Quanto Ganha um Engenheiro Ambiental

A lei 4.950-A, de 1966 que regulamenta o salário de várias profissões como Engenharia, Química, Arquitetura, Agronomia e Veterinária, mostra que a tabela salarial do engenheiro está vinculada ao valor do salário mínimo vigente à jornada diária do profissional, independentemente do seu local de atuação. Veja quais são os valores* para as horas trabalhadas:

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos, o que equivale a R$ 4.344 mensais;
  • Jornada de 7 horas: 7,25 salários mínimos, o que equivale a R$ 5.249 mensais;
  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos, o quel equivale a R$ 6.154 mensais.

Confira algumas médias salariais nacionais para engenheiros ambientais, de acordo como o site Salariômetro, da FIPE:

  • Estágio em Engenharia Ambiental: R$ 882,67;
  • Analista Ambiental: R$ 3.097,28;
  • Engenheiro Ambiental: R$ 5.542,22;
  • Supervisor de Meio Ambiente: R$ 4.102,85;
  • Gerente de Saúde, Segurança e Meio Ambiente: R$ 12.527,49;
  • Supervisor de Mineração: R$ 5.155,01.

Setor Público

Os órgãos púbicos são os que mais contratam o engenheiro ambiental

com a realização dos concursos públicos. Isso se dá pelo fato de o

governo se preocupar com o desenvolvimento sustentável. Muitas obras,

mesmo que pertencentes ao setor privado, necessitam de autorização das

prefeituras para serem feitas. Isso acaba por enriquecer muito a

profissão. O salário inicial de um engenheiro ambiental chega a R$ R$ 4.344, mas com o decorrer dos anos pode aumentar. O IBAMA é um exemplo de onde trabalhar no setor público.

Setor Privado

Este setor também se apresenta de forma bem promissora, podendo

trabalhar em indústrias ou como consultor ambiental de empresas. Confira

em quais áreas do setor privado o engenheiro pode trabalhar:

  • Mercado de crédito de carbono;
  • Controle de tratamento de efluentes e resíduos industriais e no planejamento e gestão ambiental da indústria;
  • Empresas de auditoria ambiental;
  • Estações de tratamento de água e esgoto;
  • Licenciatura de ensino superior;
  • Entidades de difusão de conhecimento científico e tecnológico;
  • Instituições de investigação;
  • Laboratórios de pesquisa;
  • Seguros de meio ambiente;
  • Fundos de investimento.

Mercado de trabalho para o engenheiro ambiental

O mercado de trabalho para o engenheiro ambiental varia de acordo com a situação econômica do país. Atualmente, devido à expansão da economia e ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), ele encontra-se aquecido. As regiões que oferecem as melhores oportunidades para o profissional formado nessa área são Sudeste e Sul, por causa da grande concentração de pólos industriais. O engenheiro ambiental pode atuar em diversas áreas. Confira algumas delas:

  • Planejamento ambiental;
  • Estudos de impacto ambiental;
  • Gerenciamento ambiental na empresa;
  • Estudos de clima;
  • Projetos de abastecimento e tratamento de água;
  • Tratamento de esgotos sanitários e industriais;
  • Mapeamento e recuperação de áreas degradadas;
  • Produção de biocombustíveis;
  • Drenagem urbana.

Exterior

Para os que desejam emprego no exterior, é necessário investir nas vagas das empresas. Um grande diferencial é a qualificação e por isso é importante prosseguir com os estudos mesmo depois de concluída a graduação e também dominar o idioma do país onde se deseja trabalhar.

A carreira do engenheiro ambiental

Esta profissão é voltada para a preservação da água,

do solo e do ar de modo a impor limites à exploração ambiental. Nos

primeiros anos do curso, as matérias estudadas são as comuns entre as

engenharias. Depois deste período, as matérias se tornam mais

específicas, e é neste momento que os estudantes passam a ter

conhecimento sobre os impactos ambientais. Como

várias outras carreiras, o curso dura em média 5 anos. O

futuro engenheiro será preparado para reduzir os impactos ambientais,

principalmente aqueles ligados às grandes obras, que são as que causam maiores danos ao meio ambiente. Além disso, o profissional também é treinado para o reflorestamento de grandes áreas.

Saiba mais sobre o curso de Engenharia Ambiental!

E você, o que achou da remuneração do engenheiro ambiental? Não deixe de compartilhar sua opinião!

*Salariômetro da FIPE - fevereiro 2015.