Sabia que não é tão difícil assim tirar nota máxima numa das provas mais temidas do Enem?

Essa façanha está ao seu alcance. Mas, para chegar lá, não basta reforçar os estudos: é preciso conhecer alguns macetes importantes.

Com uma nota 1.000 na redação e um bom desempenho nas provas objetivas, aumentam muito as chances de garantir vaga naquele curso tão desejado.

Quer descobrir como obter um notaço desses?

Saiba como tirar nota 1000 na redação do Enem a seguir!

Como tirar nota 1000 na redação do Enem

Para tirar nota máxima na redação do Enem é preciso seguir alguns passos, que vão desde a prática diária até o conhecimento total dos itens que serão avaliados.

A gente mostra o caminho para uma nota 1.000 em sete passos:

1.     Entenda o formato da redação

A redação do Enem é uma prova no formato dissertativo-argumentativo em prosa.

Isso significa que o candidato deverá produzir um texto corrido defendendo sua ideia a respeito do tema proposto e apresentando seus pontos de vista com argumentos consistentes e coerentes.

O texto também tem de apresentar uma proposta de intervenção social (resolução da problemática apresentada) que respeite a questão dos Direitos Humanos.

2.     Estude temas da atualidade

O Enem normalmente utiliza temas da atualidade para suas redações – e isso deve se manter nas próximas edições.

Durante os estudos, pesquise uma série de assuntos que podem aparecer nas provas.

Para você ter ideia, estes foram os temas mais recentes que caíram na prova:

  • 2018: Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet
  • 2017: Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil
  • 2016: Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil
  • 2015: A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira
  • 2014: Publicidade infantil em questão no Brasil
  • 2013: Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil
  • 2012: Movimento imigratório para o Brasil no século 21
  • 2011: Viver em rede no século 21: os limites entre o público e o privado
  • 2010: O trabalho na construção da dignidade humana

3.     Use redações nota 1.000 como referência

Com uma rápida pesquisa na internet você encontra uma série de redações que tiraram nota máxima no Enem.

Estude-as à exaustão e perceba que nem todo bom texto é cheio de palavras difíceis e frases complexas. Clareza, simplicidade e coerência valem muito mais aqui.

Observe o encadeamento lógico das ideias e tente aplicá-lo aos seus textos.

4.     Pratique sem parar

A melhor forma de fazer uma redação nota 1.000 é praticando.

Comece fazendo as redações das edições anteriores do Enem e, depois, compare com os textos daqueles candidatos que tiraram nota 1.000 (veja tópico anterior).

Depois, escolha uma série de temas de interesse do Enem (aqueles com pegada social, política e econômica) e mande ver.

O ideal é que algum professor ou especialista possa corrigir seus textos.

Ah, e não se esqueça de fazer tudo com um relógio do lado – entenda o porquê disso no próximo item.

5.     Fique de olho no tempo

A redação do Enem é feita logo no primeiro dia de provas.

O tempo será seu inimigo desde o primeiro minuto. É que no mesmo dia são aplicadas as provas de Linguagens e Códigos e de Ciências Humanas, que são longas, exaustivas e repletas de texto.

No total, os candidatos terão cinco horas e meia para responderem a 90 questões objetivas e preparar um texto impecável de redação.

Pode acreditar: é pouco tempo!

Para não cair na armadilha do relógio, o jeito é praticar a redação com um cronômetro do lado. Reserve de 40 minutos a uma hora para fazer tudo: desenvolver o tema, encadear as ideias, produzir o texto e passar a limpo.

6.     Saiba o que os avaliadores vão analisar

Esse é um ponto essencial para quem quer fazer uma redação nota 1.000. Saber exatamente o que vai ser avaliado ajuda a estruturar o texto da forma ideal.

Os avaliadores estarão de olho em cinco competências:

1 - Demonstrar domínio da língua portuguesa formal.

2 – Mostrar conhecimento de diversas áreas para desenvolver o tema proposto.

3 – Saber utilizar dados e informações em defesa do seu ponto de vista.

4 – Demonstrar que conhece profundamente os recursos da língua para construir a argumentação.

5 – Elaborar proposta de intervenção que respeite os direitos humanos.

O texto será avaliado por dois especialistas, sem que um conheça a nota atribuída pelo outro.

Cada competência vale 200 pontos. As notas dadas pelos avaliadores são somadas e divididas por 2.

7.     Fuja de tudo o que pode render um zero na redação

Redobre o cuidado na hora de fazer sua redação do Enem. Algumas práticas podem render um zero automático.

São elas:

  • Fugir do tema proposto.
  • Fazer a redação em outros formatos diferentes do dissertativo-argumentativo em prosa: poesia, desenhos, etc.
  • Escrever menos de oito linhas.
  • Escrever palavrões e xingamentos.
  • Fazer o texto em língua estrangeira.
  • Copiar e incluir os textos motivadores ou da proposta da redação no seu texto.
  • Não passar o texto a limpo para a folha de redação. Textos em rascunho não serão corrigidos.
  • Mandar mensagens direcionadas aos avaliadores, escrever orações religiosas, protestos, trechos de música, etc., que não estejam dentro do contexto da redação.
  • IMPORTANTE: o texto deve ser feito com letra legível. Caso receba aquele garrancho indecifrável, o avaliador pode se recusar a corrigir sua prova.

Faculdades onde você pode estudar com a nota do Enem

Existem centenas de universidades públicas que aceitam a nota do Enem como forma de ingresso.

Entre as particulares, esse número é bem maior, na casa dos milhares.

Portanto, não vão faltar opções para você se dar bem nos estudos.

Certifique-se de escolher instituições reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC, para terminar os estudos com um diploma conceituado no mercado.

A gente escolheu algumas dessas faculdades para você:

Veja também:

Saiba tudo sobre a prova do Enem e veja as melhores dicas https://www.mundovestibular.com.br/enem/prova-enem

Como você está se preparando para a redação do Enem? Conte para a gente!