Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque uma bolsa

    Compare preços e escolha a bolsa de estudos que seja sua cara.


  2. Garanta a bolsa

    Pague a adesão para garantir sua bolsa.


  3. Tamo junto na próxima fase.

    Agora é só fazer o processo seletivo e se matricular na faculdade.


Vestibular

Provas Dissertativas: o que são, como responder e exemplos

2 de junho
Imagem do autor
Escrito porRedação

As questões dissertativas são uma forma comum de avaliação em diversos contextos educacionais. Elas são utilizadas para avaliar o conhecimento, a capacidade de argumentação e a habilidade de expressão escrita dos alunos.

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Neste texto, exploraremos o que são as questões dissertativas, como elas são estruturadas e algumas dicas para abordá-las com sucesso.

O que é prova dissertativa?

Prova dissertativa é um tipo de avaliação em que o aluno deve elaborar uma resposta por escrito para uma questão aberta, que exige o desenvolvimento de um raciocínio lógico, a argumentação e a análise crítica de um determinado tema ou problema. Essa modalidade de prova é bastante utilizada em processos seletivos de ingresso em universidades, concursos públicos, vestibulares e avaliações escolares.

Quais são as características das provas dissertativas?

As provas dissertativas são um tipo de avaliação em que o estudante deve escrever sobre um tema de forma argumentativa, utilizando seus conhecimentos e opiniões. Veja a seguir algumas características das provas dissertativas:

Estrutura da prova dissertativa

As provas dissertativas costumam ter um enunciado que apresenta o tema a ser abordado e as orientações para a escrita. Geralmente, as provas dissertativas têm um espaço definido para a resposta, que pode variar de algumas linhas até algumas páginas, dependendo da complexidade do tema.

Tipos de perguntas em provas dissertativas

As perguntas em provas dissertativas podem ser abertas ou fechadas. Perguntas abertas exigem que o estudante construa uma resposta de forma autônoma, enquanto perguntas fechadas apresentam um conjunto limitado de opções de resposta.

Critérios de avaliação em provas dissertativas

A avaliação de uma prova dissertativa leva em conta a capacidade do estudante em argumentar de forma clara e coesa. Alguns critérios utilizados para avaliar uma prova dissertativa incluem: clareza na exposição do tema, organização das ideias, argumentação consistente e uso correto da linguagem.

Questões dissertativas são mais difíceis do que as objetivas?

Qual é a diferença entre prova dissertativa e objetiva?

A prova é um dos instrumentos mais utilizados para avaliar o desempenho dos estudantes em diferentes níveis de ensino. Duas das modalidades mais conhecidas são a prova dissertativa e a prova objetiva. A principal diferença entre elas está na forma como as respostas são apresentadas.

A prova objetiva apresenta questões de múltipla escolha, em que o estudante deve selecionar a alternativa correta entre as opções apresentadas. Já a prova dissertativa exige que o estudante elabore suas respostas de forma mais detalhada, desenvolvendo argumentos e expondo seu conhecimento sobre o assunto abordado.

Enquanto a prova objetiva é mais objetiva e focada em testar o conhecimento específico, a prova dissertativa permite avaliar a capacidade do estudante de articular ideias, expressar-se de forma clara e coerente, além de demonstrar um conhecimento mais aprofundado sobre o tema.

Ambas as modalidades podem ser utilizadas de forma complementar para avaliar o desempenho dos estudantes em diferentes áreas do conhecimento. A escolha da melhor modalidade dependerá dos objetivos da avaliação e do tipo de conhecimento que se deseja avaliar.

Questões dissertativas são mais difíceis? 

As questões dissertativas podem ser consideradas mais difíceis em comparação com as questões objetivas, pois exigem que o aluno desenvolva uma resposta completa e estruturada, utilizando sua capacidade de análise e síntese de informações. 

Além disso, as questões dissertativas também exigem que o aluno tenha uma boa escrita e domínio do conteúdo abordado na prova, pois é preciso elaborar uma resposta coesa e coerente. 

Porém, vale ressaltar que a dificuldade pode variar de acordo com a habilidade e conhecimento do aluno, sendo possível que alguns sintam mais facilidade em questões dissertativas do que em questões objetivas e vice-versa.

Como estudar para uma prova dissertativa?

