O Ministério da Educação (MEC) usa o Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia para classificar os cursos que formam profissionais tecnólogos de acordo com as áreas do conhecimento de cada graduação.

Essas áreas são chamadas de “Eixos tecnológicos” pelo MEC. Um desses eixos que tem a maior popularidade entre estudantes que procuram o ensino superior é o eixo de Gestão e Negócios.

Ele conta com 13 cursos tecnológicos e um dos mais populares entre eles é o de Comércio Exterior, voltado para preparar o profissional que vai atuar em empresas que possuem negócios que dependem de parceiros comerciais de países estrangeiros.

O curso tecnológico é costuma levar em média dois anos para ser concluído. Mas há também algumas universidades que oferecem o curso de bacharelado, que demora quatro anos para ser feito. Os dois formam alunos com diplomas de nível superior.

Conheça mais sobre o que se estuda em Comércio Exterior!

Confira a grade curricular e veja o que se estuda no curso de Comércio Exterior

Uma das características de cursos tecnológicos, como o de Comércio Exterior, é ter disciplinas que são voltadas para a prática da carreira, ou seja, o dia a dia das atividades profissionais na área.

Enquanto o tecnólogo foca mais seus estudos para atuação profissional e rápido ingresso no mercado, o bacharel vai passar por disciplinas mais básicas e de maior aprofundamento teórico durante a faculdade.

Mesmo assim, ambos os tipos de graduação seguem uma linha geral de disciplinas, com conteúdo principalmente da área de Administração, Direito, Economia e Matemática.

Veja algumas das principais disciplinas da grade curricular de Comércio Exterior:

  • Administração da Produção e Operações
  • Comércio Exterior e Logística Internacional
  • Custos Logísticos
  • Direito Aplicado aos Negócios
  • Direito e Contratos Internacionais
  • Direito Internacional Público e Privado
  • Direito Étnico-cultural
  • Economia Internacional
  • Estrutura das Demonstrações Financeiras
  • Ética e Responsabilidade Socioambiental
  • Finanças Internacionais e Prática Cambial
  • Funções Organizacionais
  • Gestão Aduaneira em Exportação
  • Gestão Aduaneira em Importação
  • Gestão da Distribuição Logística
  • Gestão das Relações Humanas
  • Gestão de Transportes
  • Legislação do Comércio Exterior
  • Língua Brasileira de Sinais (Libras)
  • Marketing Internacional
  • Métodos Quantitativos Aplicados à Gestão
  • Negociação do Comércio Exterior
  • Sistemas Gerenciais de Apoio à Decisão
  • Sistemática de Exportação
  • Sistemática de Importação
  • Técnicas Operacionais em Exportação e Importação
  • Transportes e Seguros no Comércio Exterior

A nomenclatura das disciplinas pode alterar em cada uma da faculdade, mas o conteúdo de Comércio Exterior segue a mesma matriz curricular, tanto para cursos presenciais como para o ensino a distância (EAD), sem alteração na validade do diploma após a conclusão do curso.

Há ainda espaço na carga horária de 1600h de curso para disciplinas optativas, que também variam de acordo com cada instituição que oferece o curso.

Qual a mensalidade de um curso de comércio Exterior?

Os valores de um curso de Comércio Exterior variam muito de acordo com as faculdades que oferecem a graduação, a localidade das unidades da instituição, tipo de formação e de modalidade em que o estudante pretende estudar.

Cursos tecnológicos de Comércio Exterior EAD costumam ter mensalidades mais baixas, que variam em média entre R$ 200 e R$ 400 por mês. No presencial, os preços são um pouco maiores e saem entre R$ 600 e R$ 1.200 por mês, em média.

O curso de bacharelado de Comércio Exterior costuma ficar acima de R$ 900, podendo chegar até a cerca de R$ 2.000, dependendo da instituição onde o curso é oferecido.

Quanto ganha uma pessoa que trabalha com Comércio Exterior?

Um dos atrativos do curso de Comércio Exterior é sua duração mais curta. Mas o que atrai muita gente também são as diversas possibilidades de carreira que esse curso oferece. E, geralmente, o salário pode ser outro fator de escolha nessas situações.

A Associação Brasileira de Consultoria e Assessoria em Comércio Exterior (ABRACOMEX) disponibilizou alguns dados da remuneração mensal de cargos ligados à área de Comércio Exterior.

Confira alguns:

  • Analista de Logística em Comércio Exterior: média de R$ 2.308,15 por mês
  • Despachante Aduaneiro: média de R$ 3.052,49 por mês
  • Supervisor de Operações Portuárias: média de R$ 3.706,71 por mês
  • Consultor de Comércio Exterior: média de R$ 5.201,00 por mês
  • Analista Internacional: média de R$ 6.117,58 por mês
  • Gerente de Negócios Internacionais: média de R$ 7.365 por mês
  • Gerente de Comércio Exterior: média de R$ 8.258,75 por mês

Onde estudar Comércio Exterior?

Outro momento importante de um processo de escolha da profissão é decidir onde estudar Comércio Exterior. Com tantas opções, é necessário fazer uma pesquisa para encontrar as faculdades que mais fazem sentido para o aluno ingressar.

Para isso, é necessário saber que apenas instituições certificadas pelo MEC podem emitir diplomas com validade no mercado de trabalho para os estudantes formados. Pensando nisso, selecionamos algumas faculdades com esse perfil para ajudar na sua pesquisa.

Confira a lista:

Essas instituições oferecem bolsas de estudo que reduzem as mensalidades do curso durante toda a formação do aluno.

Veja também:
Comércio Exterior: profissão, curso e carreira

E então, qual das disciplinas de Comércio Exterior você mais se interessou? Conte para a gente nos comentários abaixo!