Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque uma bolsa

    Compare preços e escolha a bolsa de estudos que seja sua cara.


  2. Garanta a bolsa

    Pague a adesão para garantir sua bolsa.


  3. Tamo junto na próxima fase.

    Agora é só fazer o processo seletivo e se matricular na faculdade.


Universidades

Técnico de Enfermagem e Enfermeiro: Entenda a diferença!

21 de julho
Imagem do autor
Escrito porJuliana Gottardi

A série Greys Anatomy retrata o dia a dia em um hospital. Na história, os médicos são destaque. Porém, dentro desse ambiente, há muitas outras profissões necessárias, como a de enfermeiro, de técnico em enfermagem e também de auxiliar em enfermagem.

Isso mostra que há diversas formas de trabalhar na área da saúde. E, com a pandemia, o interesse em cargos nesse setor aumentou. Juntamente a isso, a área tem se mostrado repleta de oportunidades.

De acordo com o Caged, mais da metade dos mais de 125 mil postos de trabalho criados no setor de Serviços possuem alguma relação com a área da saúde, como atendimentos médicos e hospitalares, serviços de assistência a idosos e pessoas com deficiência e a assistência social.

Os ofícios ligados à enfermagem possuem distinções entre si, variando em função, salário e outros fatores. Tanto que a legislação brasileira regulamenta o exercício da enfermagem em tipos diferentes de atuação. A lei nº 7.498 traz detalhes sobre cada modalidade dentro da enfermagem.

Conheça, a seguir, as principais diferenças entre técnicos de enfermagem e enfermeiros. Saiba também como construir uma carreira em cada uma dessas profissões.

Veja também:
+
Cursos na área da saúde: Veja a melhor opção para você!

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Leia mais: Conheça os melhores cursos técnicos na área da saúde
+ Conheça todos os cursos da área da saúde e decida qual fazer

Diferenças entre técnico de enfermagem e enfermeiro?

Uma das distinções fundamentais entre os cargos é que o técnico de enfermagem não possui a qualificação necessária para tratar casos graves, o que requer a supervisão de um enfermeiro. Em contraste, o enfermeiro possui a capacitação para cuidar de pacientes críticos e tomar decisões em situações de emergência.

Os técnicos de enfermagem são responsáveis por cuidados mais diretos e práticos aos pacientes. Eles realizam tarefas como monitorar sinais vitais, atuar no controle e prevenção de doenças, entre outras atividades de cuidados básicos.

Enquanto os enfermeiros têm um escopo de prática mais amplo e são responsáveis por avaliar, planejar e fornecer cuidados de enfermagem abrangentes aos pacientes. Além das atividades realizadas pelos técnicos de enfermagem, os enfermeiros também administram medicamentos, realizam procedimentos mais complexos, e coordenam equipes de enfermagem.

Veja também:
+ Quais são as matérias do Curso Técnico de Enfermagem?

O que faz um enfermeiro?

O enfermeiro é o profissional com funções mais abrangentes e complexas. Entre os encargos destinados a ele, estão:

  • Cuidar dos pacientes;
  • Trabalhar em conjunto com os médicos;
  • Realiza exames;
  • Aplicar injeções;
  • Administrar remédios prescritos;
  • Fazer curativos; 
  • Fazer a triagem de casos;
  • Organizar prontuários;
  • Zelar pela organização e limpeza do ambiente hospitalar;
  • Separar instrumentos cirúrgicos;
  • Coordenar equipes.

Como se tornar um enfermeiro?

Para se tornar um enfermeiro, é preciso fazer uma graduação em Enfermagem. O curso tem disciplinas teóricas e práticas das áreas de conhecimento de Ciências Biológicas e da Saúde, Ciências Humanas e Sociais e Ciências da Enfermagem. 

