Um fato que muitos estudantes não sabem é que existem chances de conseguir entrar no curso superior escolhido mesmo após não ter sido selecionado nas chamadas regulares da faculdade. Isso porque, há muitos casos em que os candidatos pré-selecionados não efetivam a matrícula e assim não garantem a vaga. 

Encontre bolsas de estudo de até 80%

[caption id="attachment_19528" align="alignnone" width="300"]As vagas remanescentes são mais uma opção do estudante conseguir entrar no curso que deseja Arquivo/Agência Brasil[/caption]

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), as vagas remanescentes são aquelas que não foram ocupadas no decorrer dos processos seletivos regulares. Ou seja, aquelas que “sobraram” no processo por variados motivos, como a desistência dos candidatos, documentação incompleta ou não comparecimento à instituição, por exemplo.

Como funcionam as vagas remanescentes?

Após um certo período de verificação de quantos candidatos não efetivaram a matrícula e quais cursos não totalizaram a quantidade de inscritos para fechar a turma, as instituições disponibilizam as vagas ainda não preenchidas para que as pessoas interessadas que não foram selecionadas nas chamadas regulares possam então se candidatar. 

Em muitas das instituições de ensino superior da rede pública que utilizam o Sisu para realizar o processo seletivo, as vagas remanescentes também são disponibilizadas pelo programa. Já no caso das universidades e faculdades privadas, há ainda a possibilidade de concorrer a uma vaga remanescente por meio do Prouni e Fies

Cada programa funciona de uma forma e tem um objetivo específico, veja abaixo:

Como funcionam as vagas remanescentes no Sisu?

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é um programa gratuito do MEC por meio do qual o estudante consegue concorrer a uma vaga em universidades públicas sem precisar realizar o vestibular próprio da instituição. Para isso, utiliza a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para classificar os candidatos.

Assim, ao final do processo seletivo, o Sisu oferece as vagas remanescentes das instituições de ensino superior para aqueles que não foram selecionados em nenhuma das duas opções de curso da chamada regular ou não manifestaram interesse em se inscrever para a lista de espera. 

Entretanto, para ficar sabendo quando ocorrerá a abertura das vagas e quem foi selecionado, é preciso consultar o portal do Sisu com certa regularidade para não perder a oportunidade. 

Veja também: Inscrições para o Sisu 2022 estão abertas

Como funcionam as vagas remanescentes no Prouni?

O Programa Universidade para Todos (Prouni) é um programa que oferece bolsas de estudos em faculdades particulares para estudantes de baixa renda que ainda não tenham um diploma de nível superior, por meio da nota do Enem. Assim, aqueles que obtiveram boas notas no exame, mas não conseguem pagar a mensalidade, ainda têm a oportunidade de entrar no curso superior que desejam. 

No caso do Prouni, as vagas remanescentes são abertas após o processo de lista de espera ser encerrado. A seleção dos candidatos é feita por ordem de inscrição e não de acordo com as maiores notas, como acontece na lista de espera.

Mas, atenção: a seleção para vagas remanescentes é tida como um “novo” processo seletivo, ou seja, quem já tinha se inscrito da primeira vez, terá que se inscrever novamente caso queira concorrer a uma vaga remanescente. 

Como funcionam as vagas remanescentes no Fies?

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) também é voltado para aqueles aprovados em instituições de ensino privadas. Entretanto, diferente do Prouni que concede bolsas, é um programa que faz um financiamento das mensalidades do curso, para que o aluno comece a pagar somente após a formação. 

Em relação às vagas remanescentes, em 2021 o MEC definiu que seriam preenchidas pela classificação geral dos estudantes de acordo com suas notas do Enem. Antes, as vagas eram ocupadas por ordem de inscrição dos candidatos. 

Leia mais: Inscrições para o Prouni 2022 estão abertas 

+ Tudo que você precisa saber sobre o Prouni

Quais faculdades têm vagas remanescentes?

Em algumas instituições de ensino superior privadas, para completar as vagas remanescentes, ocorre a realização de um novo vestibular, semelhante ao tradicional, em que o candidato deve fazer a prova novamente e ser aprovado para então preencher a vaga. 

Algumas instituições ainda utilizam a opção do “vestibular agendado” para preencher as vagas. Assim, neste caso, o estudante interessado deve fazer uma nova prova com horário e data definidos, mas que pode ser feita pela internet ou na própria instituição. 

Já nas universidades e faculdades públicas, o processo de vagas remanescentes ocorre da mesma forma que o tradicional, ou seja, também por meio do Sisu. Assim, é preciso ficar atento aos site e calendário do programa para saber quando é possível se candidatar para as vagas em aberto.

Quem pode concorrer às vagas remanescentes?

Nas faculdades e universidades com vestibular próprio, caso a pessoa tenha se inscrito para realizar o processo seletivo e tenha realizado a prova, ela pode também concorrer às vagas remanescentes conforme estas forem sendo disponibilizadas pela instituição.

No caso do Sisu, podem concorrer às vagas remanescentes todos aqueles que fizeram o último Enem, não zeraram a redação e tenham participado da seleção regular do Sisu do mesmo ano. 

Tanto para o Prouni quanto para o Fies, podem se inscrever para as vagas remanescentes os estudantes brasileiros que não possuam curso superior e que tenham participado do Enem a partir de 2010. A média mínima requisitada é de 450 pontos nas provas e não ter zerado a redação, assim como também a renda mensal de até três salários-mínimos por pessoa da família. 

É importante destacar que para concorrer às bolsas integrais no Prouni, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. Além disso, o candidato à receber bolsa no Prouni deve possuir pelo menos um dos três requisitos:

  • Ter feito o ensino médio completo em escola da rede pública ou em escolas particulares como bolsista integral; 
  • Ser pessoa com deficiência;
  • Ser professor efetivo da rede pública de ensino (não precisa comprovar renda nesse caso).

Leia também: Saiba tudo sobre as inscrições para o Fies 2022

Quando acontece a chamada para as vagas remanescentes?

O período até a abertura de vagas remanescentes varia de acordo com a instituição. Isso porque, no caso das instituições de ensino privadas com vestibular próprio, por exemplo, as vagas remanescentes serão abertas após o término do processo seletivo regular.

Em relação às faculdades e universidades públicas e aos programas do governo, é preciso ficar atento ao calendário disponibilizado nos sites oficiais e também aos informativos que saem na imprensa. Na grande maioria das vezes, as chamadas para as vagas remanescentes ocorrem após o encerramento da lista de espera.

Onde estudar

Para você que está estudando para fazer o vestibular em busca da vaga no curso superior que deseja, confira abaixo uma lista com universidades conhecidas muito bem avaliadas pelo MEC que também que podem te interessar: