O curso de Economia ou de Ciências Econômicas, como também é conhecido, é oferecido na modalidade de bacharelado e dura em média, 4 anos. É possível fazer uma faculdade de Economia tanto no formato presencial quanto EAD e o tempo de duração nas duas modalidades é o mesmo.

Quem se forma nessa área tem boas possibilidades de construir uma carreira sólida, pois um profissional de finanças é requisitado em todo e qualquer tipo de empresa.

O economista pode atuar no gerenciamento de finanças da empresa, atuar no mercado financeiro, trabalhar com análise do cenário econômico do país, fazer estudos e criar projetos de investimentos para companhias e órgãos governamentais, enfim... há um mundo de possibilidades.

Mas para se tornar um bom profissional é preciso buscar uma faculdade que ofereça um ensino de qualidade e prepare o aluno para um mercado de trabalho cada vez mais competitivo.

Então, se você procura uma graduação na área de finanças, confira este post, que citaremos os melhores cursos de Economia à distância, de acordo com o MEC.

Quais são os melhores cursos de Economia à distância, de acordo com o MEC?

Para classificar os melhores cursos de Economia a distância, o MEC utiliza um rigoroso sistema de avaliação que levam em consideração os seguintes fatores:

  • Grau de aprendizagem do aluno ao longo do curso, que é medido por meio da aplicação do ENADE. O exame é feito anualmente e a instituição deve alcançar uma pontuação mínima de 3 pontos (entre 1 e 5), para que seu ensino seja considerado satisfatório;

  • Qualidade dos recursos didáticos e pedagógicos oferecidos pela instituição;

  • Infraestrutura das salas de aulas e laboratórios dos polos de apoio, distribuídos no país;

  • Nível de qualificação do corpo docente presente na instituição;

  • Plano de desenvolvimento institucional da faculdade ou universidade.

Então, quando você faz uma pesquisa no Portal do Ministério da Educação, além da pontuação do Enade, você também encontra os conceitos CC (Conceito do Curso) e CPC (Conceito Preliminar do Curso).

Para que a instituição seja avaliada positivamente, a pontuação nos dois conceitos deve ser entre 3 e 5. O valor da nota depende de quanto a faculdade está dentro dos padrões de qualidade do MEC em relação aos pontos citados acima.

São poucas as instituições que oferecem o curso de Economia na modalidade EAD e por isso, apenas 3 delas já foram avaliadas pelo MEC nos critérios que classificam um curso a distância como satisfatório. Veja quais são elas!

  • Universidade Paulista - UNIP - Particular

  • Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC - Pública

  • Faculdade de Estudos Administrativos de Minas Gerais - FEAD - Particular

Todas as 3 instituições alcançaram a pontuação 4 no conceito CC (Conceito do Curso), o que é considerado muito bom. Já no CPC (Conceito Preliminar do Curso), apenas a FEAD e a UFSC foram avaliadas pelo Ministério da Educação e ambas alcançaram a nota 3, que é um índice satisfatório.

Como funciona o curso de Economia a distância?

O curso de Economia à distância equilibra disciplinas voltadas para as áreas de Ciências Exatas e Ciências Humanas. O objetivo da graduação é formar profissionais capacitados para entender como o mercado econômico nacional e mundial funcionam.

Mesmo na modalidade EAD, o estudante precisa se dedicar, pois o curso de Economia pede muita leitura e aprendizado de cálculos. Isso porque entender sobre mercado financeiro não é nada fácil, ainda mais que há mudanças nesse setor frequentemente, então, o estudante precisa se manter informado sobre o que acontece na economia do país e do mundo.

Lembrando que diversos fatores contribuem para mudanças no cenário econômico, como mudanças no cenário político, desastres climáticos ou descobertas científicas. Por isso, além das aulas tradicionais, o estudante precisa se manter atualizado sobre o que acontece ao seu redor.

Como todos os outros cursos EAD, para fazer uma faculdade de Economia é preciso comparecer à instituição para fazer atividades presenciais como provas e apresentação de TCC (Trabalho de Conclusão de Curso). O estágio também é obrigatório e o aluno precisa cumprir a jornada mínima estipulada pela instituição para se formar.

O que o aluno estuda na faculdade de Economia a distância?

As disciplinas do curso de Economia EAD variam de acordo com a instituição. Mas, basicamente, as matérias a serem estudadas são:

  • Análise da Conjuntura Internacional

  • Análise de Séries Temporais

  • Contabilidade Social

  • Cooperativismo

  • Custos e Preços nos Negócios

  • Desenvolvimento Socioeconômico

  • Econometria

  • Economia Brasileira Contemporânea

  • Economia Comportamental

  • Economia do Setor Público

  • Economia Internacional

  • Economia Matemática

  • Economia Política

  • Elaboração e Análise de Projetos

  • Estatística Econômica

  • Evolução do Pensamento Econômico

  • Finanças Empresariais

  • Formação Econômica do Brasil

  • Macroeconomia

  • Mercado de Capitais

  • Metodologia Econômica

  • Microeconomia

Cursos de Economia a distância reconhecidos pelo MEC

Conheça outras instituições reconhecidas pelo MEC que oferecem a graduação em Economia EAD. Todas são particulares e oferecem um excelente custo-benefício.

  • Universidade Cruzeiro do Sul - UNICSUL

  • Centro Educacional Anhanguera - ANHANGUERA

  • Universidade Cidade de São Paulo - UNICID

  • Universidade de Franca - UNIFRAN

  • Centro Universitário Claretiano - CEUCLAR

  • Universidade Estácio de Sá - UNESA

  • Universidade do Sul de Santa Catarina - UNISUL

  • Universidade Metropolitana de Santos - UNIMES

  • Centro Universitário de Maringá - UNICESUMAR

  • Centro Universitário do Instituto de Educação Superior de Brasília - IESB

  • Universidade Pitágoras UNOPAR

  • Centro Universitário Assis Gurgacz - FAG

  • Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG

  • Centro Universitário INGÁ

  • Centro Universitário Leonardo Da Vinci

  • Centro Universitário de Jaguariúna - FAJ

  • Centro Universitário Metropolitano de Maringá - UNIFAMMA

Veja também:

Faculdades a distância reconhecidas pelo MEC

7 vantagens de se fazer um Ensino a Distância

Pensando em fazer um curso de Economia a distância? Por que optou por estudar por meio dessa modalidade de ensino? Conte para  gente deixando seu comentário.