Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque uma bolsa

    Compare preços e escolha a bolsa de estudos que seja sua cara.


  2. Garanta a bolsa

    Pague a adesão para garantir sua bolsa.


  3. Tamo junto na próxima fase.

    Agora é só fazer o processo seletivo e se matricular na faculdade.


Biologia

Ciências da Natureza e suas Tecnologias: tudo sobre a prova

6 de julho
ciências da natureza e suas tecnologias
Imagem do autor
Escrito porCamilla Rodrigues

Se você pretende ingressar na universidade, um dos caminhos é fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A prova é aplicada anualmente em todo o país, em dois domingos, e é composta por 180 questões objetivas e uma redação.

As questões são divididas da seguinte maneira: 45 de Linguagens e 45 de Ciências Humanas no primeiro dia de provas. Já no segundo dia, 45 questões de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e 45 questões de Matemática.

Encontre bolsas de estudo de até 80%

No texto de hoje, vamos te explicar tudo o que você precisa saber sobre a prova de Ciências da Natureza, como as questões mais cobradas dentro de cada disciplina e algumas dicas para tirar uma excelente nota. Confira!

ciências da natureza e suas tecnologias
Imagem de jannoon028 no Freepik

O que são as Ciências da Natureza e suas Tecnologias?

No Enem, a prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias é composta por questões que têm como objetivo avaliar o domínio dos estudantes em relação aos princípios, conceitos, processos e aplicações das ciências naturais, incluindo Física, Química e Biologia, bem como suas conexões com as tecnologias.

Dentro desse campo, a Física explora os princípios que regem o funcionamento do universo, desde partículas subatômicas até fenômenos cósmicos, e suas aplicações tecnológicas. A Química estuda a composição, estrutura e transformações da matéria, bem como as tecnologias relacionadas à síntese de materiais, processos industriais e desenvolvimento de produtos químicos. A Biologia investiga a vida em todas as suas formas, desde moléculas e células até ecossistemas complexos, e suas tecnologias associadas à medicina, genética, meio ambiente e biotecnologia.

O Enem busca avaliar não apenas a memorização de conteúdos específicos, mas também a capacidade dos estudantes de compreender e interpretar fenômenos naturais, relacioná-los com as tecnologias e aplicar o conhecimento científico em diferentes contextos.

Portanto, é fundamental estudar e dominar os conceitos e princípios das Ciências da Natureza, bem como suas aplicações tecnológicas, a fim de obter uma boa pontuação e demonstrar um sólido entendimento desses campos de conhecimento.

Quais as competências e habilidades cobradas em Ciências da Natureza?

A prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias do Enem vai além do conhecimento teórico das disciplinas de Física, Química e Biologia. Ela avalia também as competências e habilidades dos estudantes. Vamos explicar cada uma delas:

Competência 1 – Compreender as ciências naturais e as tecnologias:

H1: Reconhecer características de fenômenos ondulatórios e oscilatórios e seus usos em diferentes contextos.

H2: Associar a solução de problemas com o desenvolvimento científico e tecnológico em áreas como comunicação, transporte e saúde.

H3: Confrontar interpretações científicas com interpretações baseadas no senso comum ao longo do tempo ou em diferentes culturas.

H4: Avaliar propostas de intervenção no ambiente considerando a qualidade de vida humana e a conservação da biodiversidade.

Competência 2 – Identificar e aplicar tecnologias:

H5: Dimensionar circuitos elétricos ou dispositivos de uso cotidiano.

H6: Relacionar informações em manuais de instalação ou utilização de aparelhos ou sistemas tecnológicos comuns.

H7: Selecionar testes de controle e critérios para comparação de materiais e produtos visando a defesa do consumidor, saúde e qualidade de vida.

Competência 3 – Associar intervenções ambientais com processos produtivos e sociais:

H8: Identificar etapas em processos de obtenção, transformação e utilização de recursos naturais, considerando processos biológicos, químicos e físicos.

