Já pensou em fazer um curso superior que une duas das habilidades mais desejadas no mercado de trabalho?

Engenharia de Produção é o curso ideal para quem demonstra competência tanto para lidar com números quanto com a gestão de empresas, pois alia Engenharia e Administração em uma só graduação.

A formação é bastante procurada no Brasil, mas quem estuda nas melhores faculdades tem mais chances de se dar bem no mercado.

Quer saber quais instituições são essas?

A seguir, conheça as melhores faculdades de Engenharia de Produção!

O curso de Engenharia de Produção

Engenharia de Produção tem cinco anos de duração. Hoje, cerca de 670 faculdades têm autorização do Ministério da Educação (MEC) para oferecer o curso.

Desse total, 78 está na rede pública e 592 na particular!

Entre as particulares, muitas oferecem a possibilidade de estudar a distância.

No total, são quase 160 mil alunos matriculados, levando o curso à lista dos mais buscados do país!

Engenharia de Produção trata de diferentes processos produtivos, levando em conta a concepção, a implantação e a operação de projetos que mirem a maior produtividade e otimização de custos.

É a Engenharia mais próxima às ciências humanas. Mistura conhecimentos da matemática, da física e da química com fundamentos da administração, gestão, economia.

O engenheiro de produção tem várias atribuições:

  • Pensar e desenvolver sistemas produtivos que possam ser utilizados em setores da indústria, prestação de serviço, transportes, educação, etc.
  • Administrar sistemas de logística e suprimentos.
  • Analisar e propor alterações ou novas soluções em métodos produtivos, especialmente na indústria.
  • Gerir recursos financeiros em diferentes tipos de organização.
  • Gerenciar recursos humanos.
  • Implementar e acompanhar projetos de aumento de qualidade.
  • Estudar indicadores de performance produtiva e fornecer insumos para tomada de decisões estratégicas.
  • Desenvolver máquinas e equipamentos tecnológicos que ajudem o processo de produção.

Por sua importância estratégica dentro de uma organização, as empresas preferem contratar os engenheiros de produção formados nas melhores faculdades.

Quer saber quais são elas? Se liga no próximo tópico!

As melhores faculdades de Engenharia de Produção

Os melhores cursos de Engenharia de Produção nem sempre se encontram nas faculdades mais conhecidas.

O ensino de qualidade muitas vezes está onde você menos imagina.

Por isso é tão importante pesquisar antes de correr atrás de uma vaga em Engenharia de Produção.

Para descobrir quais faculdades oferecem os melhores cursos, a gente fez uma pesquisa junto ao governo federal. O MEC tem um sistema contínuo de avaliação que é referência em todo o país.

O sistema de avaliação é elaborado seguindo critérios rigorosos, que se consolidam com uma visita presencial dos técnicos do MEC à faculdade a ser avaliada.

Para determinar se um curso é bom são levados em conta critérios como:

  • Infraestrutura geral da faculdade: instalações de salas, espaços de convivência, laboratórios, bibliotecas, etc.
  • Nível de formação dos professores envolvidos: quanto mais mestres e doutores, melhor!
  • Proposta pedagógica do curso.
  • Inovação e produção científica.
  • Tecnologia empregada no processo de ensino-aprendizagem.
  • Nota geral dos alunos no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes, o Enade.

Esses fatores são organizados em indicadores e recebem notas que variam até 5.

Um curso com nota 0 a 2 em qualquer um dos quesitos indica deficiência. Melhor evitar.

Dê preferência àqueles com notas entre 3 e 5 nos quesitos de avaliação – e, melhor ainda, se as notas forem entre 4 e 5.

A gente separou as melhores faculdades presenciais e EAD para você conhecer.

Melhores faculdades presenciais de Engenharia de Produção

  • Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (IFES)
  • Universidade de Passo Fundo (UPF)
  • Universidade Feevale (FEEVALE)
  • Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE)
  • Universidade La Salle (UNILASALLE)
  • Universidade Vila Velha (UVV)
  • Centro Universitário Unicarioca (UNICARIOCA)
  • Universidade do Vale do Taquari (UNIVATES)
  • Centro Universitário da Fundação Herminio Ometto (FHO)
  • Faculdade Brasileira Multivix Vitória (MULTIVIX VITÓRIA)
  • Faculdade do Centro Leste (UCL)
  • Centro Universitário da Serra Gaúcha (FSG)
  • Centro Universitário de Jaguariúna (UNIFAJ)

Melhores faculdades EAD de Engenharia de Produção

  • Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 
  • Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) 
  • Universidade de Franca (UNIFRAN) 
  • Universidade Federal Fluminense (UFF)
  • Universidade Nove de Julho (UNINOVE)
  • Faculdade de Engenharia de Minas Gerais (FEAMIG)
  • Universidade de Uberaba (UNIUBE)
  • Faculdade Educacional da Lapa (FAEL)
  • Faculdade Multivix Serra (MULTIVIX SERRA)
  • Centro Universitário Internacional (UNINTER)
  • Centro Universitário de Excelência Eniac (ENIAC)
  • Faculdade Capivari (FUCAP)
  • Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF)
  • Centro Universitário Redentor (FACREDENTOR)
  • Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU)

Detalhe importante: como muitos cursos de Engenharia de Produção EAD foram implementados recentemente, não deu tempo ainda de formar a primeira turma. Por isso vários ainda não trazem dados de avaliação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes – o que só deve acontecer nos próximos anos.

Como conseguir vaga nas melhores faculdades de Engenharia de Produção

Às vezes, entrar em uma faculdade de qualidade pode ser mais fácil do que muita gente imagina, especialmente porque a maioria das vagas em Engenharia de Produção está na rede privada de ensino.

Nela dá para disputar vaga por meio dos vestibulares tradicionais (alguns são bem simples, apenas uma prova de redação) ou pelo ingresso direto, sistema que utiliza a nota do Enem sem necessidade de prestar mais um exame.

Como nesses casos as mensalidades podem ser um problema – algumas faculdades custam acima de R$ 1.500 por mês – os alunos podem entrar na disputa por uma bolsa de estudos integral ou parcial pelo ProUni ou financiar os estudos pelo FIES. Em ambos os casos também é preciso ter feito o Enem.

Para quem quer estudar em uma instituição pública, o ingresso na maioria das universidades públicas ou institutos federais de educação acontece por meio do Sisu, o programa que usa a nota do Enem mais recente. Engenharia de Produção é um curso bastante concorrido, por isso é importante ter uma baita nota para garantir a entrada.

Onde estudar Engenharia de Produção com bolsa e financiamento

Se você está com o bolso apertado, recorrer a programas de bolsas de estudos e financiamento para cursar Engenharia de Produção é uma ótima pedida.

Selecionamos algumas ótimas faculdades que oferecem essas facilidades:

Veja também:

Preço da faculdade de Engenharia de Produção

Vai fazer Engenharia de Produção em alguma dessas faculdades? Conte para a gente nos comentários!