São vários os motivos que podem levar alguém a abrir o próprio negócio: realização pessoal, busca por qualidade de vida, liberdade e independência para conduzir a própria carreira, possibilidade de bons ganhos financeiros ou a mera necessidade em meio à crise do trabalho tradicional. 

Segundo uma pesquisa feita pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), 2 em cada 3 jovens brasileiros planejam se tornar empreendedores. 

Como você deve imaginar, conhecimento e preparo são fundamentais para se tornar um empreendedor ou empresário de sucesso. Portanto, investir em uma faculdade na área costuma ser uma ótima ideia.

Um dos cursos superiores mais procurados por quem deseja empreender é o bacharelado em Administração, mas hoje existe uma alternativa de formação mais rápida e focada no mercado de trabalho: a graduação tecnológica em Empreendedorismo, com duração de 2 anos (4 semestres). 

De acordo com o portal e-MEC, base de dados oficial dos cursos e instituições de ensino superior, existem cerca de 30 faculdades brasileiras habilitadas a oferecer a graduação tecnológica em Empreendedorismo. Todas elas são particulares e, em sua maioria, disponibilizam o curso na modalidade EAD (a distância). 

O que se estuda no curso de Empreendedorismo

A faculdade de Empreendedorismo é composta, principalmente, por disciplinas das áreas de Administração, Marketing, Direito e Inovação. 

O objetivo é formar profissionais com uma visão ampla dos negócios e que tenham as seguintes habilidades:

  • Preparar planos de negócios, minimizando riscos
  • Tomar decisões a partir de projeções de retorno financeiro
  • Interpretar e aplicar instrumentos de administração financeira
  • Conhecer responsabilidades e implicações legais de seu serviço ou produto
  • Compreender os cenários regional, nacional e global da área de negócios e inovação
  • Acompanhar os avanços tecnológicos e, com base neles, elaborar e conduzir projetos de inovação

Como exemplo, conheça a grade de disciplinas da graduação em Empreendedorismo oferecida pela Universidade Anhanguera:

  • Análise de Custos
  • Competitividade para Novos Negócios
  • Comportamento do Consumidor
  • Comportamento Organizacional
  • Composto Mercadológico
  • Criação de Empresas
  • Desenvolvimento Pessoal e Profissional
  • Direito Empresarial
  • Empreendedorismo
  • Ética e Relações Humanas no Trabalho
  • Gestão de Relacionamento com o Cliente
  • Inovação e Criatividade para os Novos Negócios
  • Matemática
  • Pesquisa Mercadológica
  • Planejamento Estratégico
  • Planejamento Financeiro e Orçamentário
  • Processos Gerenciais
  • Responsabilidade Social e Meio Ambiente
  • Técnicas de Negociação
  • Tecnologias de Gestão
  • Projeto Interdisciplinar Aplicado ao Empreendedorismo (em todos os semestres)

Lembrando que esse é apenas um exemplo, pois o nome e oferecimento das disciplinas pode variar de instituição para instituição.

Campos de atuação

A formação em Empreendedorismo prepara o profissional para abrir e conduzir um negócio próprio. 

Mas saiba que essa não é a única possibilidade para quem conclui um curso na área: o tecnólogo em Empreendedorismo também pode atuar em diferentes cargos de gestão e inovação nas organizações.

Como o diploma obtido ao fim do curso é de curso superior (graduação), o profissional formado também está apto a prestar concursos públicos que exigem esse nível de formação e a se matricular em cursos e programas de pós-graduação.

Como funciona um curso EAD

Nos cursos a distância, o conteúdo das disciplinas é disponibilizado em uma plataforma digital de aprendizagem. 

Nela, os estudantes têm acesso a videoaulas, materiais de leitura, atividades, fóruns de discussão e chats com tutores e professores.

Eventualmente, é necessário comparecer ao polo de ensino de sua cidade para participar de atividades práticas e certas avaliações. 

O volume de atividades realizadas no polo de ensino varia de uma instituição para outra. 

Quando o curso tem um número maior de aulas ou de encontros presenciais, ele recebe a denominação de “semipresencial” – uma opção oferecida, por exemplo, pela Universidade Norte do Paraná (UNOPAR).

Vantagens do curso a distância

Os cursos EAD são uma ótima escolha para quem deseja economizar tempo e dinheiro. O estudante tem liberdade para organizar os próprios horários e locais de estudo – basta não perder os prazos de atividades e avaliações.

O aluno também desenvolve familiaridade com ferramentas digitais e de colaboração remota, característica muito valorizada no mercado de trabalho.

Além disso, os cursos a distância costumam ser bem mais baratos do que os presenciais. Vale destacar, aliás, que o diploma da faculdade EAD tem exatamente a mesma validade do que é obtido em um curso presencial.

Mensalidades e onde estudar

É possível encontrar opções bem econômicas para a graduação tecnológica em Empreendedorismo. Na Universidade Anhanguera, por exemplo, as mensalidades variam de R$ 130 a R$ 229, dependendo da cidade ou da unidade escolhida. Na Cruzeiro do Sul Virtual, o valor é semelhante: cerca de R$ 200 por mês.

Caso o valor pese no seu bolso, saiba que é possível concorrer a uma bolsa pelo ProUni (Programa Universidade para Todos, iniciativa do governo federal para estudantes de baixa renda) ou participar dos programas de descontos e incentivos das próprias universidades.

Agora, um ponto fundamental: escolha uma instituição que seja reconhecida e bem avaliada pelo MEC. 

Assim, você tem a garantia de que seu diploma será aceito em todo o território nacional, tanto no mercado de trabalho do setor privado quanto em concursos públicos. 

Preparamos uma lista de universidades particulares que cumprem todos esses requisitos e oferecem graduação tecnológica em Empreendedorismo no formato EAD:

Entre em contato com a instituição de seu interesse para saber mais sobre processos seletivos, mensalidades e opções de bolsas e descontos. 

Leia também:

Descubra quanto ganha um empresário

O que se estuda em Administração?

Você pretende fazer o curso superior em Empreendedorismo ou ainda está em dúvida? Conte para a gente nos comentários!