H9: Compreender a importância dos ciclos biogeoquímicos, fluxo de energia e ação de agentes que podem causar alterações nesses processos.

H10: Analisar perturbações ambientais, identificando fontes, transporte e destino dos poluentes, além de prever efeitos em sistemas naturais, produtivos e sociais.

H11: Reconhecer benefícios, limitações e aspectos éticos da biotecnologia, considerando estruturas e processos biológicos envolvidos.

Competência 4 – Compreender interações entre organismos e ambiente:

H13: Reconhecer mecanismos de transmissão da vida e explicar características dos seres vivos.

H14: Identificar padrões em processos vitais dos organismos, como equilíbrio interno, defesa, relações com o ambiente e sexualidade.

H15: Interpretar modelos e experimentos para explicar fenômenos ou processos biológicos em diferentes níveis de organização.

H16: Compreender o papel da evolução na produção de padrões, processos biológicos e organização taxonômica dos seres vivos.

ciências da natureza e suas tecnologias
Imagem de 8photo no Freepik

Competência 5 – Aplicar métodos e procedimentos das ciências naurais:

H17: Relacionar informações apresentadas em diferentes formas de linguagem e representação nas ciências físicas, químicas e biológicas.

H18: Relacionar propriedades físicas, químicas e biológicas de produtos, sistemas ou procedimentos tecnológicos às suas finalidades.

H19: Avaliar métodos das ciências naturais que contribuam para diagnosticar ou solucionar problemas sociais, econômicos ou ambientais.

Competência 6 – Utilizar conhecimentos da física em situações-problema:

H20: Caracterizar causas ou efeitos de movimentos de partículas, substâncias, objetos ou corpos celestes.

H21: Utilizar leis físicas e químicas para interpretar processos naturais ou tecnológicos relacionados à termodinâmica e ao eletromagnetismo.

H22: Compreender fenômenos decorrentes da interação entre radiação e matéria em processos naturais, tecnológicos, biológicos, sociais, econômicos e ambientais.

H23: Avaliar possibilidades de geração, uso ou transformação de energia considerando implicações éticas, ambientais, sociais e econômicas.

Competência 7 – Utilizar conhecimentos da química em situações-problema:

H24: Utilizar códigos e nomenclaturas da química para caracterizar materiais, substâncias e transformações químicas.

H25: Caracterizar materiais, substâncias e identificar implicações biológicas, sociais, econômicas e ambientais de sua obtenção ou produção.

H26: Avaliar implicações sociais, ambientais e econômicas na produção e consumo de recursos energéticos ou minerais, identificando transformações químicas ou de energia envolvidas.

H27: Avaliar propostas de intervenção no meio ambiente aplicando conhecimentos químicos e observando riscos ou benefícios.

Competência 8 – Utilizar conhecimentos da biologia em situações-problema:

H28: Associar características adaptativas dos organismos com seu modo de vida ou limites de distribuição em ambientes brasileiros.

H29: Interpretar experimentos ou técnicas que utilizam seres vivos, analisando implicações para o ambiente, saúde e produção de alimentos ou produtos industriais.

H30: Avaliar propostas de preservação e implementação da saúde individual, coletiva e do ambiente.

+ Segundo dia do Enem 2022: 7 dicas para se dar bem

+ Quanto vale cada área do conhecimento no Enem?

Matérias que mais caem em Ciências da Natureza e suas tecnologias no Enem?

 Para se sair bem em Ciências da Natureza e suas tecnologias, é essencial dominar os conteúdos específicos de cada matéria e estar familiarizado com as competências e habilidades exigidas. Vamos explorar as principais características e tópicos cobrados em cada uma das disciplinas que compõe essa área de conhecimento.

