Não, você não leu errado o título deste artigo: é possível, sim, fazer uma faculdade em apenas um ano.

São cursos específicos, direcionados a um público determinado, que permitem ao profissional expandir suas possibilidades de atuação.

O melhor de tudo: estão disponíveis num bom número de faculdades pelo país e também podem ser feitos a distância – com ainda mais tranquilidade e flexibilidade de tempo.

Conheça a seguir alguns dos melhores cursos superiores de 1 ano, veja as faculdades que oferecem essa possibilidade e algumas alternativas interessantes.!

Cursos superiores de 1 ano

Existem alguns cursos superiores com apenas um ano de duração, mas apenas em um contexto bem específico.

Trata-se, na verdade, de cursos complementares de nível superior que habilitam o profissional a atuar em outras áreas.

Portanto, são voltados a quem já tem um curso superior no currículo.

Essas formações são chamadas de Programa Especial de Formação de Docentes, mas atendem também pelo nome informal de “R2”.

Falando de forma geral, os R2 são cursos de preparação de professores. Em pouquíssimo tempo, eles proporcionam formação em grau de licenciatura para quem já é formado em um bacharelado ou num tecnólogo.

Em outras palavras, permitem que profissionais que atuam em outras áreas obtenham permissão formal, exigida pelo MEC, para atuar também como professor do ensino fundamental e médio ou da educação profissional.

O R2 oferece formação nas áreas básicas da licenciatura, como:

• Biologia

• Física

• Geografia

• História

• Matemática

• Português

• Química

Em apenas dois semestres, os alunos irão aprender as principais práticas educacionais relacionadas à área escolhida – didática, legislação educacional, metodologia de ensino, educação de jovens e adultos, prática de ensino, psicologia da educação, educação inclusiva e muito mais.

Uma alternativa ao R2 é o curso de Pedagogia para Licenciados. O modelo aqui é similar, só que em vez de contemplar bacharéis e tecnólogos, é direcionado a quem já se formou em qualquer curso de licenciatura (educação física, ciências biológicas, química, física, geografia, etc.). A ideia é fornecer conhecimentos específicos da Pedagogia a esse pessoal.

Com isso, eles podem se apresentar no mercado também como pedagogos. A duração é de um ano e a grade curricular inclui as disciplinas clássicas da área, com todos os fundamentos e práticas necessários.

Os cursos de R2 e de Pedagogia para Licenciados são oferecidos de forma presencial e a distância em algumas das principais faculdades particulares do país e têm o aval do MEC.

Na Cruzeiro do Sul Virtual (a distância), por exemplo, você encontra as duas opções.

As mensalidades também são bem atraentes: menos de R$ 300, em média.

Alternativas aos cursos superiores de 1 ano

Você viu, no tópico anterior, que não existe curso superior de 1 ano para quem ainda não tem diploma.

Mas nem por isso precisa desistir da sua busca!

Nas faculdades brasileiras há uma gigantesca oferta de cursos superiores de curta duração que você pode fazer para turbinar a carreira.

Eles duram apenas dois anos (alguns mais) e estão disponíveis em todas as áreas do conhecimento.

Estamos falando dos tecnólogos, ou cursos superiores de tecnologia, que estão fazendo o maior sucesso por aqui – seja no presencial, seja no EAD.

Para melhorar, os tecnólogos podem ser encontrados em milhares de faculdades pelo país, tanto nas públicas quanto nas particulares.

São mais de 300 opções para você escolher. Dê uma olhada na diversidade de cursos disponíveis por aqui:

• Agronegócio

• Análise e Desenvolvimento de Sistemas

• Arqueologia

• Big Data e Inteligência Analítica

• Biocombustíveis

• Comércio Exterior

• Comunicação Digital

• Cosmetologia e Estética

• Dança

• Design

• Design de Interiores

• Empreendedorismo

• Fotografia

• Gastronomia

• Gestão Ambiental

• Gestão Comercial

• Gestão de Marketing

• Gestão de Recursos Humanos

• Gestão de Segurança Privada

• Gestão Financeira

• Gestão Hospitalar

• Jogos Digitais

• Mecânica

• Mídias Sociais

• Processos Gerenciais

• Radiologia

• Turismo

Não custa reforçar que os tecnólogos são cursos superiores reconhecidos pelo MEC e têm um diploma válido e bem aceito no mercado de trabalho. Os portadores do documento podem disputar vagas na área de formação, fazer concursos públicos ou dar prosseguimento aos estudos em cursos de pós-graduação.

Onde encontrar cursos superiores de curta duração

Aproximadamente um milhão de brasileiros já optaram por um curso superior de tecnologia.

Eles sabem que, em pouco tempo de estudos, conseguirão ser absorvidos por um mercado de trabalho cada vez mais competitivo e carente de mão de obra qualificada.

Muitos deles também estão estudando a distância, com aval do Ministério da Educação.

Os cursos podem ser encontrados principalmente nas faculdades particulares.

Anualmente são oferecidas cerca de 2,3 milhões de vagas nessas graduações todos os anos – ou seja: não vai faltar opção para você!

Encontrar a faculdade ideal é fácil: observe, antes de tudo, se a instituição é autorizada pelo MEC – isso é essencial para ter um diploma reconhecido no mercado de trabalho. Depois, verifique se o curso oferecido foi bem avaliado, o que garante uma formação valorizada no mercado de trabalho.

Se você quiser conhecer algumas faculdades que oferecem cursos superiores de curta direção, nós temos algumas sugestões bem legais. Clique e conheça:

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)

Cruzeiro do Sul Virtual (a distância)

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais

 Veja também:

Tecnólogo ou bacharelado? Qual o melhor? Saiba mais!

E aí, o que achou dos cursos superiores de curta duração? Qual deles é o ideal para você? Conte para a gente nos comentários!