A profissão de psicólogo tem crescido bastante nos últimos anos. Além do trabalho tradicional em consultórios e clínicas, ele agora é um profissional disputado em empresas e indústrias.

Num primeiro momento pode parecer estranho um psicólogo atuando em indústrias e multinacionais, mas a verdade é que os departamentos de Recursos Humanos e Recrutamento dessas empresas estão cada vez mais interessados em profissionais que conheçam a fundo o comportamento de funcionários e consumidores.

O lado tradicional da profissão também cresceu no País, principalmente depois que uma resolução da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) obrigou os planos de saúde a oferecerem tratamentos psicológicos aos seus clientes.

O psicólogo também pode atuar em escolas, centros de assistência e reabilitação de menores, presídios, hospitais, equipes esportivas, etc.

Veja a seguir quanto ganha um psicólogo e quais são as áreas mais promissoras desta carreira hoje!

Salário médio de um psicólogo

Antes de listar os salários possíveis dos psicólogos, um lembrete: muitos desses profissionais atuam de forma autônoma, às vezes em seus próprios consultórios, sem um salário fixo definido. Os valores apresentados abaixo são calculados com base no salário dos profissionais que trabalham como empregados em empresas de diversos portes.

Segundo o Banco Nacional de Empregos (BNE), o salário médio de um psicólogo no Brasil é de R$ 3.193.

O psicólogo pode ganhar acima ou abaixo desse valor, dependendo do tempo de experiência e do porte da empresa. Dá uma olhada:

  • Psicólogo em início de carreira: de R$ 1.572 a R$ 2.657
  • Com 2 a 4 anos de experiência: de R$ 1.965 a R$ 3.321
  • Com 4 a 6 anos de experiência: de R$ 2.456 a R$ 4.151
  • Com 6 a 8 anos de experiência: de R$ 3.070 a R$ 5.189
  • Mais de 8 anos de experiência: de R$ 3.838 a R$ 6.487

A pesquisa traz também valores médios para outras áreas de atuação do psicólogo. Confira:

  • Psicólogo Criminal: R$ 3.636
  • Psicólogo Jurídico: R$ 3.119
  • Psicólogo Social: R$ 3.088
  • Psicólogo Esportivo: R$ 2.915
  • Psicólogo Escolar: R$ 2.846
  • Psicoterapeuta: R$ 2.579

O Guia de Profissões e Salários da Catho revela que um psicólogo no Brasil ganha, em média, R$ 2.220, com máximo de R$ 3.600.

Os setores que oferecem melhor remuneração a esses profissionais são:

  • Sindicatos, associações e ONGs: média de R$ 2.421
  • Saúde: média de R$ 2.162
  • Prestadoras de serviço: média de R$ 2.087

A Catho apresenta ainda uma evolução salarial do psicólogo, com os ganhos desses profissionais em áreas distintas. Veja:

  • Psicólogo Social: R$ 1.836
  • Psicólogo Clínico: R$ 2.054
  • Psicólogo: R$ 2.220
  • Analista de Recursos Humanos: R$ 2.633
  • Coordenador de Recursos Humanos: R$ 4.448
  • Gerente de Recursos Humanos: R$ 7.363

Em alguns estados brasileiros, os salários dos psicólogos são os seguintes:

  • Minas Gerais: média de R$ 2.000 e máxima de R$ 3.000
  • Paraná: média de R$ 1.841 e máxima de R$ 2.600
  • São Paulo: média de R$ 2.228 e máxima de R$ 2.900

Melhores oportunidades para um psicólogo

Uma das alternativas para quem quer faturar alto na carreira de psicólogo é apostar no mercado corporativo.

Indústrias e grandes empresas pagam salários que podem chegar a R$ 50.000 a psicólogos em posição de direção no departamento de Recursos Humanos.

Para se dar bem neste mercado, no entanto, será preciso investir bastante em formação de alto nível (graduação, pós-graduações e MBAs), ter inglês fluente, visão de negócio e um currículo impecável.

Os psicólogos que optam por este caminho geralmente trabalham com gestão de pessoas, recrutamento, treinamento e desenvolvimento.

Confira a seguir alguns salários apresentados em um estudo da  Robert Half, uma das maiores agências de seleção de profissionais do mundo. Os salários mais baixos são pagos em empresas de pequeno e médio porte; os maiores, por grandes corporações:

  • Diretor de Recursos Humanos: de R$ 20.000 a R$ 50.000
  • Gerente de Recursos Humanos: de R$ 10.000 a R$ 25.000
  • Gerente de Treinamento e Desenvolvimento: de R$ 8.500 a R$ 23.000
  • Gerente de Administração de Pessoal: de R$ 8.000 a R$ 18.500

Piso salarial do psicólogo

Os psicólogos não têm um piso salarial único com validade em todo o Brasil. Alguns sindicatos estabelecem valores mínimos que podem variar de cidade para cidade.

Existe um Projeto de Lei em tramitação na Câmara dos Deputados para fixar o salário mínimo dos psicólogos em R$ 3.600, mas ainda não há previsão de quando (e se) será aprovado.

Para ajudar os psicólogos a terem uma ideia de quanto cobrar pelo próprio trabalho, o Conselho Federal de Psicologia disponibiliza uma tabela com referência de valores que pode ser usada por qualquer profissional. Veja alguns exemplos referentes aos procedimentos mais comuns:

  • Avaliação Psicológica: R$ 160
  • Consulta Empresarial: R$ 228
  • Recrutamento e Seleção de Pessoal: R$ 116
  • Orientação e Acompanhamento: R$ 115

Onde estudar para ser psicólogo

A graduação em Psicologia dura em média cinco anos e é fácil de encontrar nas principais faculdades públicas e privadas do País.

No entanto, você tem que ficar de olho na concorrência. Não é raro o curso aparecer entre os mais procurados dos vestibulares e do Sisu (Sistema de Seleção Unificada).

A maioria é de grau bacharelado, mas é possível encontrar também a opção de licenciatura em Psicologia – que é voltada para formação de professores ou orientadores educacionais que atuam no ensino fundamental, médio, técnico ou profissionalizante.

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer a graduação em Psicologia:

Universidades Privadas:

Universidades Públicas:

Veja também:

Quanto custa estudar Psicologia

Está pensando em ser psicólogo? Conte para a gente o que achou dos salários!