Física

A Física é a ciência que estuda os fenômenos naturais e as leis que os regem. Na prova do Enem, essa disciplina é abordada por meio de situações-problema, nas quais é necessário aplicar conhecimentos teóricos na resolução de questões. Alguns tópicos frequentemente cobrados são:

  • Mecânica: estuda o movimento e suas causas, envolvendo temas como cinemática, dinâmica, leis de Newton e energia.
  • Termodinâmica: aborda os conceitos de calor, temperatura, transferência de calor, leis da termodinâmica e processos de transformação de energia térmica.
  • Óptica: trata dos fenômenos relacionados à luz, como reflexão, refração, difração e interferência.
  • Eletricidade e magnetismo: envolve conceitos de eletricidade, circuitos elétricos, magnetismo e eletromagnetismo.

Química

A Química estuda as propriedades, estruturas, transformações e composição da matéria. Na prova de Ciências da Natureza e suas tecnologias, os conhecimentos químicos são avaliados por meio de questões que requerem a aplicação dos conceitos e a interpretação de informações. Os assuntos que mais caem são:

  • Química orgânica: estuda os compostos de carbono, suas reações e suas aplicações na vida cotidiana, como hidrocarbonetos, álcoois, éteres, aldeídos, cetonas, ácidos carboxílicos e ésteres.
  • Química inorgânica: abrange os elementos e compostos químicos que não contêm carbono, como metais, não metais, ácidos, bases, sais e óxidos.
  • Estequiometria: trata das relações quantitativas entre os reagentes e produtos nas reações químicas, incluindo cálculos de massa, volume e concentração.
  • Cinética química: estuda a velocidade das reações químicas, fatores que a influenciam e mecanismos de reação.
  • Equilíbrio químico: envolve o estudo das reações reversíveis, constantes de equilíbrio e deslocamento de equilíbrio.

Biologia

A Biologia é a ciência que estuda os seres vivos e os processos relacionados à vida. Na prova de Ciências da Natureza e suas tecnologias, ela aparece de forma integrada, enfatizando a compreensão dos sistemas e interações biológicas. Os temas mais cobrados são:

  • Ecologia: estuda as relações entre os seres vivos e o meio ambiente, abordando temas como cadeias alimentares, fluxo de energia, ciclos biogeoquímicos, ecossistemas, sucessão ecológica, conservação e impactos ambientais.
  • Genética e evolução: envolve o estudo dos genes, hereditariedade, mutações, diversidade genética, seleção natural, especiação e evidências evolutivas.
  • Anatomia e fisiologia: abrange a estrutura e funcionamento dos sistemas biológicos, como o sistema circulatório, respiratório, nervoso, endócrino, digestório, reprodutor, entre outros.
  • Biologia celular: trata da estrutura e função das células, organelas celulares, metabolismo, reprodução celular, diferenciação celular e ciclo celular.
ciências da natureza e suas tecnologias
Imagem de Freepik

Como estudar Ciências da Natureza para o Enem?

Estudar Ciências da Natureza e suas tecnologias para o Enem pode ser desafiador, mas com uma abordagem adequada, é possível se preparar de forma eficiente. Aqui estão algumas dicas para ajudar você a se preparar para essa disciplina:

  • Conheça o conteúdo: familiarize-se com os tópicos frequentemente cobrados nessa área de conhecimento, como Física, Química e Biologia. Consulte o edital do Enem e os descritores de cada competência e habilidade para entender o que é exigido.
  • Resolva questões anteriores: uma das melhores formas de se preparar para o Enem é resolver questões de provas anteriores. Isso ajuda a conhecer o estilo das questões, a praticar o tempo de resposta e a identificar os tópicos em que você precisa se aprimorar.
  • Faça simulados: simular, praticar o tempo de resolução de cada questão e acompanhar seu desempenho é fundamental. Isso ajuda a identificar pontos fracos e fortalecer suas habilidades.

Estudando para ingressar na graduação? Saiba onde fazer a sua faculdade:

+ Redação Enem: O Guia Completo para a nota 1000!

+ Enem 2024: o que muda após suspensão do Novo Ensino Médio?

Facul sem treta? É aqui mesmo!
Facul sem treta? É aqui mesmo!

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.