Normalmente, essa formação leva cinco anos para ser concluída. Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais definidas pelo Ministério da Educação (MEC), a graduação deve, obrigatoriamente, abordar os seguintes conteúdos: Ciências Biológicas e da Saúde; Ciências Humanas e Sociais; Ciências da Enfermagem (Fundamentos, Assistência, Administração e Ensino). Para tanto, os cursos costumam oferecer as disciplinas a seguir:

  •  Agentes Infecciosos;
  •  Anatomia Humana;
  •  Bases Anatomofisiológicas da Avaliação Clínica;
  • Farmacologia Clínica
  • Farmacologia Geral
  • Processos Patológicos
  • Psicologia em Saúde
  • Saúde Coletiva
  • Bioestatística
  • Bioinformática
  • Bioquímica

Vale destacar que os cursos de enfermagem podem variar de valor conforme localidade e instituição. Na Quero Bolsa é possível encontrar bolsas de estudo de até 80%. Dessa forma, encontram-se na plataforma mensalidades a partir de a partir de R$ 149,00.

Onde um enfermeiro pode atuar?

Há diversas oportunidades de trabalho para o enfermeiro. Alguns exemplos de locais são:

  • Unidades de estratégia da saúde da família;
  • Ambulatórios;
  • Atendimento a eventos;
  • Hospitais;
  • Clínicas;
  • Empresas;
  • Ong’s;
  • Atendimentos domiciliares.

Quanto ganha um enfermeiro?

O salário de um enfermeiro vai depender do lugar que ele trabalha, da experiência que ele tem e da região de atuação.

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de 2021, do Ministério do Trabalho, informou que o salário médio de um enfermeiro no Brasil é de R$3.136,00.  Ainda de acordo com a mesma fonte, o estado com a maior remuneração é o Distrito Federal, com uma remuneração de R$4.039,00 

Além disso, a especialidade com maior salário médio é o Enfermeiro Neonatologista, o qual tem como salário médio o valor de R$9.039,00. 

Veja também: Profissões na área da Enfermagem que talvez você não conheça
+ Melhores cursos de Enfermagem em São Paulo, segundo o MEC

O que faz um técnico de enfermagem?

O técnico de enfermagem tem uma atuação mais restrita, uma vez que precisa sempre ser supervisionado pelo enfermeiro. Na prática, ele é responsável por cuidar dos pacientes e auxiliar a equipe de enfermeiros. Além disso, é função do técnico de enfermagem:

  • Prestar assistência a pacientes;
  • Atuar no controle e prevenção de doenças;
  • Oferecer apoio ao enfermeiro;
  • Ajudar a planejar atividades da área;
  • Controlar o risco de infecção hospitalar. 

Como se tornar um técnico de enfermagem?

Para exercer o cargo de técnico de enfermagem também é necessário ter uma formação. No caso, a pessoa precisa ingressar num curso técnico de enfermagem, o que exige o ensino médio completo.

A duração do curso técnico em enfermagem é de cerca de dois anos.

Onde um técnico de enfermagem pode atuar?

Um técnico de enfermagem pode atuar em diferentes locais. Por exemplo:

  • Clínicas;
  • Hospitais;
  • Casas de repouso;
  • ONGs

Quanto ganha um técnico de enfermagem?

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de 2018, do Ministério do Trabalho, mostram que o salário médio de um técnico de Enfermagem no Brasil é de R$ 1.900. Porém, esse valor pode variar conforme região, cargo e outros fatores.

Saiba também: Que nota precisa tirar no Enem para passar em Enfermagem?
+ Quanto custa um curso técnico em Enfermagem?

Teste vocacional para Enfermagem

Se você está pensando em cursar Enfermagem mas está na dúvida se tem o perfil dessa profissão, vale a pena fazer um teste vocacional específico para essa área.

A Quero Bolsa oferece uma opção gratuita de teste vocacional para enfermagem. Basta entrar no site e responder as perguntas. 

Onde estudar Enfermagem?

Se você está decidido a cursar Enfermagem, saiba que existem muitas opções de faculdades para você ingressar.

Antes de selecionar uma, é importante verificar se ela é reconhecida pelo MEC. Isso porque o aval do órgão é uma garantia de que aquela instituição oferece uma formação adequada. Além disso, o seu diploma só será válido em todo o território nacional se a faculdade tiver uma boa avaliação no MEC.

Listamos algumas faculdades que são reconhecidas pelo MEC. Confira a seguir:

Caso você tenha dúvidas se esse curso é a escolha certa para você, não deixe de conferir o Teste Vocacional da Quero Bolsa. É rápido, gratuito e pode te ajudar nessa importante escolha profissional.
Facul sem treta? É aqui mesmo!
Facul sem treta? É aqui mesmo!

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.