Fazer faculdade de Educação Física no Brasil custa por volta de um salário mínimo, valor que está além das possibilidades financeiras de muita gente. No entanto, a variação de preços é grande e dá para encontrar bons cursos cobrando menos do que isso.

A graduação está disponível em dois tipos de formação: bacharelado e licenciatura. Apesar de formarem profissionais com perfis diferentes, o valor da mensalidade é semelhante.

Veja aqui os preços das faculdades de Educação Física, a diferença entre os tipos de curso e quais são as alternativas para conquistar seu diploma sem estourar o orçamento!

Mensalidades de Educação Física

Não se assuste com o valor da mensalidade de Educação Física. Tem várias opções para pagar menos. Enquanto isso, dê uma espiada em alguns exemplos, separados por faixas de preço.

Faculdade de Educação Física por menos de R$ 800

Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)

Universidade de Franca (UNIFRAN) 

• Universidade Castelo Branco (UCB)

Faculdade de Educação Física de R$ 801 a R$ 1.000

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) 

• Universidade Estácio de Sá (UNESA) 

• Centro Universitário do Rio Grande do Norte (UNI-RN)

• Universidade Paulista (UNIP)

Faculdade de Educação Física acima de R$ 1.000

• Centro Universitário de Maringá (UNICESUMAR)

• Centro Universitário Jorge Amado (UNIJORGE)

• Centro Universitário Capital (UNICAPITAL)

• Universidade Positivo

Diferenças entre licenciatura e bacharelado em Educação Física

O curso de Educação Física é encontrado em dois graus de formação. Para que você entenda a diferença, explicamos rapidamente:

• Licenciatura em Educação Física: forma professores de Educação Física para os ensinos fundamental e médio, para atuar em escolas públicas ou particulares. Além das matérias específicas da Educação Física, o aluno da licenciatura passa também por disciplinas relacionadas à pedagogia e à didática. Outro campo de atuação para o licenciado é a pesquisa acadêmica.

• Bacharelado em Educação Física: tem grade curricular mais ampla e forma profissionais com área de atuação mais abrangente em relação aos licenciados. O bacharel em Educação Física estará apto a trabalhar em academias de ginástica, clubes, hotéis, SPAs, como personal trainer ou ainda como treinador de equipes esportivas.

Mensalidades de Educação Física a distância

Um jeito de se formar em Educação Física pagando uma mensalidade menor é optar por um curso a distância (EAD).

De acordo com o Censo da Educação Superior no Brasil, o cursos de licenciatura em Educação Física já têm 40% de seus alunos matriculados na modalidade a distância. E a tendência é que o EAD cresça ainda mais.

As graduações EAD trabalham com os mesmos conteúdos e grade curricular dos cursos presenciais. A exigência por parte dos professores e da faculdade também é a mesma. E o diploma vale tanto quanto o de uma graduação presencial (desde que, é claro, o curso seja credenciado pelo Ministério da Educação).

No EAD o estudante tem mais flexibilidade de horários, pois pode estudar em casa ou em qualquer outro lugar com acesso à internet. Mas isso não significa que o curso seja mais fácil. Pelo contrário: ao ter mais liberdade, o estudante tem que redobrar seus esforços e sua disciplina se quiser acompanhar todo o conteúdo, ir bem nas provas e conseguir seu diploma.

É importante saber que as graduações EAD não são 100% a distância. Embora boa parte do curso aconteça em um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) acessado pela internet, alguns eventos como provas finais e aulas práticas exigem a presença física do estudante. Por isso, antes de se matricular é bom verificar se existe um polo de apoio próximo de onde você mora ou trabalha.

Além de economizar tempo e dinheiro com deslocamentos, se você optar por uma graduação em Educação Física no modelo EAD vai encontrar mensalidades por praticamente a metade do preço, em alguns casos por menos de R$ 400.

O importante, como falamos, é que a instituição seja credenciada e tenha qualidade.

Separamos algumas faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC onde você pode fazer Educação Física a distância:

Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) 

Universidade Estácio de Sá (UNESA) 

Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) 

Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) 

Universidade de Franca (UNIFRAN) 

Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais 

Outras formas de estudar Educação Física pagando menos

Se mesmo a faculdade a distância está pesada para o seu bolso, não desanime! Dá para estudar gastando ainda menos – ou fazer a faculdade inteira sem pagar nada.

Com bolsas parciais e integrais em cursos presenciais e a distância, o Programa Universidade para Todos (ProUni) é uma das possibilidades. Essa iniciativa, bancada pelo governo federal, abre inscrições duas vezes por ano. Para concorrer ao benefício é preciso ter feito o Enem mais recente, cumprir os requisitos de pontuação no exame, renda familiar e formação escolar.

O governo federal tem outro programa destinado a facilitar o acesso ao ensino superior. É o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), que oferece crédito a juros baixos e com prazo longo para quitar a dívida. Para concorrer ao financiamento também é preciso se enquadrar em critérios de desempenho no Enem e renda familiar. O FIES só vale para cursos presenciais.

Além das iniciativas governamentais, outra dica é procurar bolsas de estudo em sites especializados, como o Educa Mais Brasil e o Quero Bolsa. Esses portais conectam estudantes em busca de bolsas com faculdades que têm vagas sobrando. É o famoso ganha-ganha: a universidade completa as salas de aula e o estudante ganha descontos que chegam a 75% e duram até o fim da graduação.

Fique de olho também nos benefícios das próprias faculdades. Muitas têm programas de bolsa por mérito e financiamentos sem burocracia.

Veja também:

A carreira de Educação Física

Vai estudar Educação Física? Já escolheu sua faculdade? Conte para a gente aqui nos comentários!