Todo mundo que faz o Enem sonha em tirar uma boa nota nas provas.

O motivo disso é fácil de entender: uma pontuação elevada aumenta, e muito, as chances de garantir uma vaga no ensino superior.

Para obter sucesso é fundamental conhecer as notas necessárias para entrar em cada curso, em diferentes processos seletivos.

A seguir, descubra qual é a nota de corte do Enem 2019 e conheça boas faculdades onde tentar sua vaga.

A nota de corte do Enem 2019

As notas de corte do Enem variam conforme o processo seletivo escolhido. Elas podem ser incrivelmente altas, ou relativamente baixas.

Fatores que interferem nessa oscilação podem ser a faculdade escolhida, a cidade, o tipo de concorrência e até o turno de estudos.

Para que você tenha uma ideia mais precisa, a gente separou as notas de corte médias em cada processo seletivo que usa a nota do Enem 2019.

Veja a seguir:

Nota de corte do Enem 2019 no Sisu

Por ser o processo seletivo que distribui vagas em universidades públicas, o Sisu é o mais procurado e, naturalmente, o que registra as maiores notas de corte.

Os participantes que tiverem feito o Enem 2019 e apresentarem nota acima de zero na redação estarão aptos a participar das duas edições previstas para 2020, uma em janeiro e outra no meio do ano.

A nota de corte do Sisu é de aproximadamente 680 pontos para boa parte dos cursos.

Claro, sempre tem aqueles que são tradicionalmente muito procurados, como Medicina, Direito, Engenharia, Psicologia e Odontologia, que, dependendo da faculdade, podem apresentar notas de corte acima de 750 pontos!

No outro extremo, temos também graduações que são bem mais tranquilas de conseguir entrar, com notas de corte que variam entre 550 a 650 pontos, mais ou menos. Entre elas, destaque para cursos de licenciatura e superiores de tecnologia.

Nota de corte do Enem 2019 no ProUni

O ProUni também é bastante concorrido, por vezes com notas de corte próximas às do Sisu.

O motivo de tamanha concorrência é que o programa distribui bolsas de estudos em faculdades privadas bem avaliadas pelo MEC. Por ano, são quase 300 mil, por todo país.

Aqui, a nota de corte média para conseguir vaga é de 630 pontos, mais ou menos.

Mais uma vez, graduações como Medicina, Engenharia Direito e afins ficam quase sempre acima dessa média, superando os 700 pontos, dependendo da faculdade.

O ProUni exige um desempenho mínimo no Enem mais recente para se inscrever: 450 pontos na média das provas, sem ter zerado a redação.

Com essa pontuação mínima é possível entrar em alguns cursos — especialmente aqueles com grande quantidade de vagas. Tudo o que você tem de fazer é uma pesquisa aprofundada durante o processo seletivo.

O programa tem duas edições previstas para 2020, uma no início do ano, logo após o encerramento do Sisu, e outra entre junho e julho.

Além da pontuação mínima necessária no Enem 2019, para participar do ProUni 2020 o candidato precisa comprovar renda familiar mensal bruta de até três salários mínimos por pessoa e ter feito todo ensino médio em escola da rede pública.

Quem já tem diploma de nível superior não pode participar do ProUni.

Notas de corte do Enem 2019 no FIES

O FIES se apresenta como uma alternativa atraente para quem não conseguir entrar no Sisu ou no ProUni. O programa oferece crédito estudantil a juros baixos e prazo longo, para que o aluno possa pagar a dívida com toda tranquilidade.

A concessão do benefício acontece por meio de um processo seletivo muito similar ao do ProUni. Quem tiver as melhores notas leva o crédito.

A nota de corte média no FIES é de 550 pontos, aproximadamente. As graduações mais procuradas podem às vezes exigir mais de 680 pontos.

Já as vagas mais fáceis podem ser obtidas com a nota mínima exigida para participação no programa, que é de 450 na média das provas, sem ter zerado a redação.

O FIES tem uma vantagem extra em relação ao Sisu e ao ProUni: aqui dá para usar qualquer edição do Enem a partir de 2010.

O programa é destinado aos candidatos que se enquadram em determinado perfil de renda familiar.

Há duas edições previstas para 2020, no primeiro e no segundo semestre.

Nota de corte do Enem 2019 para entrar na faculdade privada sem vestibular

Esse é o sistema mais simples de todos os que citamos aqui. Qualquer pessoa que tenha feito o Enem, seja o de 2019 ou outras edições anteriores, pode tentar a vaga direto na universidade privada, sem ter que passar por outro vestibular.

Tudo que o candidato precisa fazer é informar as pontuações obtidas nas provas objetivas e na redação durante abertura do período de seleção das faculdades.

Caso tenha uma boa nota, garante imediatamente o acesso à vaga. O próximo passo é levar documentação exigida e o boletim de desempenho do Enem para efetuar a matrícula.

Algumas faculdades, inclusive, oferecem bolsas de estudos aos que apresentarem uma nota elevada no Enem.

Aqui não existe uma nota de corte identificável porque cada faculdade estabelece seus próprios parâmetros. No entanto, é seguro dizer que a maioria delas têm pontuação bem mais baixas do que aquelas registradas no ProUni, FIES ou Sisu.

Faculdades que aceitam a nota do Enem 2019 como forma de ingresso

Abaixo, a gente separou algumas boas faculdades onde você pode tentar vaga por meio do FIES, do ProUni e do ingresso direto.

Conheça:

Veja também:

Veja como participar do Sisu no meio do ano de 2019

 

Está com tudo em dia para encarar os processos seletivos do Enem 2019? Conte para a gente nos comentários!