos de renda e escolaridade.

Segundo as informações do Prouni 2019, a média das notas de corte do Prouni para o curso de Geografia em 2019 foi de 680.48. As notas de cortes variaram de 677.24 a 683.72 pontos.

Nota de corte para o curso de Geografia no Fies

Outro programa federal de acesso ao ensino privado é o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Pelo programa, o estudante pode financiar seu curso e começar pagar somente depois de formado. 

Para se inscrever no Fies, o estudante precisa ter feito Enem a partir de 2010, ter tirado, no mínimo, 450 pontos e não ter zerado a redação, bem como se encaixar nos critérios socioeconômicos da modalidade de financiamento escolhida. 

Conforme os dados do Fies de 2019, a nota de corte média para Geografia no Fies foi de 555.89. A maior nota de corte do ano anterior foi 674.00 e a menor, 470.00.

Onde estudar Geografia?

Além dos programas do governo, saiba que ainda é possível utilizar a nota do Enem para ingressar diretamente nas universidades privadas, onde você ainda pode conseguir bolsas de estudos e descontos.

Algumas instituições oferecem ótimas condições para ingresso independente da nota do Enem, por meio de vestibular próprio e on-line e sem precisar comprovar renda. Se interessou? Então, dê uma olhada nessas faculdades bem reconhecidas pelo MEC para você ingressar sem burocracia e estudar pagando pouco, no ensino presencial e a distância:

Veja mais: Conheça o curso de Geografia

Você já sabe onde irá estudar Geografia? Conta para a gente nos comentários!