Estudar para uma prova dissertativa pode ser desafiador, mas existem estratégias que podem ajudar a se preparar da melhor maneira possível. Aqui estão algumas dicas:

  • Leia e entenda o conteúdo: Antes de começar a escrever, é importante ter uma compreensão clara do assunto. Leia atentamente os textos, anote pontos importantes e faça um resumo.
  • Pratique a escrita: Escrever é uma habilidade que pode ser aprimorada com a prática. Tente escrever pequenos textos sobre o assunto, para ganhar confiança e melhorar sua escrita.
  • Conheça o estilo da prova: Cada prova tem suas particularidades, por isso, é importante saber como ela será avaliada e quais serão os critérios de correção.
  • Revise o conteúdo: Não adianta estudar e escrever se você não revisar. Volte ao conteúdo, faça uma leitura crítica e verifique se há erros ou pontos que precisam ser mais aprofundados.
  • Faça simulados: Uma ótima maneira de se preparar para uma prova dissertativa é fazer simulados. Eles ajudam a treinar a escrita, a organizar as ideias e a gerenciar o tempo.

Com essas dicas, você estará pronto para enfrentar uma prova dissertativa com mais segurança e tranquilidade.

Questões dissertativas exigem um melhor planejamento na hora de escrever as respostas

Como responder provas dissertativas?

As provas dissertativas são muito utilizadas em diversos tipos de avaliações e exigem que os alunos demonstrem seu conhecimento por meio de um texto escrito. Para ajudar na hora de responder uma prova dissertativa, confira algumas dicas:

  • Analise cuidadosamente o enunciado da questão: é importante compreender bem o que está sendo pedido e quais são os pontos relevantes para a resposta.
  • Planeje o tempo de escrita e organize as ideias antes de começar a escrever: um esboço do texto pode ajudar a estruturar melhor as informações e evitar confusões na hora de redigir.
  • Utilize um vocabulário adequado e preste atenção à gramática: erros de ortografia e concordância podem prejudicar a compreensão do texto e comprometer a nota.
  • Mantenha a coerência e coesão do texto: utilizando conectivos e argumentos que se relacionem entre si. Isso ajuda a dar fluidez e clareza à redação.
  • Prática da escrita: Pratique a escrita de textos com regularidade e revise seus textos antes de entregar a prova. A revisão ajuda a identificar erros e melhorar o conteúdo do texto.

Exemplos de questões dissertativas

Separamos alguns exemplos de questões dissertativas retiradas de algumas provas de vestibular. Dá só uma olhada:

  1. “A partir da leitura do poema ‘Canção do Exílio’, de Gonçalves Dias, discuta como a temática do sentimento de pertencimento à terra natal é abordada. Explique como essa obra se relaciona com o contexto literário do Romantismo brasileiro.” (Fonte: ENEM)
  2. “Analise a obra ‘Vidas Secas’, de Graciliano Ramos, e discorra sobre a representação da condição humana e das dificuldades enfrentadas por personagens no contexto da seca nordestina. Aborde aspectos literários e sociais presentes na narrativa.” (Fonte: FUVEST)
  3. “Discuta a importância da Revolução Industrial para as transformações econômicas, sociais e tecnológicas ocorridas no século XIX. Explique como esse processo impactou a vida da população e a formação do capitalismo.” (Fonte: UFRGS)
  4. “A partir da análise da peça ‘O Auto da Compadecida’, de Ariano Suassuna, discorra sobre o humor e a crítica social presentes na obra. Explique como o teatro regional nordestino contribui para a representação da cultura brasileira.” (Fonte: UNICAMP)
  5. “Analisando a obra ‘Macunaíma’, de Mário de Andrade, discuta como o autor retrata a identidade nacional brasileira. Explique como a mistura de elementos culturais, folclóricos e linguísticos contribui para a construção desse personagem icônico.” (Fonte: UFRJ)
  6. “Explique o conceito de cidadania e sua importância na construção de uma sociedade democrática. Discorra sobre os direitos e deveres do cidadão e a participação política como elementos fundamentais para o exercício pleno da cidadania.” (Fonte: UNESP)

Em conclusão, as questões dissertativas são um formato desafiador de avaliação que busca não apenas testar o conhecimento dos estudantes, mas também suas habilidades de argumentação e expressão escrita. Essas questões exigem uma análise aprofundada do tema proposto, a construção de um raciocínio lógico e a capacidade de apresentar ideias de forma clara e coerente.

Para se destacar em questões dissertativas, é essencial praticar a escrita, estudar diversos assuntos, organizar as ideias de forma estruturada e utilizar argumentos consistentes e embasados. Ao dominar essa habilidade, os estudantes estarão mais preparados para enfrentar as avaliações e alcançar melhores resultados.

Se você está buscando oportunidades para aprimorar seus conhecimentos e se preparar para desafios acadêmicos, não deixe de conferir as bolsas de estudo disponíveis em nossas universidades parceiras. Acesse nosso site e encontre bolsas de estudo em diversas áreas, incluindo pedagogia, educação e outras disciplinas. Invista em seu futuro e aproveite as oportunidades para expandir seus horizontes acadêmicos.

Facul sem treta? É aqui mesmo!
Facul sem treta? É aqui mesmo!

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.