O administrador de empresas é o profissional que gerencia uma organização. Isso pode acontecer em diversas esferas, desde a gestão de alto nível, como no caso de um diretor ou presidente, até a de departamentos específicos, como Marketing, Recursos Humanos, Finanças, Tecnologia, etc.

Administração é o segundo curso com mais alunos matriculados, de acordo com o último Censo da Educação Superior. Perde apenas para Direito. Mesmo assim, não falta demanda por esse profissional no mercado. Onde há empresas, há necessidade de gestão.

Quer estudar Administração? Então confira agora mesmo quais são as matérias que você vai encontrar pela frente. Ao final, veja uma seleção com boas faculdades reconhecidas pelo MEC onde você poderá estudar com a certeza de que vai conseguir um diploma reconhecido no mercado. Vamos lá?

Estrutura e grade curricular do curso de Administração

O curso de Administração é um bacharelado que dura entre 4 e 5 anos, dependendo da instituição de ensino.

O objetivo é dar ao aluno conhecimentos amplos sobre gestão de empresas. Para isso, mistura disciplinas de Ciências Exatas e Humanas.

O estágio é obrigatório. Muitas faculdades possuem convênios com empresas, que contratam estudantes para trabalhar no mais diversos departamentos. Ao final da graduação, o aluno deve entregar um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Dê uma olhada em algumas das matérias que irão aparecer no seu percurso até o diploma de administrador:

Administração da Produção: Como planejar, organizar, administrar e fazer a manutenção dos sistemas de produção de uma empresa.

Contabilidade: A função da Contabilidade nas empresas, envolvendo desde relatórios contábeis até a utilização da Contabilidade como ferramenta de gestão empresarial.

Comportamento Organizacional: Como as pessoas se comportam dentro de uma empresa, seja nas relações entre colegas de trabalho ou entre chefes e subordinados. Também trata de padrões de comportamento de grandes e pequenos grupos e como liderar e incentivar a produtividade e competitividade da empresa a partir do desempenho de seus colaboradores.

Comunicação Empresarial: Principais modelos de comunicação empresarial, abordando a comunicação interna (com os colaboradores) e externa (com o público geral).

Direito: Noções de Direito Comercial (ou Empresarial) e de Direito do Consumidor, além de aspectos gerais de outras leis, como Código Civil e leis trabalhistas.

Economia Brasileira: Estuda a economia do Brasil ao longo da história.

Economias de Empresas: Como aplicar regras econômicas à gestão da empresa, levando em conta a realidade brasileira.

Legislação Tributária: Aborda a legislação sobre cobrança de impostos no Brasil e como a empresa deve proceder para se manter dentro da lei.

Marketing: Conceitos básicos de Marketing, que é o conjunto de técnicas e métodos utilizados para vender e promover um produto, bem ou serviço.

Sistemas Administrativos: Apresenta as melhores formas de administrar empresas de acordo com diversos cenários. Como estruturar uma empresa e criar departamentos que funcionem em harmonia.

Sociologia Aplicada à Administração: Qual a função das organizações na sociedade, qual a cultura das empresas e como os processos econômicos, históricos, sociais e culturais têm influência numa organização.

Teorias da Administração: Faz uma análise crítica das principais correntes do pensamento administrativo. Aborda a história, a evolução, os modelos de administração e o papel do administrador no mundo contemporâneo.

Teorias das Organizações: O papel dos administradores nas organizações, quais são os departamentos de uma empresa e diversas abordagens da Administração como ciência.

Teorias Econômicas: Aborda os princípios econômicos básicos, os sistemas econômicos, a lei de oferta e procura, equilíbrio e modelos de consumo.

Economias de Empresas: Como aplicar regras econômicas à gestão da empresa, levando em conta as políticas econômicas brasileiras.

Faculdades que oferecem o curso de Administração

E aí? Gostou do que se estuda no curso de Administração? O primeiro passo para ingressar nessa carreira é definir onde estudar. Você já tem alguma ideia?

A gente pode ajudar com uma seleção de faculdades de Administração reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC).

Você pode se perguntar: “Mas o que muda na minha vida se a faculdade tem ou não reconhecimento do MEC?”. Bem, uma avaliação positiva do MEC traz muitas consequências boas para você!

A primeira delas é a validade do diploma (sem o aval do MEC, o diploma não serve para nada!).

Outro fruto de uma boa avaliação do MEC é que com isso as faculdades podem participar de programas governamentais como o ProUni e o FIES, que ajudam quem não tem condições de pagar uma faculdade particular. O ProUni concede bolsas de estudo, enquanto o FIES é um financiamento estudantil. Nos dois casos, é preciso se encaixar em alguns critérios, como desempenho no Enem e renda familiar, e passar por um processo seletivo.

Quer conferir as faculdades bem avaliadas que participam dos programas? Dê uma olhada:

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) 

Universidade Estácio de Sá (UNESA) 

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) 

Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 

Universidade de Franca (UNIFRAN) 

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais 

E se você não pode participar do FIES ou ProUni por qualquer motivo, não desanime! Há várias formas de estudar pagando menos. Nas faculdades acima você vai encontrar programas de descontos, bolsas de estudos e até financiamentos sem burocracia!

Veja também:

Qual o salário de um administrador?

Vai cursar Administração? Já escolheu sua faculdade? Conte para a gente aqui nos comentários!